Abrir menu principal

Referendo nacional da Federação Russa

Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde fevereiro de 2018). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
← 17 de março de 1991 • Flag of Russia.svg • 12 de dezembro de 1993
Referendo Nacional da Federação Russa (1993)
Rússia
25 de abril de 1993
Tipo de eleição:  Referendo

O Referendo nacional da Federação Russa foi uma votação popular ocorrida na Rússia, em 25 de abril de 1993, proposta pelo então presidente Boris Iéltsin, que tinha por objetivo resolver questões de cunho social, econômico e político de grande importância para o país. A votação vinha em uma época em que a Rússia acabava de se tornar soberana em relação à União Soviética, impulsionada pela ânsia do povo, que clamava por reformas.

O referendo justificou as mudanças de Iéltsin, que buscou poder sobre o Legislativo, que era contrário às reformas por ele impostas. Esse impasse levaria à Crise constitucional russa de 1993, que permitiu ao presidente russo dissolver o Parlamento e tomar plenos poderes, fazendo com que a Rússia adotasse um sistema semipresidencialista em detrimento do então vigente parlamentarismo.

O referendo era composto de quatro questões:

  1. Você confia no Presidente da Federação Russa, B.N. Iéltsin? (60% responderam sim)
  2. Você aprova as políticas sócio-econômicas conduzidas pelo Presidente e Governo da Federação Russa desde 1992? (54% responderam sim)
  3. Você considera indispensável a realização antecipada de eleições presidenciais para a Federação Russa? (51% responderam sim)
  4. Você considera indispensável a realização antecipada de eleições legislativas para a Federação Russa? (69% responderam sim)

A Suprema Corte da Federação Russa definiu que as duas primeiras questões, por serem de caráter pessoal e ético, seriam votadas por maioria simples, enquanto as duas outras questões, por apresentarem um tema constitucional, exigiriam o consentimento de mais da metade do eleitorado para que fosse possível a realização de eleições antecipadas.

ResultadosEditar

Eleitorado: 107 310 374

Votos/Questões Questão 1 Questão 2 Questão 3 Questão 4
Sim 40,405,811 (60%) 36,476,202 (54%) 34,027,310 (51%) 46,232,197 (69%)
Não 26,995,268 (40%) 30,640,781 (46%) 32,418,972 (49%) 20,712,605 (31%)
Nulos 1,468,868 1,642,883 2,316,247 1,887,258
Total 68,869,947 (100%) 68,759,866 (100%) 68,762,529 (100%) 68,832,060 (100%)