Abrir menu principal
Rogério Márcico
Nascimento 24 de fevereiro de 1930 (89 anos)
Poços de Caldas,  Minas Gerais
Nacionalidade brasileiro
Ocupação Ator e dublador

Rogério Márcico (Poços de Caldas, 24 de fevereiro de 1930) é um ator e dublador brasileiro. Esteve em inúmeros trabalhos em praticamente todas as grandes emissoras de TV do Brasil, sendo um dos atores mais presentes em novelas.[1]

Merecem destaque as suas atuações em Meu Pé de Laranja Lima em 1980, vivendo "Paulo", o pai do protagonista "Zezé", Grande Sertão: Veredas onde interpretou "Titão Passos", Chiquititas onde interpretou o empresário "Dr. José Ricardo" e ainda a sua interpretação do vilão "Pereirinha" em As Pupilas do Senhor Reitor no SBT em 1994/95.

Em 2010, volta à Rede Globo, onde interpreta "Ciro Bevilláqua", o avô de "Dimas", personagem de Selton Mello, na série A Cura. Em 2011, é convidado para fazer uma participação especial em mais uma trama produzida pelo SBT, Amor e Revolução de Tiago Santiago. E em 2015 passou a ser protagonista na série do Gloob, Buuu - Um Chamado para a Aventura.

Rogério Márcico é um dos atores que mais atuou em produções do SBT, já somando cerca de 13 trabalhos na emissora de Sílvio Santos.

TelevisãoEditar

Ano Título Personagem Nota
2015 Buuu - Um Chamado para a Aventura Reginaldo [2]
2011 Amor e Revolução[1] Augusto Fiel Participação especial
2010 A Cura Ciro Bevilláqua [3][1]
2008 Água na Boca[1] Alfredo Vecchio
2007 Maria Esperança[1] Otávio Camargo
2004 Seus Olhos[1] Gregório
2003 Jamais Te Esquecerei[1] Samuel
2001 Amor e Ódio[1] Juvêncio (Juca)
1997 Meu Cunhado Juiz Justo Madeira
Chiquititas[1] Dr. José Ricardo Almeida Campos
1996 O Rei do Gado[1] Olegário
1995 Sangue do Meu Sangue[1] Tobias Barreto
As Pupilas do Senhor Reitor[1] Pereirinha
1988 Vida Nova[1] Amadeu
Chapadão do Bugre Carício
1987 Direito de Amar[1] Raimundo
Caso Especial Episódio: O Caso do Martelo
1986 Selva de Pedra[1] Chico
1985 Grande Sertão: Veredas[1] Titão Passos
1984 Jerônimo[1] Coronel Valdomiro Seixas
Meus Filhos, Minha Vida[1] Pascoal
1983 Vida Roubada Afonso de Albuquerque Rosas
Pecado de Amor[1]
1980 Meu Pé de Laranja Lima Paulo
Pé de Vento Alfredo
1979 Gaivotas Álvaro
1978 Roda de Fogo[1] Bianco
1977 Éramos Seis[1] Alonso
1976 Papai Coração Diogo
O Julgamento[1] Frei Carlos
Canção para Isabel[1]
1975 Vila do Arco[1] Padre Lopes
O Velho, o Menino e o Burro[1] Castro
1974 O Machão Batista
1972 O Leopardo[1] Odilon
Os Fidalgos da Casa Mourisca[1]
1971 Sol Amarelo[1] Zé Touro
Os Deuses Estão Mortos[1] Coronel Jordão
1970 As Pupilas do Senhor Reitor[1] José
1969 Era Preciso Voltar[1] Eugênio
Algemas de Ouro Brandini
1968 O Terceiro Pecado[1]
1967 Os Fantoches[1] Fernando
1966 A Pequena Karen[1] Ernesto
Anjo Marcado Juju
As Minas de Prata Vaz Caminha
1965 O Ébrio[1]
1964 Melodia Fatal
1961 A Muralha
1957 Os Três Mosqueteiros Aramis
Grande Teatro Tupi Episódio: Mortos sem Sepultura
1956 O Contador de Histórias
1955 TV de Vanguarda Vários personagens 1955-1957

DublagemEditar

Referências

  1. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z aa ab ac ad ae af ag ah ai «Museu da TV - Rogério Márcico». Museu da TV da Associação Pró-TV. S/data. Consultado em 5 de janeiro de 2014. Arquivado do original em 6 de janeiro de 2014 
  2. «Nova série do Gloob, \'Buuu: Um chamado para a aventura\' mistura fantasia e referências dos anos 1980 com fantasmas famosos». O Globo. Consultado em 25 de janeiro de 2016 
  3. «"A Cura" - Rogério Márcico». "A Cura" - página oficial. S/data. Consultado em 5 de janeiro de 2014 
  4. a b c d e «Dublador convidado: Rogério Márcico». InfanTV. S/data. Consultado em 5 de janeiro de 2014 
  Este artigo sobre um ator é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.