Abrir menu principal

Rui Duarte de Barros é um economista e político da Guiné-Bissau que atuou como primeiro-ministro de transição de 16 de maio de 2012 a 4 de julho de 2014.[1]

Rui Duarte foi ministro da Economia e Finanças em 2002 e antes de ser nomeado primeiro-ministro trabalhou na União Económica e Monetária da África Ocidental[2]. Politicamente é considerado próximo do Partido para a Renovação Social do ex-Presidente Kumba Ialá.[3]

Primeiro-ministroEditar

Foi nomeado para o cargo pelo presidente Manuel Serifo Nhamadjo, que também detinha a presidência interinamente após o golpe de Estado de abril de 2012.[4] Sua nomeação foi feita no marco da transição criada pela mediação da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental para que eleições fossem realizadas no prazo de um ano. O presidente eleito deposto, Carlos Gomes Júnior, rejeitou a formação do governo considerando-o como ilegítimo.[3] Após as eleições gerais de 2014, deixou o governo. Foi substituído por Domingos Simões Pereira.[1]

Referências