Rolandas Paksas

político lituano
Rolandas Paksas
Rolandas Paksas
Presidente da  Lituânia
Período 26 de fevereiro de 2003
a 12 de julho de 2004
Antecessor Valdas Adamkus
Sucessor Valdas Adamkus
Dados pessoais
Nascimento 10 de junho de 1956 (64 anos)
Telšiai, Lituânia
Primeira-dama Laima Paksas
Partido Tvarka ir teisingumas
Profissão engenheiro e político

Rolandas Paksas GColIH (10 de junho de 1956) é um engenheiro e político lituano. Foi presidente da Lituânia, de 26 de fevereiro de 2003 até o seu impeachment em 12 de julho de 2004.[1] Foi o primeiro chefe de estado da Europa a sofrer impeachment.

Foi também primeiro-ministro da Lituânia.[2]

A 29 de Maio de 2003 recebeu o Grande-Colar da Ordem do Infante D. Henrique de Portugal.[3]

Referências

  1. World Briefing | Europe: Lithuania: Impeached Leader Cleared For Comeback, NY Times, April 23, 2004 (em inglês)
  2. Perfil de Rolandas Paksas na BBC. (em inglês)
  3. «Cidadãos Estrangeiros Agraciados com Ordens Portuguesas». Resultado da busca de "Rolandas Paksas". Presidência da República Portuguesa. Consultado em 11 de abril de 2016 

Precedido por
Irena Degutienė (int.)
Primeiro-ministro da Lituânia
18 de maio de 1999 - 27 de outubro de 1999
Sucedido por
Irena Degutienė (int.)
Precedido por
Andrius Kubilius
Primeiro-ministro da Lituânia
26 de outubro de 2000 - 20 de junho de 2001
Sucedido por
Eugenijus Gentvilas (int.)
Precedido por
Valdas Adamkus
Presidente da Lituânia
2003 - 2004
Sucedido por
Valdas Adamkus
  Este artigo sobre um político é um esboço relacionado ao Projeto Biografias de Políticos. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.