Realeza (Paraná)

Realeza é um município brasileiro do estado do Paraná. Realeza possui uma extensa área de preservação ambiental onde animais tais como lagartos vivem.

Realeza
  Município do Brasil  
Araucária, árvore bastante presente no município
Araucária, árvore bastante presente no município
Símbolos
Bandeira de Realeza
Bandeira
Brasão de armas de Realeza
Brasão de armas
Hino
Apelido(s) "Cidade dos Pinheiros"
Gentílico realezense
Localização
Localização de Realeza no Paraná
Localização de Realeza no Paraná
Mapa de Realeza
Coordenadas 25° 46' 01" S 53° 31' 37" O
País Brasil
Unidade federativa Paraná
Municípios limítrofes Norte: Capitão Leônidas Marques (sendo o divisor o Rio Iguaçu), Sul: Ampére, Leste: Santa Izabel do Oeste e Nova Prata do Iguaçu e a Oeste com Planalto e Capanema.
Distância até a capital
História
Fundação 24 de junho de 1961 (59 anos)
Emancipação 12 de novembro de 1963 (57 anos)
Aniversário 12 de novembro
Administração
Distritos
Prefeito(a) Milton Andreolli (PT, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [3] 353,415 km²
 • Área urbana  est. Embrapa[4] 2,54 km²
População total (est. IBGE/2016[5]) 17 068 hab.
Densidade 48,3 hab./km²
Clima Subtropical (Cfa)
Altitude [4] 520 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
CEP 85.770-000[2]
Indicadores
IDH (PNUD/2010[6]) 0,722 alto
 • Posição BR: 1244°
Gini (PNUD/2010[6]) 0,43
PIB (IBGE/2014[7]) R$ 441 450 mil
PIB per capita (IBGE/2014[7]) R$ 26 001,27
Outras informações
Padroeiro(a) Cristo Rei
Sítio realeza.pr.gov.br (Prefeitura)
camaraderealeza.pr.gov.br (Câmara)

GeografiaEditar

Localiza-se a uma latitude 25º46'01" Sul e a uma longitude 53º31'37" Oeste, estando a uma altitude de 520 metros.

Possui uma área de 354,0 km², área esta que é banhada ao norte pelo Rio Iguaçu.

Evolução históricaEditar

O nome no começo era "Realeza do Pinho", dado pelos pioneiros em 20 de setembro de 1960 por haver abundância da espécie arbórea Araucaria angustifolia. A fundação de Realeza se deu em 24 de junho de 1961 e a instalação deram-se em 12 de novembro de 1963. Após a criação do Município, no dia 24 de junho de 1963, com a exploração dessa, a cidade passou a chamar-se apenas Realeza.

DemografiaEditar

Sua população estimada em 2016 era de 17.068 habitantes, conforme dados de IBGE. A densidade demográfica é de 48,29 hab/km².[5]

Seu povo vive com uma boa qualidade de vida, com IDH de 0,722 (considerada alta) e indice Gini de 0,43 (moderado) segundo o PNUD.[6]

Economia e serviçosEditar

Com PIB em 2014 na ordem de R$ 441.450.000,00 e PIB per capita de R$ 26.001,27 segundo o IBGE,[7] Realeza desponta no cenário nacional sendo destaque nas diversas áreas como educação, saúde e assistência social. Conta com recentes fatos, que se tornaram históricos, como a conquista da Universidade Federal da Fronteira Sul, Centro de Pesquisa da Embrapa, Centro de Eventos, Lago Municipal, entre outros. Também se destaca por estar em um ponto estratégico da região Sudoeste.

TurismoEditar

  • Bosque Municipal;
  • Lago Municipal;
  • Gruta Nossa Senhora de Lourdes;
 
Ônibus da Eucatur, empresa que atua no município

InfraestruturaEditar

EducaçãoEditar

TransporteEditar

ComunicaçõesEditar

  • DDD: 46
  • CEP: 85770-000

ReligiãoEditar

A primeira missa realizada em Realeza aconteceu no dia 17 de setembro de 1961, celebrada pelo Padre Arthur Vangeel, da Paróquia Nossa Senhora da Glória de Francisco Beltrão, o altar foi improvisado na carroceria de um caminhão, de propriedade de Lotário Rippel.

Atualmente a cidade possui algumas igrejas além da Igreja Matriz Cristo Rei.

Administração municipalEditar

A primeira Administração Municipal teve como Prefeito Municipal João Maria Correa e vice-prefeito Rubem Cesar Caselani. Os primeiros nove vereadores que formaram a Câmara Municipal foram: Nelson Zucchi, Nilton Brognoli Machado, João Bonatti, Sirval Manfroi, Pedro Zanatta, Vergínio Lotici, João Bandinelli, Waldomiro Leite Chalito e João Schlickmann.

O atual prefeito é Milton Andreolli do PSDB, cargo que ocupa até 2020.

Escudo, hino e bandeira do municípioEditar

Em 1968 a Câmara de Vereadores aprovou e o Prefeito Municipal sancionou a lei nº 116/68, que consta em seu artigo primeiro a aprovação do Escudo, Hino e Bandeira do município.

Brasão e bandeiraEditar

A bandeira compõe-se de dois retângulos verdes intercalados por um retângulo branco, o qual contém o Escudo do Município no centro. O Escudo tem no centro um pinheiro, representando a maior riqueza natural do município, de um lado do Escudo dois ramos, um de milho outro de soja, representando as riquezas vegetais, e também um suíno ao lado do pinheiro, representando a riqueza agropecuária, do outro lado uma engrenagem, representando as indústrias do município, ao fundo o sol, que é símbolo americano. E como timbre tem o escudo uma coroa simbolizando a Rainha do Sudoeste do Paraná.

Ver tambémEditar

BibliografiaEditar

REALEZA, Paraná: origens e Formação do Município. Prefeitura Municipal de Realeza, Estado do Paraná. Administração 1993/1995.

Referências

  1. «Mapas e rotas». Guia 4 Rodas. Consultado em 3 de novembro de 2011 
  2. «CEP de cidades brasileiras». Correios. Consultado em 31 de julho de 2008 
  3. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  4. a b «Urbanização das cidades brasileiras». Embrapa Monitoramento por Satélite. Consultado em 30 de julho de 2008 
  5. a b «Estimativa populacional 2016» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2016. Consultado em 30 de agosto de 2016 
  6. a b c Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (2010). «Perfil do município de Realeza - PR». Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil 2013. Consultado em 28 de dezembro de 2013 
  7. a b c «Produto Interno Bruto dos municípios 2010-2014». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 14 de dezembro de 2016 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre municípios do estado do Paraná é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.