Região Metropolitana de Toledo

A Região Metropolitana de Toledo é uma região metropolitana brasileira, localizada no Paraná.[4][5][6] É composta por dezoito municípios, com uma população metropolitana de 398.323 habitantes, sendo Toledo o município sede.[7]

Região Metropolitana de Toledo
Localização
Localização da Região Metropolitana de Toledo
Unidade federativa  Paraná
Lei LCE 184/2015
Data da criação 14 de janeiro de 2015
Número de municípios 18
Cidade-sede Toledo
Características geográficas
Área 8 153,170 km²[1]
População 398 323 hab. (47º) Estimativa IBGE/2019[2]
Densidade 48,85 hab./km²
PIB R$ 3.977.055,51 IBGE/2009[3]
PIB per capita R$ 10.393,67 IBGE/2009[3]

MunicípiosEditar

TransporteEditar

 
Vista parcial de Toledo.
 
Ponte Ayrton Senna, na cidade de Guaíra.

RodoviasEditar

  • BR-163 Trecho Toledo - Quatro Pontes - Marechal Cândido Rondon - Guaíra
  • BR-467 Trecho Toledo - Cascavel
  • PR-182 Trecho Toledo - Maripá - Palotina
  • PR-317 Trecho Toledo - Ouro Verde do Oeste - São José das Palmeiras - Santa Helena
  • PR-585 Trecho Toledo - São Pedro do Iguaçu
  • PR-486 Trecho Toledo - Assis Chateaubriand
  • PR-488 Trecho Santa Helena - Diamante do Oeste
  • PR-364 Trecho Palotina - Assis Chateaubriand
  • PR-364 Trecho Palotina - Terra Roxa
  • PR-581 Trecho PR-317 - Tupãssi

AeroportoEditar

O Aeroporto Municipal de Toledo (IATATOWICAOSBTD), recebeu algumas melhorias em sua infraestrutura.[8][9] A Azul Linhas Aéreas operou voos ao Aeroporto Internacional de Curitiba, de janeiro de 2019 a março de 2020, quando suspendeu a ligação por conta da Pandemia de Covid-19, tendo sua retomada em dezembro de 2021, já com a nova rota ligando o oeste paranaense à cidade de Campinas .[10]

A região metropolitana também conta com os aeroportos de Guaíra (IATAGGJICAOSSGY), Marechal Cândido Rondon (ICAOSSCR) e Palotina (ICAOSSPT), somente Guaíra possuindo voos comerciais operados pela companhia Azul Conecta três vezes por semana com aeronaves Cessna 208B Grand Caravan fazendo a ligação da fronteira até a capital do estado.

Região Metropolitana de CascavelEditar

Com a instituição do Estatuto da Metrópole, a Região Metropolitana de Toledo não é considerada como tal, pelo fato de não se enquadrar à lei 13.089/2015, por não ser uma capital regional.[11][12]

Por este motivo, iniciaram-se discussões acerca da readequação da Região Metropolitana de Cascavel, que passaria a incluir os municípios da Microrregião de Toledo e da Microrregião de Foz do Iguaçu.[13][14]

Em 2018, o governo federal concedeu prazo de quatro anos para que a Região Metropolitana de Toledo seja extinta, com a opção de seus municípios se integrarem à Região Metropolitana de Cascavel.[15]

Em 2022 foi aprovana pela Assembleia Legislativa do Paraná, a Lei nº 21.353/23, que criou a Agência de Assuntos Metropolitanos do Paraná - AMEP, que tratará da organização de todas as regiões metropolitanas do estado, a saber: Curitiba, Londrina, Maringá e Cascavel.[16]

Ver tambémEditar

Referências

  1. IPARDES (ago. 2019). «Área territorial». Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social. Consultado em 3 de fevereiro de 2020 
  2. «Estimativa Populacional 2019» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Consultado em 3 de fevereiro de 2020 
  3. a b «Produto Interno Bruto a preços correntes e Produto Interno Bruto per capita segundo as Grandes Regiões, as Unidades da Federação e os municípios - 2005-2009» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 16 de janeiro de 2015. Arquivado do original (PDF) em 5 de agosto de 2012 
  4. «Governador assina criação das regiões metropolitanas de Apucarana, Cascavel, Campo Mourão e Toledo». O Diário. 14 de janeiro de 2015. Consultado em 15 de janeiro de 2015 
  5. «Assembleia Legislativa cria quatro novas regiões metropolitanas no Paraná». BondeNews. 17 de dezembro de 2014. Consultado em 15 de janeiro de 2015 
  6. «Governador Beto Richa sanciona lei que cria quatro novas regiões metropolitanas no Paraná». Agência Estadual de Notícias. 14 de janeiro de 2015. Consultado em 15 de janeiro de 2015 
  7. «PERFIL DA REGIÃO METROPOLITANA DE TOLEDO». Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (IPARDES). 28 de agosto de 2019. Consultado em 3 de fevereiro de 2020 
  8. «Aeroporto de Toledo deve receber investimento de cerca de R$ 1 milhão». Consultado em 4 de julho de 2015 
  9. Lira, Suzi (3 de janeiro de 2019). «Aeroporto de Toledo terá voos comerciais a partir da próxima quarta-feira». www.toledo.pr.gov.br. Portal do Município de Toledo - Paraná. Consultado em 14 de janeiro de 2019 
  10. Lira, Suzi (9 de janeiro de 2019). «Azul: voos comerciais mudam a vida das pessoas». www.toledo.pr.gov.br. Portal do Município de Toledo - Paraná. Consultado em 14 de janeiro de 2019 
  11. «L13089». www.planalto.gov.br. Consultado em 15 de novembro de 2015 
  12. «Conheça os sete conceitos principais do Estatuto da Metrópole | CAU/BR». www.caubr.gov.br. Consultado em 15 de novembro de 2015 
  13. «Duas regiões metropolitanas no Oeste são inviáveis, diz Cabrini». jornaldooeste.com.br. Consultado em 15 de novembro de 2015 
  14. «Portal do Município de Cascavel | Assembleia da Amop discute criação da região metropolitana Oeste». www.cascavel.pr.gov.br. Consultado em 15 de novembro de 2015 
  15. «Oeste ganha mais quatro anos para se organizar». O Paraná. 13 de janeiro de 2018. Consultado em 4 de junho de 2019 
  16. «Nova Agência de Assuntos Metropolitanos facilitará integração de cidades no Paraná». Agência Estadual de Notícias. Consultado em 2 de janeiro de 2023 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre geografia do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.