Abrir menu principal

A Real Sociedade da Tailândia (em inglês: Royal Society of Thailand; em tailandês: ราชบัณฑิตยสภา), anteriormente conhecida como a Royal Society of Siam, é a academia nacional da Tailândia encarregada de trabalhos acadêmicos do governo.

O secretariado da sociedade é o escritório da Royal Society da Tailândia, anteriormente conhecido como o Instituto Real da Tailândia (em tailandês: ราชบัณฑิตยสถาน). O escritório é uma organização independente do departamento do Poder Executivo da Tailândia e não está sujeito a qualquer outra agência.

A Royal Society of Siam foi estabelecida em 19 de abril de 1926 e foi dissolvida em 31 de março de 1933.[1] A sociedade dissolvida foi dividida em Instituto Real da Tailândia e em Departamento da Tailândia de Belas Artes. Em 14 de fevereiro de 2015, o Instituto Real da Tailândia foi reorganizado. Seu Conselho de Administração se tornou a Sociedade Real da Tailândia, enquanto o próprio instituto tornou-se o escritório da sociedade.[2]

De acordo com a atual estrutura, os membros da Sociedade Real da Tailândia são de três tipos: Companheiros associados, companheiros e companheiros honorários. Os companheiros associados são especialistas escolhidos e nomeados pela sociedade. Os bolsistas são bolsistas associados selecionados pela sociedade e nomeados pelo monarca após parecer do primeiro-ministro. E os companheiros honorários são especialistas proeminentes selecionados pela sociedade e nomeados na mesma maneira que os companheiros.[2]

A sociedade é amplamente conhecida por seus papéis oficiais no planejamento e regulação do idioma tailandês, bem como as suas muitas publicações, particularmente o dicionário do Instituto Real dicionário, o oficial e prescritivo dicionário da língua tailandesa e o sistema geral real de transcrição de tailandês.

HistóriaEditar

Em 19 de abril de 1926, a Royal Society of Siam foi estabelecida pelo rei Prajadhipok.[2] A sociedade foi posteriormente dissolvida em 31 de março 1933 e suas divisões foram incorporadas a outras duas novas agências. As divisões acadêmicas tornaram-se o Instituto Real da Tailândia. As divisões arqueológicas tornaram-se o Departamento de Tailândia de Belas Artes.[1]

De acordo com a Lei sobre o Instituto Real de 1934, que entrou em vigor em 24 de Abril de 1933, o instituto foi uma pessoa colectiva patrocinada pelo governo e o primeiro-ministro estava no comando do instituto. O ato deu ao instituto três funções principais: a de conduzir pesquisas em todos os campos e publicar os resultados para o bem comum da nação, a troca de conhecimentos com os órgãos acadêmicos estrangeiros e a obtenção de opiniões acadêmicas para o governo e órgãos públicos. Sob o ato, os membros do instituto foram selecionados pelo próprio instituto e foram nomeados pelo monarca após a aprovação do gabinete e da Câmara dos Representantes.[3]

Em 1 de abril de 1942, o Royal Institute Act, 1942 entrou em vigor. O ato mudou o status do instituto a partir de uma pessoa colectiva para uma organização pública e autorizou o primeiro-ministro a comandar diretamente o instituto. O ato também modificou o método de seleção dos membros do instituto. Os membros foram selecionados e nomeados pelo primeiro-ministro e aprovados pelo monarca.[4]

Em 31 de dezembro de 1944, o Royal Institute Act (No. 2), 1944 entrou em operação. Novamente modificou-se o status do instituto e o método de seleção de seus membros. O instituto tornou-se um departamento independente comandado pelo primeiro-ministro e os seus membros foram selecionados pelo próprio instituto e foram nomeados pelo monarca após parecer do primeiro-ministro.[5] Em 12 de março de 1952, a Administrative Reorganisation Act, 1952 tornou-se operacional. Mudou o comandante do instituto do primeiro-ministro ao ministro da Cultura.[6] Em 1 de setembro de 1958, a Administrative Reorganisation Act (No. 6), 1958 entrou em vigor, alterando o comandante do instituto do ministro da Cultura ao ministro da Educação.[7]

Em 29 de Setembro de 1972, o Marechal de Campo thanom kittikachorn, líder da junta do chamado Conselho Revolucionário, emitiu o anúncio Conselho Revolucionário No. 216 que mais uma vez modificava o estado do instituto. Segundo o anúncio, o instituto mudou seu status de um departamento independente para um departamento do governo que não foi objecto de qualquer outra agência e era comandado pelo ministro da educação.[8]

Em 13 de novembro de 2001, o Royal Institute Act, 2001 entrou em operação. Sob o ato, o instituto era um departamento do governo que não foi objecto de qualquer outra agência. O ato também melhorou a estrutura do instituto e aumentou as suas missões.[9]

Em 14 de fevereiro de 2015, o Royal Society Act, 2015 entrou em vigor e reorganizou o instituto. Sob o ato, o conselho de administração do instituto, então conhecido como Conselho de Fellows (สภาราชบัณฑิต), tornou-se a Royal Society e o instituto tornou-se o secretariado da sociedade, conhecido como o escritório da Royal Society. O ato concedeu muitos novos poderes para o escritório, incluindo os poderes para gerir os seus próprios orçamentos, para proporcionar formação avançada em todos os campos da sociedade e conferir certificados sobre os formandos. Um fundo de previdência para os membros da sociedade também foi estabelecido pelo ato.[2] Muitos dos companheiros se opuseram à mudança de nome do instituto, porque nenhuma audiência pública sobre o assunto foi realizada.[10]

