Abrir menu principal

Rui Vitória

futebolista português

Rui Carlos Pinho da Vitória (Vila Franca de Xira, Alverca do Ribatejo, 16 de Abril de 1970)[1] é um ex-futebolista português e treinador de futebol. Atualmente treina o Al Nassr, após rescindir contrato com o Benfica.[2]

Rui Vitória
{{{nome}}}
Rui Vitória no Benfica em 2016.
Informações pessoais
Nome completo Rui Carlos Pinho da Vitória
Data de nasc. 16 de abril de 1970 (49 anos)
Local de nasc. Alverca do Ribatejo, Vila Franca de Xira, Portugal
Nacionalidade português
Altura 1,79 m
Informações profissionais
Equipa atual Al Nassr
Posição Treinador
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1988–1990
1990–1999
1999–2001
2001–2002
2002–2003
Fanhões
Vilafranquense
Seixal
Casa Pia
Alcochetense


25

Times/Equipas que treinou
2002–2004
2004–2006
2006–2010
2010–2011
2011–2015
2015–2019
2019–
Vilafranquense
Benfica (Juniores)
Fátima
Paços de Ferreira
Vitória Guimarães
Benfica
Al Nassr
0075
0030
0140
0042
0154
0180
Última atualização: 29 de março de 2019

Índice

Carreira de JogadorEditar

Nascido em Vila Franca de Xira, Alverca do Ribatejo, no dia 16 de Abril de 1970, passou por 5 clubes ao todo na sua carreira de futebolista, nunca tendo jogado em divisões de topo - a mais alta divisão em que competiu foi a 3ªDivisão.

Foi no Vilafranquense onde passou a maior parte da sua carreira, clube onde iniciou em 2002/2003 a carreira de treinador.

Durante os anos como futebolista, jogou como médio, tendo pendurado as botas em 2002/2003, com 32 anos.

Como TreinadorEditar

Enquanto jogador de futebol, estudou na Faculdade de Motricidade Humana, onde acabou por se licenciar em Educação Física.

Rui Vitoria iniciou a sua carreira de treinador em 2002/03 no Vilafranquense, onde antes fora jogador.

Ao fim de duas épocas, deixa o clube para treinar os juniores no Sport Lisboa e Benfica,[1] em 2004. A oportunidade de treinar os seniores surge em 2006 pelo C.D. Fátima, onde ajudou o clube a promover-se para a Segunda Liga na sua primeira temporada.

Durante quatro temporadas em Fátima, depois de descer na segunda, volta a subir em 2008-09.

Vitória de GuimarãesEditar

Em 2 de junho de 2010, Vitória substituiu Ulisses Morais no comando do F.C. Paços Ferreira.[3] Na primeira época na primeira divisão termina em sétimo lugar e colhe os louros de vice-campeão na final da Taça da Liga, perdida para o Benfica.[1]

Embora tenha começado a temporada seguinte, muda-se logo no final de agosto de 2011 para o Vitória de Guimarães, ocupando o lugar de Manuel Machado.[4] No segundo ano, lidera o clube para a conquista da Taça de Portugal, derrotando o Benfica.[5]

Foram quatro temporadas em Guimarães, onde conseguiu o apuramento para a Europa por duas vezes. A sua pior posição no clube minhoto foi em 2013-14, quando terminou no 10º lugar.

BenficaEditar

A 15 de Junho de 2015, o então campeão nacional português SL Benfica anuncia que Rui Vitória assinou um contrato com o clube por três épocas desportivas.[6]

A primeira época como treinador do clube começou com um jogo extremamente difícil, Benfica - Sporting, o primeiro derby da época, para definir o detentor da Supertaça. Já de si um jogo dificil, por levar a combate os dois maiores rivais de Lisboa, provou-se ainda mais complicado devido aos ânimos acesos entre os treinadores. Do lado Sporting, estava Jorge Jesus, que tinha levado o Benfica a ser bicampeão nacional na época anterior. O jogo acabou com a vitória do treinador leonino. Foi o primeiro jogo oficial de Rui Vitória.

Rui Vitória teve dificuldade em aguentar a pressão do seu sucessor, que somava triunfos e alimentava polémicas, minimizando o trabalho do treinador do Benfica. A troca de palavras tornou-se mais acesa quando Vitória apelidou Jesus e "Mau colega" e obteve como resposta: "Mau colega? Eu como não o considero treinador não posso ser mau colega". Noutra conferência de imprensa ainda acrescentou a célebre "Tirei-o da toca, que é o que ele queria, vamos ver se o ferrari aguenta. Quando conduzes um ferrari, tens que ter andamento". Na época de 2015/2016, o Benfica perdeu 3 dos 4 jogos que disputou com o Sporting.

