Raymond Chow

Raymond Chow
Nascimento 8 de outubro de 1927
Hong Kong britânico
Morte 2 de novembro de 2018 (91 anos)
Hong Kong
Cidadania República Popular da China
Alma mater Universidade de São João
Ocupação produtor cinematográfico
Prêmios Estrela Bauhinia dourada, Oficial da Ordem do Império Britânico

Raymond Chow Man-Wai OBE, GBS (Hong Kong, 8 de outubro de 1927 — Hong Kong, 2 de novembro de 2018) foi um produtor cinematográfico de Hong Kong, responsável pela sucesso do lançamento das artes marciais no cinema e pela elevação do cinema de Hong Kong no mercado cinematográfico internacional. Através dos estúdios "Golden Harvest", co-fundado em 1971, produziu mais de 170 filmes ao longo de sua carreira e foi o responsável por lançar as carreiras internacionais de Bruce Lee, Jackie Chan e Tsui Hark.[1][2]

BiografiaEditar

 
"A estrela", impressão das mãos e autógrafo de Raymond Chow na "Avenue of Stars", em Hong Kong.

Antes do cinemaEditar

Da etnia Hacá, frequentou a Saint John's University, em Xangai, e graduou-se, em 1949, em jornalismo.[3][4][5] Em 1951, juntou-se ao Voz da América, em Hong Kong. Estudou artes marciais com o mestre Lam Sai-wing.[6]

Início da carreiraEditar

Entre 1958 e 1970, iniciou sua carreira cinematográfica como chefe de publicidade e de produção da Shaw Brothers. Ele alugou o Cathay Studio, uma potência na Malásia naquela época, com uma cadeia de 104 salas de cinema.[7]

Produtora própriaEditar

Em 1970, o Cathay Studio rompeu a associação para Hong Kong. Com isso, saiu da Shaw Brothers e co-fundou a produtora Golden Harvest. Com a experiência das deficiências da Shaw Brothers, que limitava a criatividade artística, foi capaz de atrair Bruce Lee, tornando-se um sério competidor com seu ex-empregador.[3]

Com a liderança de Chow, a Golden Harvest tornou-se a principal empresa da indústria cinematográfica de Hong Kong, liderando as bilheterias durante as décadas de 1970 e 1980.[8]

Parceria com Bruce LeeEditar

Em 1973, fundou com Bruce Lee, a produtora Concord Production Inc., em Hong Kong. Lee ficava a cargo das decisões artísticas, deixando as decisões administrativas com Chow. Ambos tinham 50 por cento das ações. Com a morte de Lee, ainda em 1973, a esposa dele, Linda, vendeu as ações ao próprio Raymond Chow.[9]

AposentadoriaEditar

Anunciou, oficialmente, sua aposentadoria em 5 de novembro de 2007, após vender suas ações. A empresa, então, trocou seu nome para Orange Sky Golden Harvest.[10][11]

MorteEditar

Morreu em 2 de novembro de 2018, em Hong Kong, aos 91 anos.[1][2]

Referências

  1. a b «Produtor de Bruce Lee, Raymond Chow, morre aos 91 anos». G1. 3 de novembro de 2018. Consultado em 5 de novembro de 2018 
  2. a b «Raymond Chow, Hong Kong producer who found Bruce Lee, dies» (em inglês). The Guardian. 3 de novembro de 2018. Consultado em 5 de novembro de 2018 
  3. a b Chu, Yingchi (2003). Hong Kong Cinema: Coloniser, Motherland and Self. [S.l.]: RoutledgeCurzon. 184 páginas. ISBN 0-7007-1746-3 
  4. «Raymond Chow, film producer behind Bruce Lee, dies at 91» (em inglês). Irish Independent. Consultado em 5 de novembro de 2018 
  5. Boucher, Geoff; Pedersen, Erik. «Raymond Chow Dies: Iconic Hong Kong Producer Launched Bruce Lee & Jackie Chan» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 5 de novembro de 2018 
  6. Williams, Trey. «Raymond Chow, 'Enter the Dragon' and 'Police Story' Producer, Dies at 91» (em inglês). MSN. Consultado em 5 de novembro de 2018 
  7. Teo, Stephen (2015). Chinese Martial Arts Cinema: The Wuxia Tradition. [S.l.]: Edinburgh University Press. p. 111. 272 páginas. ISBN 1-4744-0009-4 
  8. «Golden Harvest's Raymond Chow recalls glory days of Hong Kong film» (em inglês). South China Morning Post. 23 de março de 2013. Consultado em 5 de novembro de 2018 
  9. Thomas, Bruce (2004). Vera vita di Bruce Lee. Storia, ambizioni e caduta di uno spirito guerriero. [S.l.]: Castelvecchi. 382 páginas. ISBN 8-8761-5000-5 
  10. «Hong Kong film tycoon to retire» (em inglês). www.china.org.cn. 6 de novembro de 2007. Consultado em 5 de novembro de 2018 
  11. Pereira, Jorge (3 de novembro de 2018). «Morreu Raymond Chow, produtor de Bruce Lee e Jackie Chan». C7nema. Consultado em 5 de novembro de 2018 

Ligações externasEditar