Referências

  1. a b «Prawat Khwam Pen Ma» ประวัติความเป็นมา (em Thai). Bangkok: Royal Institute of Thailand. 2007. Consultado em 14 de fevereiro de 2014. Arquivado do original em 6 de julho de 2013  |urlmorta= e |datali= redundantes (ajuda)
  2. a b c d Government of Thailand (13 de fevereiro de 2015). «Phra Ratchabanyat Ratchabandittayasapha Phutthasakkarat Song Phan Ha Roi Ha Sip Paet» พระราชบัญญัติราชบัณฑิตยสภา พ.ศ. 2558 [Royal Society Act, 2015] (PDF). Bangkok: Cabinet Secretariat. Royal Thai Government Gazette (em Thai). 132 (10A): 1–11. Consultado em 14 de fevereiro de 2015 
  3. Government of Thailand (24 de abril de 1934). «Phra Ratchabanyat Wa Duai Ratchabandittayasathan Phutthasakkarat Song Phan Si Roi Chet Sip Hok» พระราชบัญญัติว่าด้วยราชบัณฑิตยสถาน พุทธศักราช 2476 [Act on Royal Institute, 1934] (PDF). Bangkok: Cabinet Secretariat. Royal Thai Government Gazette (em Thai). 51: 128–146. Consultado em 14 de fevereiro de 2015 
  4. Government of Thailand (1 de abril de 1942). «Phra Ratchabanyat Ratchabandittayasathan Phutthasakkarat Song Phan Si Roi Paet Sip Ha» พระราชบัญญัติราชบัณฑิตยสถาน พุทธศักราช 2485 [Royal Institute Act, 1942] (PDF). Bangkok: Cabinet Secretariat. Royal Thai Government Gazette (em Thai). 59 (22): 789–798. Consultado em 14 de fevereiro de 2015 
  5. Government of Thailand (31 de dezembro de 1944). «Phra Ratchabanyat Ratchabandittayasathan (Chabab Thi Song) Phutthasakkarat Song Phan Si Roi Paet Sip Chet» พระราชบัญญัติราชบัณฑิตยสถาน (ฉะบับที่ 2) พุทธศักราช 2487 [Royal Institute Act (No. 2), 1944] (PDF). Bangkok: Cabinet Secretariat. Royal Thai Government Gazette (em Thai). 61 (79): 1215–1220. Consultado em 14 de fevereiro de 2015 
  6. Government of Thailand (11 de março de 1952). «Phra Ratchabanyat Prap Prung Krasuang Thabuang Krom Phutthasakkarat Song Phan Si Roi Kao Sip Ha» พระราชบัญญัติปรับปรุงกระทรวง ทบวง กรม พ.ศ. 2495 [Administrative Reorganisation Act, 1952] (PDF). Bangkok: Cabinet Secretariat. Royal Thai Government Gazette (em Thai). 69 (16): 313–327. Consultado em 14 de fevereiro de 2015 
  7. Government of Thailand (31 de agosto de 1958). «Phra Ratchabanyat Prap Prung Krasuang Thabuang Krom (Chabab Thi Hok) Phutthasakkarat Song Phan Ha Roi Et» พระราชบัญญัติปรับปรุงกระทรวง ทบวง กรม (ฉบับที่ 6) พ.ศ. 2501 [Administrative Reorganisation Act (No. 6), 1958] (PDF). Bangkok: Cabinet Secretariat. Royal Thai Government Gazette (em Thai). 75 (67 (Special)): 1–10. Consultado em 14 de fevereiro de 2015 
  8. Government of Thailand (31 de agosto de 1958). «Prakat Khong Khana Patiwat Chabap Thi Song Roi Sip Hok Long Wan Thi Yi Sip Kao Kanyayon Song Phan Ha Roi Sip Ha» ประกาศของคณะปฏิวัติ ฉบับที่ 216 ลงวันที่ 29 กันยายน 2515 [Revolutionary Council Announcement No. 216 dated 29 September 1972] (PDF). Bangkok: Cabinet Secretariat. Royal Thai Government Gazette (em Thai). 89 (145 (Special)): 1–16. Consultado em 14 de fevereiro de 2015 
  9. Government of Thailand (12 de novembro de 2001). «Phra Ratchabanyat Ratchabandittayasapha Phutthasakkarat Song Phan Ha Roi Si Sip Si» พระราชบัญญัติราชบัณฑิตยสถาน พ.ศ. 2544 [Royal Institute Act, 2001] (PDF). Bangkok: Cabinet Secretariat. Royal Thai Government Gazette (em Thai). 118 (104A): 1–11. Consultado em 14 de fevereiro de 2015 
  10. «Yuen sonocho khan plian chue ratchabandittayasathan» ยื่น สนช. ค้านเปลี่ยนชื่อ "ราชบัณฑิตยสถาน" [Objection to renaming of the Royal Institute has been filed with the NLA]. Post Today (em Thai). Bangkok. 28 de outubro de 2014. Consultado em 16 de abril de 2015. Cópia arquivada em 19 de abril de 2015