Abrir menu principal


República de Zamboanga
República de Zamboanga

Estado não reconhecido

Flag of Spain (1785–1873, 1875–1931).svg
1899 – 1903 Flag of the United States (1896–1908).svg

Bandeira de Zamboanga

Bandeira

Continente Ásia
Região Sudeste Asiático
País Filipinas
Capital Zamboanga
Governo República
Presidente
 • 1899 Vicente Álvarez
 • 1899-1901 Isidoro Midel
 • 1901-1903 Mariano Arquiza
Período histórico Guerra Filipino-Americana
 • 18 de maio de 1899 Fundação
 • Março de 1903 Dissolução

República de Zamboanga, oficialmente conhecida como La Independiente República de Zamboanga, foi uma república soberana de curta duração, fundada pelo general Vicente Álvarez com suas Forças Revolucionárias Zamboangueño depois que o governo espanhol em Zamboanga oficialmente se rendeu e o general Álvarez se voltou sobre a Real Fuerza de Nuestra Señora La Virgen del Pilar de Zaragoza em maio de 1899 e, em seguida, no mesmo mês de maio (em 28 de maio de 1899), proclamou a independência e tornou-se o primeiro e último presidente genuinamente eleito da República.[1]

HistóriaEditar

A república teve início em 18 de maio de 1899 com a rendição do forte da Real Fuerza de Nuestra Señora del Pilar de Zaragoza. Em 16 de novembro de 1899, os espanhóis finalmente evacuaram Zamboanga, depois de incendiar a maioria dos edifícios da cidade.[2] Em dezembro de 1899, o capitão Pratt, da 23ª Companhia de Infantaria dos Estados Unidos chegou em Zamboanga e assumiu o controle do forte.[3] Depois disso, a nascente república tornou-se um protetorado estadunidense. Em março de 1903, o governo do presidente Mariano Arquiza encerrou e foi substituído por um governador estadunidense.[4]

Referências

  1. Malcampo, Hermenegildo (2006). Historia de Zamboanga. [S.l.: s.n.] 
  2. «Zamboanga City History». Consultado em 9 de julho de 2016. Arquivado do original em 25 de julho de 2016 
  3. History of the 23rd U.S. Infantry
  4. «History of The Republic of Zamboanga (May 1899 - March 1903)». Zamboanga City, Philippines: zamboanga.com. 18 de julho de 2009. Consultado em 9 de julho de 2016. Arquivado do original em 2 de agosto de 2010