Abrir menu principal

Revolta Dezembrista

Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde Junho de 2009)
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.

A Revolta dezembrista (ou Revolta decembrentista[carece de fontes?],em russo:Восстание декабристов, tr. Vosstanie dekabristov)) teve lugar no Império Russo no dia 14 de dezembro de 1825. Nesta revolta, oficiais do exército russo chefiaram 3.000 soldados (quando se esperava pelo menos de 20.000 soldados) num protesto contra a coroação do czar Nicolau I, após o seu irmão mais velho, Constantino, abdicar do trono. O protesto se deu pela recusa dos 3.000 amotinados de fazerem o juramento de fidelidade ao tzar e, com as bandeiras desfraldadas e tocando os tambores, o amotinados marcharam ate a praça do Senado e se reuniram diante do Cavaleiro de Bronze. Os dezembristas clamavam por um Constituição, sugerindo uma monarquia constitucional (e nao uma autocracia que é o modelo tzarista) e a emancipação do campesinato, e na busca de apoio popular chegaram a distribuir folhetos informando erroneamente que Nicolau tinha usurpado o trono e assim reclamavam por um modelo de governo Constitucional. O fato é que a maioria dos soldados que estavam na praça não sabia o que era uma Constituição e estavam lá por acatar a hierarquia militar, ironicamente alguns achavam ate mesmo que Constituição seria a esposa de Constantino. Após alguns confrontos violentos, Nicolau I ganhou e mandou enforcar alguns dos principais conspiradores, enquanto outros (cerca de 121 amotinados) foram exilados para a Sibéria em 1826, como Serguei Volkonski. Os mesmos que sobreviveram ao exílio foram libertos pelo czar Alexandre II em 1856, mas nessa época sobreviveram somente 19, entre eles o próprio Serguei.

Serguei Volkonski seria inspiração de seu primo, Tolstoi, no célebre livro Guerra e Paz, como o personagem príncipe Andrei Bolkonski.

DecembristsExecutionMonument.jpg
DecembristsExecutionPlaque.jpg

Como este evento ocorreu em Dezembro, os rebeldes foram chamados de dezembristas.

A revolta teve influência no Iluminismo francês, caráter progressista e espirito liberal, começou na Praça do Senado em São Petersburgo. Em 1925, para marcar o centenário do evento, a praça foi renomeada: Praça Dezembrista. No entanto, em 2008, o nome foi novamente mudado para Praça do Senado.

O movimento Dezembrista viria a ser uma inspiração para o movimento populista russo das décadas de 1860 e 1870.

BibliografiaEditar

  • NEVILLE, Peter]] (2003). Russia: A Complete History: 120-1
  • MAZOUR, A.G. (1937). The First Russian Revolution, 1825: the Decembrist movement; its origins, development, and significance. Stanford University Press
  • FIGES, Orlando (2017). Uma Historia Cultural da Russia: pag 131; Editora Record.