Rio Coxipó

rio brasileiro localizado no Estado de Mato Grosso
Rio Coxipó
Cachoeira Véu de Noiva, no curso do rio Coxipó.
Comprimento 79 km
Nascente Vale da Benção, município de Chapada dos Guimarães
Altitude da nascente 840 m
Foz Rio Cuiabá, em Cuiabá
Altitude da foz 150 m
Área da bacia 678 km²
País(es)  Brasil

O rio Coxipó é curso de água do estado de Mato Grosso, Região Centro-Oeste do Brasil. Nasce no Vale da Benção, município de Chapada dos Guimarães, e percorre 78,58 km até desaguar no rio Cuiabá, em Cuiabá. Sua bacia hidrográfica conta com 678 km².[1]

Sua nascente e partes do rio e da bacia são protegidas pelo Parque Nacional da Chapada dos Guimarães. Nos primeiros quilômetros a jusante de sua cabeceira é alimentado por diversos mananciais menores, que aumentam sua carga. Em seguida despenca de uma altura de 80 metros, formando a Cachoeira Véu de Noiva, um dos principais atrativos do estado de Mato Grosso.[2]

O manancial drena a zona urbana de Cuiabá antes de atingir sua foz, localizada na região do Horto Florestal. A origem da cidade e de localidades próximas está ligada à exploração da região por bandeirantes, a exemplo de Manuel de Campos Bicudo, que alcançou a área seguindo os cursos dos rios Cuiabá e Coxipó entre 1673 e 1682.[3] Outro marco remanescente ao rio é a Ponte de Ferro do Coxipó, local por onde foram escoadas as riquezas naturais do estado.[2]

Além da importância histórica e geográfica para Cuiabá o rio também abastece mais de 50 mil habitantes da capital mato-grossense, através da captação de água na estação de tratamento de água situada no bairro Tijucal. Por outro lado o curso também foi afetado negativamente pela urbanização, que resultou no desmatamento de suas margens em Cuiabá, mitigando a mata ciliar. Além disso o manancial sofre com o despejo irregular de lixo e esgoto em seu trecho urbano.[2]

Ver tambémEditar

Referências

BibliografiaEditar

  Este artigo sobre hidrografia do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.