Revolta de Abril (1876)

A Revolta de Abril (em búlgaro: Априлско въстание, Aprilsko vastanie) foi uma insurreição organizada pelos búlgaros do Império Otomano de abril a maio de 1876, o que indiretamente resultou no restabelecimento da Bulgária em 1878.[1] O exército regular otomano e unidades irregulares bashi-bazouk reprimiram brutalmente os rebeldes, levando a um clamor público na Europa e nos Estados Unidos, com muitos célebres intelectuais condenando as atrocidades otomanas e apoiando a oprimida população búlgara.

Revolta de Abril
Data 20 de abril - meados de maio de 1876
Local Bulgária otomana
Desfecho Rebelião reprimida; derrota da Revolta levou à Guerra Russo-Turca (1877-1878)
Beligerantes
Zname Aprilsko vastanie.svg Revolucionários Império Otomano Império Otomano
Comandantes
Zname Aprilsko vastanie.svg Stefan Stambolov
Zname Aprilsko vastanie.svg Ilarion Dragostinov  
Zname Aprilsko vastanie.svg Zahari Stoyanov
Zname Aprilsko vastanie.svg Georgi Benkovski  
Forças
cerca de 10.000 homens cerca de 100.000 homens
Baixas
30.000 mortos (incluindo civis) ?

A revolta de 1876 envolveu apenas as partes do território otomano predominantemente povoadas por búlgaros. O aparecimento de sentimentos nacionais búlgaros estava intimamente relacionado com o restabelecimento da independência da Igreja Ortodoxa Búlgara em 1870. Juntamente com conceitos do nacionalismo romântico, a ascensão da consciência nacional ficou conhecida como o Despertar nacional da Bulgária.

Referências

  1.   Vários autores (1911). «Bulgaria/History». In: Chisholm, Hugh. Encyclopædia Britannica. A Dictionary of Arts, Sciences, Literature, and General information (em inglês) 11.ª ed. Encyclopædia Britannica, Inc. (atualmente em domínio público) 

BibliografiaEditar

Ver tambémEditar

  Este artigo sobre história ou um(a) historiador(a) é um esboço relacionado ao projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.