Rita Cléos

actriz brasileira

Rita Schadrack (Blumenau, 29 de setembro de 1931Curitiba, 21 de maio de 1988), mais conhecida como Rita Cléos, e às vezes creditada como Rita Cleós ou Rita Cleoci, foi uma atriz e dubladora brasileira.

Rita Cléos
Nome completo Rita Schadrack
Nascimento 29 de setembro de 1931
Blumenau, SC
Morte 21 de maio de 1988 (56 anos)
Curitiba, PR
Nacionalidade brasileira
Ocupação atriz e dubladora

BiografiaEditar

Filha de Ernesto e Elsa Schadrack (Oste), em 1935 emigrou com a família para a Alemanha, onde passou sua infância, tendo em 1946 retornado para sua cidade natal.

Começou a carreira artística na década de 1950, no cinema, tendo feito os filmes: Esquina da Ilusão (1953), A Família Lero-Lero (1953), É Proibido Beijar (1954), Macumba na Alta (1958). Posteriormente, também atuou em Diário de uma Prostituta (1979) e A Noite das Depravadas (1981).

Atuou na televisão, estreando na TV Tupi em 1962. Participou de várias novelas de sucesso, como O Cara Suja (1965), onde protagonizava ao lado de Sérgio Cardoso. Em 1966, se transfere para a TV Excelsior, participando da recordista Redenção (1966-1968). Rita permanece na TV Excelsior até a falência do canal, em 1970, quando atua na última novela produzida, Mais Forte que o Ódio. Terminada a novela, a emissora vai à falência, e curiosamente Rita nunca mais atuou em novelas, apenas participou da pequena produção Maria Stuart, muitos anos depois, na TV Cultura.

Além de trabalhar no cinema e na TV, Rita Cléos ainda foi dubladora durante muitos anos, e atuou também no teatro, participando de peças como Constantina, em 1977.

Trabalhou ao lado de grandes nomes como Nathália Thimberg, Fernanda Montenegro, Francisco Cuoco, Lima Duarte, entre outros.

Faleceu em seu apartamento na cidade de Curitiba, em 25 de Abril de 1988, vítima de um ataque cardíaco em seu apartamento. A atriz estava sozinha em casa, e seu corpo só foi encontrado no dia 21 de maio de 1988 (data erronameante atribuida a sua morte)

FilmografiaEditar

TelevisãoEditar

Ano Título Personagem
1962 A Intrusa
Prelúdio Maria Wodzinska
1963 Klauss, o Loiro
Moulin Rouge - A Vida de Toulouse-Lautrec Marie
1964 A Gata Mercedes
Quem Casa com Maria? Maria de Lurdes
1965 Teresa Genoveva
O Cara Suja Yara
O Pecado de Cada Um Lucrécia
1966 Redenção Diana
1968 Legião dos Esquecidos
1969 Sangue do Meu Sangue Susana
Dez Vidas Maria I
1970 Mais Forte que o Ódio Lygia
1982 Maria Stuart

CinemaEditar

Ano Título Personagem
1953 A Família Lero-Lero
Esquina da Ilusão
1954 É Proibido Beijar
1959 Macumba na Alta Lena[1]
1981 A Noite das Depravadas Dona da boate

DublagemEditar

Rita Cléos trabalhou ativamente como tradutora e dubladora nas décadas de 1960 e 1970. Trabalhou por vários no estúdio AIC em São Paulo, onde dublou:

Teatro - Principais trabalhosEditar

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre um ator é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. «Macumba na Alta». Cinemateca Brasileira. Consultado em 17 de agosto de 2022