Rebelião de Ili

Rebelião de Ili (chinês tradicional: 伊寧事變, chinês simplificado: 伊宁事变, pinyin: Yīníng shìbiàn) foi uma revolta apoiada pelos soviéticos contra o governo Kuomintang da República da China em 1944. Após a rebelião, os rebeldes estabeleceram o Governo Provisório da Segunda República do Turquestão Oriental em 1944.[1]

Rebelião de Ili
Data 1944
Local Sinquião
Desfecho Cessar-fogo
Situação Cessar-fogo, governo de coligação e, posteriormente, a incorporação de Sinquião na República Popular da China
Beligerantes
Taiwan República da China  União Soviética

Segunda República do Turquestão Oriental Segunda República do Turquestão Oriental

Comandantes
Taiwan Chiang Kai-shek

Taiwan Bai Chongxi
Taiwan Ma Bufang
Taiwan Zhang Zhizhong
Taiwan Ma Chengxiang
Taiwan Ma Xizhen
Taiwan Han Youwen
Taiwan Liu Bin-Di 
Taiwan Ospan Batyr (1946-1951)
Taiwan Yulbars Khan

Taiwan Masud Sabri
União Soviética Joseph Stalin

Segunda República do Turquestão Oriental Ehmetjan Qasim
Segunda República do Turquestão Oriental Abdulkerim Abbas
Segunda República do Turquestão Oriental União Soviética Ishaq Beg
Segunda República do Turquestão Oriental Império Russo A. Polinov
Segunda República do Turquestão Oriental Império Russo F. Leskin

Segunda República do Turquestão Oriental Ospan Batyr (1944-1946)

Referências

  1. The Ili Rebellion: The Moslem Challenge to Chinese Authority in Sinquião, 1944-1949 by Linda Benson Armonk, N.Y.: M. E. Sharpe, 1990. 265 pp. $45. Reviewed by Daniel Pipes.