Abrir menu principal
Rapax Team

A Rapax Team é uma equipe automobilística italiana que disputou várias temporadas da GP2 Series e o Campeonato de Fórmula 2 da FIA de 2017. A história da equipe pode ser rastreada até quando a equipe da GP Racing foi fundada em 1997, e também quando a Piquet Sports foi criada em 2000 pelo tricampeão mundial de Fórmula 1 Nelson Piquet. Em 2007, a Piquet Sports e a GP Racing se fundiram para criar a "Minardi Piquet Sports". Em 2008, a equipe retirou a palavra "Minardi" de seu nome.[1] No início de 2009, a equipe foi vendida e renomeada para Piquet GP, mas mudou seu nome novamente em novembro para Rapax Team, uma vez que todos os laços remanescentes com o proprietário Piquet foram cortados.[2]

Índice

HistóriaEditar

Fórmula 3Editar

A equipe é fundada em 2000 com o objetivo principal de levar Nelson Angelo Piquet para a Fórmula 1 sob a direção técnica de Felipe Vargas que está até hoje. Se apresenta pela primeira vez na Fórmula 3 Sul Americana em 2001 e para o ano seguinte consegue seu primeiro título ao totalizar 13 vitórias e 16 pole position. A escuderia decide participar da Fórmula 3 Britânica em 2003 chegando em terceiro no campeonato, e sendo campeões em 2004.

GP2 SeriesEditar

Ingressa no primeiro campeonato da GP2 Series em associação com a fabricante de motores britânica HiTech Racing que para este ano foi renomeada como HiTech/Piquet Racing com os pilotos brasileiros Nelson Angelo Piquet e Alexandre Negrão. Piquet conseguiria a primeira vitória da equipe em Spa na Bélgica.

Para a temporada 2006 a equipe volta a correr com os mesmos pilotos mas esta vez sem a marca HiTech, obtendo o segundo lugar entre os construtores e o titulo de vice-campeão para Nelson Piquet.

Em 2007 faz uma aliança com a ex-equipe de Fórmula 1, Minardi, para correr na temporada 2007 com os pilotos Alexandre Negrão e o espanhol Roldán Rodríguez, sendo a 11ª classificada entre as equipas.

Em 2008 os pilotos foram Andreas Zuber e Pastor Maldonado, com a equipa a ficar no 3º lugar final.

Para a temporada de 2009 a equipa mudou de nome, para Piquet GP, e contratou os pilotos Roldán Rodríguez e Alberto Valerio, e foi a 7ª classificada entre as equipas.

Na temporada 2010, a equipa mudou de nome novamente, para Rapax Team, sendo campeã com o piloto venezuelano Pastor Maldonado.

ReferênciasEditar

  1. "The Renaissance Men of GP2", Autosport Magazine pg. 40–41. May 8, 2008 Issue (Vol. 192, No. 6)
  2. O'Leary, Jamie (20 de novembro de 2009). «Piquet GP changes name». autosport.com. Haymarket Publications. Consultado em 20 de novembro de 2009 

Ligações externasEditar