Relógio de Sol do Parque da Cidade

O Relógio de Sol do Parque da Cidade é um relógio solar em Brasília, no Distrito Federal. Ele fica dentro da área do Parque da Cidade Dona Sarah Kubitschek, na Asa Sul.

Relógio de Sol do Parque da Cidade Dona Sarah Kubitschek - Brasília, DF.

HistóriaEditar

O relógio foi construído pela Novacap e financiado pelo Ministério da Ciência e Tecnologia, com projeto do arquiteto Oscar Niemeyer. Foi inaugurado no dia 21 de abril de 1988 em comemoração aos 160 anos do Observatório Nacional e homenagem ao 28º aniversário da cidade de Brasília. Comemorou também o primeiro ano da capital como Patrimônio Cultural da Humanidade, título concedido pela Unesco. O relógio é o maior do gênero em disposição vertical do Brasil, medindo 6 metros de altura. [1][2]

Detalhes da estruturaEditar

 
Vista panorâmica do Parque da Cidade - Brasília, DF

O relógio foi construído com a face para o norte e teve a posição calculada pelo físico Marcomede Rangel Nunes, especialista em gnomônica, e só marca horas entre 5h e 19h, período de ocorrência da luz solar na cidade. Foi feito em concreto aparente, colocado sobre um espelho d'água. Pela sua posição, não mostra as horas entre novembro e fevereiro.[2]

ReferênciasEditar

  1. «Brasília tem relógio de sol no Parque da Cidade». DF2 - Globoplay. 1 de fevereiro de 2020. Consultado em 2 de julho de 2020 
  2. a b Correio Braziliense, 12 de fevereiro de 2011, Caderno Cidades, página 39