Abrir menu principal

A Recopa Sul-Americana de 1992 foi a terceira edição do torneio, disputada em jogo único, em um campo neutro, entre Colo Colo do Chile, campeão da Taça Libertadores da América de 1991, e o Cruzeiro do Brasil, campeão da Supercopa Libertadores 1991.

ParticipantesEditar

Clube Cidade Classificação Participação
  Colo-Colo Santiago Campeão da Copa Libertadores da América de 1991
  Cruzeiro Belo Horizonte Campeão da Supercopa Libertadores 1991

FinalEditar

19 de abril de 1992 Colo-Colo   0 – 0   Cruzeiro Kobe Universiade Memorial, Kobe (Japão)

Relatório Público: 60.000
Árbitro:   Juan Escobar Valdez
    Penalidades  
Borghi:  
Adomaitis:  
Margas:  
Viches:  
Pizarro:  
5–4 Nonato:  
Boiadeiro:  
Charles:  
Paulo Roberto:  
Paulão:  
 
     
 
 
Colo-Colo
     
 
 
Cruzeiro
COLO-COLO:
G 1   Morón   120'
LD   Salvatierra
Z   Garrido
Z 4   Margas
LE 5   Vilches
V   Miguel Ramírez
V   Mendoza
M 8   Borghi
M 10   Pizarro
A   González   90'
A 11   Adomaitis
Substituição:
A   Rubio   90'
G 12   Marcelo Ramírez   120'
Treinador:
  Mirko Jozić
CRUZEIRO:
G 1   Paulo César
LD 2   Paulo Roberto
Z 3   Paulão
Z 4   Adílson   50'
LE 5   Nonato
V 6   Ademir
M 8   Boiadeiro
M 14   Andrade
M 10   Luís Fernando
A 7   Aélson   90'
A 9   Charles
Substituição:
V   Vanderci   50'
A   Macalé   90'
Treinador:
  Ênio Andrade


Recopa Sul-Americana 1992
 
Colo-Colo
Campeão
(1º título)