Abrir menu principal
Out of date clock icon.svg
Este artigo ou seção pode conter informações desatualizadas.

Se sabe algo sobre o tema abordado, edite a página e inclua informações mais recentes, citando fontes válidas. Utilize o campo de resumo para uma breve explicação das alterações e, se achar necessário, apresente mais detalhes na página de discussão.

São Paulo do Sul
Região Sudeste
Vizinhos São Paulo (N, O) Paraná (S) e Oceano Atlântico (L)
Municípios 54
Capital Registro
Área total 36 956,525 km ²
População 1 095 528 hab.
Densidade demográfica 29,64 Hab/km ²

A proposta de criação do estado de São Paulo do Sul é uma reivindicação de setores da população desta região que é considerada a mais pobre do estado, geralmente argumentando que é uma região esquecida ou abandonada pelo governo estadual. Apesar de não ser consenso, já foram apresentadas duas propostas em favor da realização de um plebiscito a respeito desta questão, ambas arquivadas na Câmara dos Deputados.

A proposta de criação desta nova unidade da federação foi apresentada pela primeira vez como projeto de lei na Câmara dos Deputados pelo então deputado federal Edi Siliprandi do PSD/PR, em 5 de janeiro de 1994. O projeto foi arquivado em 2 de fevereiro de 1995 pela Mesa diretora da Câmara após parecer em contrário da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ).

Em 2002, o deputado federal Kincas Mattos (PSB-SP) apresentou à Mesa o Projeto de Decreto Legislativo 1571/01,[1] propondo novamente a realização de um plebiscito em favor da criação do estado de São Paulo do Sul.[2] O projeto incluía 54 municípios da região sul do estado, a saber: Alambari, Angatuba, Apiaí, Barão de Antonina, Barra do Chapéu, Barra do Turvo, Bom sucesso de Itararé, Buri, Campina do Monte Alegre, Cananeia, Cajati, Capão Bonito, Coronel Macedo, Eldorado, Fartura, Guapiara, Guareí, Iguape, Ilha Comprida, Iporanga, Itaberá, Itaí, Itaoca, Itapetininga, Itapeva, Itapirapuã Paulista, Itaporanga, Itararé, Itariri, Jacupiranga, Juquiá, Miracatu, Nova Campina, Paranapanema, Pariquera-Açu, Pedro de Toledo, Peruíbe, Pilar do Sul, Piraju, Registro, Ribeira, Ribeirão Branco, Ribeirão Grande, Riversul, São Miguel Arcanjo, Sarapuí, Sarutaiá, Sete Barras, Taguaí, Tapiraí, Taquarituba, Taquarivaí, Tejupá e Timburi. Possivelmente a nova capital seria a cidade de Registro.

Este projeto também foi arquivado, em 31 de janeiro de 2003. Conforme o parecer do Relator da Comissão, a criação deste novo estado não se justifica, devido ao custo elevado de criação de um novo estado, nem se mostra pertinente quando comparado aos demais projetos de criação de novos estados, atualmente em tramitação. Principalmente quando consideradas as condições sociais e econômicas médias da população da região e do estado de São Paulo, o mais rico da federação e com disparidades internas relativamente menores.[3]

Municípios propostos ao Estado de São Paulo do SulEditar

Município Território Km² Densidade Hab./Km² População (IBGE 2013)
  Alambari 159,190 30,69 4 886
  Angatuba 1 028,702 21,59 22 211
  Apiaí 968,841 26,01 25 196
Barão de Antonina 154,922 20,11 3 116
Barra do Chapéu 407,286 12,86 5 236
  Barra do Turvo 1 007,285 7,67 7 729
  Bom Sucesso de Itararé 133,221 26,81 3 571
  Buri 1 194,977 15,54 18 566
  Campina do Monte Alegre 184,077 30,24 5 567
  Cananéia 1 242,010 9,84 12 220
Cajati 454,925 62,36 28 371
  Capão Bonito 1 641,043 28,14 46 178
  Coronel Macedo 304,505 16,42 5 001
  Eldorado 1 656,728 9,2 15 238
  Fartura 429,464 35,68 15 324
  Guapiara 407,619 51,58 21 028
  Guareí 566,260 25,73 14 568
  Iguape 1 980,916 14,56 28 844
  Ilha Comprida 188,530 48,81 9 203
  Iporanga 1 160,293 3,71 4 302
  Itaberá 1 082,851 16,49 17 861
  Itaí 1 112,267 23,42 26 044
  Itaoca 182,495 17,69 3 228
  Itapetininga 1 790,210 83,25 149 027
  Itapeva 1 826,754 48,04 93 145
  Itapirapuã Paulista 406,306 9,56 3 884
  Itaporanga 507,737 29,67 15 064
  Itararé 1 003,576 49,84 50 015
  Itariri 272,777 56,72 15 471
Jacupiranga 708,382 24,28 17 196
  Juquiá 820,9617 23,47 19 269
  Miracatu 1 000,736 20,58 20 595
  Nova Campina 385,328 22,1 8 515
  Paranapanema 1 019,841 17,46 17 810
Pariquera-Açu 359,691 53,49 19 239
  Pedro de Toledo 671,113 15,22 10 213
  Peruíbe 326,214 183,29 59 793
  Pilar do Sul 682,395 38,7 26 411
  Piraju 505,225 58,59 29 599
  Registro 722,411 77,68 56,123
  Ribeira 335,029 10,02 3 358
  Ribeirão Branco 697,813 26,18 18 269
  Ribeirão Grande 332,071 22,34 7 419
  Riversul 386,195 15,96 6 163
  São Miguel Arcanjo 930,012 33,82 31 452
  Sarapuí 354,463 25,47 9 027
  Sarutaiá 141,511 25,6 3 622
Sete Barras 1 052,106 12,36 13 006
  Taguaí 755,100 10,61 8 012
  Tapiraí 141,511 25,6 8 012
  Taquarituba 447,085 49,87 22 294
  Taquarivaí 232,963 22,1 5 149
  Tejupá 296,343 16,23 4 809
  Timburi 197,220 13,42 2 646

Referências

  1. Câmara dos Deputados, PDC-1571/2001 http://www.camara.gov.br/internet/sileg/Prop_Detalhe.asp?id=42370
  2. OLIVEIRA, Rejane de. " Projeto prevê criação do Estado de São Paulo do Sul", Agência Câmara de notícias, 16/01/2002 15:07
  3. Consulta Tramitação das Proposições
  Este artigo sobre Geografia do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.