Abrir menu principal
Reverend Bizarre
Informação geral
Origem Lohja, Finlândia
Gênero(s) Doom metal
Período em atividade 1995–2007
Gravadora(s) Spinefarm Records
Afiliação(ões) The Puritan
Lord Vicar
Orne
Spiritus Mortis
Ex-integrantes Albert Witchfinder
Peter Vicar
Earl of Void

Reverend Bizarre foi uma banda de doom metal da Finlândia. Tocavam doom metal tradicional, seguindo o passo de bandas clássicas do gênero, como Trouble, Saint Vitus, Witchfinder General, Pentagram e Black Sabbath. As letras da banda giram em volta de temas bíblicos, satanismo, história e conflitos pessoais, de maneira romantizada e, muitas vezes, com uma ligação ao ocultismo.

HistóriaEditar

Reverend Bizarre foi criado em 1994 na cidade de Lohja, Finlândia, por Sami Hynninen, Kimi Kärki e Juippi, este último, membro fundador da banda HIM. A ideia era tocar o doom metal inspirado nas bandas tradicionais do gênero, querendo levar este para um público que não o conhecia. Começaram a fazer ensaios, que são interrompidos assim que os três têm que cumprir o serviço militar. Em 1996 gravam uma sessão com o resultado dessas sessões, sob o selo The Holy Parish of Doom, conhecido no meio underground como Practice Sessions. Pouco tempo depois, Kärki decide se mudar para Turku e Juippi começa a ter problemas com estimulantes, o que dissolve a banda.

No verão de 1998, Hynninen se muda para Turku e decide com Kärki reviver o Reverend Bizarre. Se reúnem então com Jara Pohjonen, que acabara de sair da prisão. Hynninen aressume o baixo e os vocais sob a alcunha de Sir Albert Witchfinder, Kärki, a guitarra com o nome de Padre Peter Vicar. Pohjonen vai para a bateria com o nome de Monsieur Earl of Void. Em 1999 começam os ensaios e é lançada a primeira fita demo, Slice of Doom, em três dias. Seu caráter purista dá à banda destaque no underground.

Em agosto do mesmo ano, a banda forma com outras bandas locais o Circle of True Doom, para promover o gênero.

E, pouco tempo, fazem uma turnê passando por Finlândia, Bélgica, Holanda, Inglaterra, Suíça, Estônia e Estados Unidos. Ao ver que a banda de prospectiva de futuro, planejam o lançamento de cinco discos: In the Rectory of the Bizarre Reverend, Crush the Insects, Songs From the Funereal World, Heavier than Life e How it Was Meant to Be.

Em 2002 lançam com o selo Sinister Figure o álbum In the Rectory of the Bizarre Reverend. Em 2003, após conseguir um contrato com a Spinefarm Records, lançam o EP Harbinger of Metal. Neste ano e no seguinte, lançariam splits com as bandas Ritual Steel, Orodruin e Minotauri, além do EP Return to the Rectory. [1]

Em 2005, sai o segundo álbum completo, com o nome de II: Crush The Insects, com uma temática que mistura a Guerra Civil Inglesa, a História dos Estados Unidos e o ocultismo. O álbum chegaria a ser o trigésimo-sexto da Suomen virallinen lista, as paradas finlandesas. Em 2006, lançariam um split com a banda Mannhai, além do EP Thulsa Doom e o longo single Teutonic Witch, este último tendo liderado as paradas. [2]

Em 2006, mostraram ter abortado o plano da pentalogia de álbuns ao substituir os três últimos pelo lançamento de III: So Long Suckers, em 2007, de acordo com Hynninen, para que a banda "terminasse antes de ficar ruim". Ainda em 2006, fizeram uma última apresentação em Turku e viram o álbum chegar ao sexto lugar nas paradas finlandesas.

Mesmo depois do fim da banda, esta apareceu em quatro splits lançados em 2008, e os três ex-membros ainda tocam juntos na banda de prog rock Orne. [3]

MembrosEditar

DiscografíaEditar

LPsEditar

  • I: In the Rectory of the Bizarre Reverend (2002)
  • II: Crush the Insects (2005)
  • III: So Long Suckers (2007)

EPs e singlesEditar

  • Harbinger of Metal (EP, 2003)
  • Return to the Rectory (EP, 2004)
  • Slave of Satan (CDS, 2005)
  • Thulsa Doom (7" EP, 2006
  • Teutonic Witch (CDS, May 30, 2007)

SplitsEditar


DemosEditar

  • Practice Sessions (1995)
  • Slice of Doom (1999)
  • You Shall Suffer! (2003)

ColetâneaEditar

  • Slice of Doom 1999-2002 (2004)

Referências

Links externosEditar