Raymundo de Souza

ator brasileiro
Raymundo de Souza
Nascimento 12 de maio de 1952 (68 anos)
Santo André, SP
Nacionalidade brasileiro
Ocupação Ator

Raymundo de Souza (Santo André, 12 de maio de 1952) é um ator brasileiro que atua em novelas, teatro e cinema.

Com mais de quarenta peças no currículo, Raymundo atuou ao lado de nomes como Cleyde Yáconis, Ziembinski, Ruth Escobar, Tereza Raquel e Jonas Mello.

Na televisão, estreou em 1979, na novela "Cara a Cara", da Rede Bandeirantes. Ingressou na Rede Globo em 1982 na série Caso Verdade, onde em 1986 teve destaque como o poeta Dimas (Rafael), de "Sinhá Moça", onde atuou ao lado de atores como Rubens de Falco e Luiz Carlos Arutin.

Sempre muito atuante e presente nas telenovelas, Raymundo de Souza passou por praticamente todas as emissoras brasileiras como TV Cultura onde atuou em Maria Stuart, SBT onde atuou em Vida Roubada, Meus Filhos, Minha Vida, Cortina de Vidro, Brasileiras e Brasileiros e Amor e Ódio. Na TV Manchete interpretou o vilão Felipe Câncio em Mandacaru e na Globo participou ainda de novelas como Direito de Amar, Mandala, Pacto de Sangue, Pedra sobre Pedra, O Cravo e a Rosa, Terra Nostra e Cabocla, entre outras.

Contratado pelo TV Rercord em 2007 para a novela Vidas Opostas, Raymundo de Souza é um dos atores mais frequentes em produções da emissora desde então, já tendo atuado em cerca de 15 novelas e minisséries na emissora, com destaque para grandes produções bíblicas como Rei Davi, Os Dez Mandamentos e A Terra Prometida.

Em 2018 Raymundo de Souza passou por 45 cirurgias e permaneceu internado por mais de sete meses, após sofrer um acidente de moto no Rio de Janeiro.[1] O ator teve alta e desde então segue se recuperando do acidente, enquanto se prepara para retornar ao trabalho

Atuação na televisãoEditar

Atuação no cinemaEditar

Referências

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre um ator é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.