No entanto, apesar de um mau começo, a equipa do Benfica continuou a somar pontos e colou-se ao seu adversário Sporting na luta pelo título, que foi disputada até ao final do campeonato. Através de várias tácticas defensivas e de uma boa rotação de equipa, Rui Vitória conseguiu levar o Benfica aos Quartos-Finais da Liga dos Campeões, onde perdeu na primeira mão contra o Bayern Munique, por 1-0, fora, e empatou na segunda mão em casa, por 2-2, não conseguindo assim alcançar a passagem para a meia-final.

A 15 de maio de 2016, Benfica sagra-se tricampeão nacional de futebol ao vencer o Nacional da Madeira no Estádio da Luz, no último jogo do campeonato, com Rui Vitória a suceder na lista dos campeões precisamente a Jorge Jesus e com um novo recorde de pontos (88), superando os 86 do F.C. Porto, de José Mourinho, em 2002/2003.[7] Entre os técnicos na luta pelo campeonato, Rui Vitória foi, assim, o único a cumprir os objetivos, com Jorge Jesus, pelo Sporting, a ficar-se pelo segundo lugar, a 2 pontos do primeiro, e Julen Lopetegui, Rui Barros e José Peseiro a guiarem o F.C. Porto ao terceiro posto, a 15 pontos.[7]

A 20 de Maio de 2016, consegue vence, pela primeira vez, a Taça da Liga, no Estádio Cidade de Coimbra, frente ao Marítimo, com uma goleada de 6-2, naquele que foi o último jogo do extremo argentino Nico Gaitán, ao serviço do Benfica, que foi transferido para o Atlético de Madrid.

A 7 de Agosto, de 2016, para a Supertaça, venceu o Sporting de Braga, por 3-0.

A 13 de Maio de 2017, o Benfica sagra-se como tetracampeão nacional de futebol ao vencer, no Estádio da Luz, o Vitória de Guimarães por 5-0, no penúltimo jogo para o campeonato. Os golos foram marcados por Cervi, Jimenez, Pizzi e Jonas (que marcou dois golos, o segundo como penalidade). Rui Vitória conseguiu assim o feito raro no campeonato português - vencer dois campeonatos seguidos, ao entrar no clube.

A 28 de Maio de 2017 alcançou a dobradinha, vencendo no Jamor, a Taça de Portugal, num jogo também contra o Vitória de Guimarães. O resultado foi 2-1.

A 5 de Agosto, de 2017, para a Supertaça, venceu o Vitória de Guimarães, por 3-1, conquistando assim o troféu da prova pela 2ª vez consecutiva.

A 3 de Janeiro de 2019, e após três anos e meio no clube, chega a acordo de rescisão de contracto.[8]

Al NassrEditar

A 10 de Janeiro de 2019, Rui Vitória assina contrato de uma época e meia com o Al Nassr, clube saudita, onde auferiu um vencimento anual estimado em sete milhões de euros limpos.[9]

TítulosEditar

Referências

  1. a b c «Rui Vitória: 14 anos de carreira sem ser despedido e uma Taça». Maisfutebol. 11 de Junho de 2015. Consultado em 11 de Junho de 2015. Um percurso como médio que terminou aos 32 anos 
  2. «SIC Notícias | Rui Vitória deixa comando técnico do Benfica». SIC Notícias. Consultado em 3 de janeiro de 2019 
  3. P. Ferreira: Rui Vitória confirmado como novo treinador (P. Ferreira: Rui Vitória confirmed as new coach); Mais Futebol, 2 de Junho de 2010 (Portuguese)
  4. «V. Guimarães: Rui Vitória assina até final da época» [V. Guimarães: Rui Vitória signs until end of season]. Diário de Notícias. 30 de Agosto de 2011. Consultado em 16 de maio de 2016 
  5. «Guimarães claim famous cup win». PortuGOAL. 26 de Maio de 2013. Consultado em 15 de Julho de 2015. Arquivado do original em 26 de Maio de 2013 
  6. «Comunicado» [Announcement] (PDF). S.L. Benfica. CMVM. 15 de Junho de 2015. Consultado em 15 de Junho de 2015 
  7. a b «Rui Vitória superou Jorge Jesus e até José Mourinho». Jornal de Notícias. 16 de Maio de 2016. Consultado em 16 de Maio de 2016 
  8. «Oficial: Benfica confirma saída de Rui Vitória à CMVM». www.record.pt. Consultado em 3 de janeiro de 2019 
  9. «Oficial: Rui Vitória confirmado no Al Nassr». Consultado em 10 de janeiro de 2019 
  10. «O dia é de Vitória! Al Nassr sagra-se campeão da Arábia Saudita :: zerozero.pt». www.zerozero.pt. Consultado em 17 de maio de 2019 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre um treinador de futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.