Abrir menu principal
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde maio de 2019). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Rio Paquequer
Localização
País
Localização
Altitude
750 mVisualizar e editar dados no Wikidata
Coordenadas
Hidrografia
Tipo
Bacia hidrográfica
Área da bacia
400 km²
Nascente
Altitude da nascente
2100 m
Foz

O rio Paquequer é um curso de água que nasce no estado de Rio de Janeiro, no Brasil. É o principal rio do município de Teresópolis, e faz parte da bacia do rio Paraíba do Sul.

EtimologiaEditar

"Paquequer" é um termo oriundo da língua tupi que significa "paca dormente", através da junção dos termos paka ("paca") e kera ("dormir").[1]

CaracterísticasEditar

Nasce a 2100 m de altitude, na Pedra do Sino, no Parque Nacional da Serra dos Órgãos.[2] Dali atravessa a cidade de Teresópolis e corre em direção norte, banhando áreas rurais, recebendo efluentes de origem industrial, doméstico e rural.[2] Desemboca no rio Preto, um afluente do rio Piabanha.[2]

O GuaraniEditar

No romance indigenista O Guarani (1857), de José de Alencar, grande parte da ação se desenrola às margens do Paquequer, onde o personagem D. Antônio de Mariz, um fidalgo português, construiu sua casa.[3] O romance se inicia com uma descrição do rio:[4]

"De um dos cabeços da Serra dos Órgãos desliza um fio de água que se dirige para o norte, e engrossado com os mananciais que recebe no seu curso de dez léguas, torna-se rio caudal. É o Paquequer: saltando de cascata em cascata, enroscando-se como uma serpente, vai depois se espreguiçar na várzea e embeber no Paraíba, que rola majestosamente em seu vasto leito. (...)"

Ver tambémEditar

Referências

  1. Vocabulário do Tupi
  2. a b c Marilu de Meneses Silva, Rodolfo de Oliveira Souza, Mário Miranda de Souza, João Ricardo Constâncio, Domingos Senra Antelo, Alcina Caçonia, Márcio Lima de Moraes. Avaliação da poluição das águas da bacia do rio Paquequer, Teresópolis, RJ: uma contribuição ao diagnóstico ambiental. Observatorio Geográfico da América Latina.
  3. O Guarani no sítio Recanto das Letras.
  4. Capítulo I d'O Guarani no Wikisource
  Este artigo sobre hidrografia do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.