São Pedro de Alcântara

Disambig grey.svg Nota: Para o santo homônimo, veja Pedro de Alcântara. Para outros significados, veja Pedro de Alcântara (desambiguação).
Disambig grey.svg Nota: Não confundir com Dom Pedro de Alcântara.
São Pedro de Alcântara
  Município do Brasil  
Igreja Matriz da cidade, construída quando da comemoração do primeiro centenário da imigração alemã no estado de Santa Catarina
Igreja Matriz da cidade, construída quando da comemoração do primeiro centenário da imigração alemã no estado de Santa Catarina
Símbolos
Brasão de armas de São Pedro de Alcântara
Brasão de armas
Hino
Gentílico alcantarense
Localização
Localização de São Pedro de Alcântara em Santa Catarina
Localização de São Pedro de Alcântara em Santa Catarina
São Pedro de Alcântara está localizado em: Brasil
São Pedro de Alcântara
Localização de São Pedro de Alcântara no Brasil
Mapa de São Pedro de Alcântara
Coordenadas 27° 33' 57" S 48° 48' 18" O
País Brasil
Unidade federativa Santa Catarina
Região metropolitana Florianópolis
Municípios limítrofes São José, Angelina, Antônio Carlos, Santo Amaro da Imperatriz, Palhoça, Águas Mornas
Distância até a capital 31 km
História
Fundação 1 de março de 1829 (190 anos)
Emancipação 16 de abril de 1994
Administração
Prefeito(a) Ernei José Stahelin[1] (PMDB, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [2] 140 016 km²
População total (Censo IBGE/2010[3]) 5 139 hab.
Densidade 0,037 hab./km²
Clima Mesotérmico úmido
Altitude 230 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (PNUD/2010 [4]) 0,734 alto
PIB (IBGE/2008[5]) R$ 48.132.000,00
PIB per capita (IBGE/2008[5]) R$ 10 048,37

São Pedro de Alcântara é um município brasileiro do estado de Santa Catarina. Está localizado na Microrregião de Florianópolis e na Mesorregião da Grande Florianópolis. Sua população estimada em 2019 pelo IBGE era de 5.823 habitantes. Possui uma área de 140,016 quilômetros quadrados.[3] Está a uma altitude de 230 metros, o núcleo urbano situa-se sob relevo de planalto, formado por morros.

O maestro, compositor, poeta e professor José Acácio Santana é natural do município.

HistóriaEditar

Na segunda década do século XIX, o Brasil vivia uma fase de consolidação política, após sua Independência de Portugal. O imperador D. Pedro I precisava garantir-se, constituindo um exército de soldados leais e disciplinados. Dentro deste contexto tem início a colonização alemã no Brasil. Em Santa Catarina, a presença de alemães é registrada a partir de 1829 com a criação da Colônia São Pedro de Alcântara, através do primeiro grupo de imigrantes e ex-soldados oriundos de batalhões alemães dissolvidos na capital do Império. Devido às diversas dificuldades encontradas, alguns dos imigrantes mais tarde mudaram-se para o Vale do Itajaí, ocupando também terras do atual município de Gaspar.[6]

A chegada das primeiras levas de imigrantes alemães aconteceu no ano de 1828 quando, nos dias 7 a 12 de novembro daquele ano aportaram em Desterro (atual Florianópolis), Luiza e Marquês de Viena, respectivamente.[7]

São Pedro de Alcântara recebeu menos de mil indivíduos - 166 famílias oriundas da cidade hanseática de Bremen e pouco mais de uma centena de soldados alemães dispensados dos batalhões estrangeiros que haviam se amotinado no Rio de Janeiro em 1828. Pouco depois, em 1830, a imigração cessou, pois os gastos com o agenciamento e localização dos colonos foram proibidos por lei. A Revolução Farroupilha, iniciada em 1835, também dificultou a vinda de novos imigrantes, apesar do interesse provincial em dar continuidade ao processo de colonização. Na década de 1830, muitos colonos, descontentes com as condições de vida de São Pedro de Alcântara, foram encaminhados para novos locais de assentamento situados no Vale do Itajaí, onde hoje está a cidade de Gaspar, e em Vargem Grande, no rio Cubatão.[8]

Em 1º de março de 1829 foi fundada a colônia São Pedro de Alcântara, a primeira colônia alemã do estado de Santa Catarina, a montante do rio Imaruí, a algumas léguas de distância de Florianópolis. A instalação do município de São Pedro de Alcântara, até então consistia em distrito do município de São José, ocorre oficialmente através da Lei Estadual nº 9.534 em 16 abril de 1994, sancionada por Antônio Carlos Konder Reis, então governador do Estado de Santa Catarina. A posse do primeiro prefeito Salézio Zimmermann e de seu vice José Ademir Deschamps, e dos membros da Câmara de Vereadores, data de 1º de janeiro de 1997. Ocorreu entre o ano da instalação do município até a posse do prefeito algumas modificações pela Lei nº 9.943 sancionada em 20 de outubro de 1995, que refere aos limites territoriais.[9]

GeografiaEditar

Distante 32 quilômetros de Florianópolis, o município conserva as características de pequena cidade rural. Possui seu desenvolvimento estruturado no turismo rural, ecoturismo, turismo histórico e cultural, na produção de hortigranjeiros e derivados de cana-de-açúcar (cachaça artesanal de alambique, principalmente).

São Pedro de Alcântara tem relevo predominantemente acidentado e possui mais de 68% de sua área em cobertura arbórea e tem na exuberância da sua vegetação, na sua topografia acidentada, nas suas colinas, cachoeiras e cascatas seus maiores atrativos turísticos. A única unidade de conservação da cidade é a Reserva Particular do Patrimônio Natural Rio das Lontras.

Ver tambémEditar

Referências

  1. Eleições 2016 > SC > São Pedro de Alcântara > Ernei é prefeito eleito de São Pedro de Alcântara pelo PMDB na coligação SÃO PEDRO EM BOAS MÃOS Acessado em 22 de abril de 2017
  2. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. a b «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 30 de junho de 2014 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  6. «A imigração alemã em Santa Catarina – Sueli Vanzuita Petry / Ana Maria Ludwig Moraes / Marcos Schroeder». brasil-alemanha.com. Consultado em 28 de dezembro de 2019 
  7. Glatz, Rosemari (25 de junho de 2016). «Famílias de Origem Alemã no Estado de Santa Catarina». O Município. Consultado em 28 de dezembro de 2019 
  8. «Uma história de sucesso - A imigração alemã em Santa Catarina - por Prof. Giralda Seyfehrt | Brasil Alemanha». www.brasilalemanha.com.br. Consultado em 28 de dezembro de 2019 
  9. Virtuoso, Marco Aurélio (8 de janeiro de 2018). «Qualidade ambiental das águas de abastecimento público no município de São Pedro de Alcântara – sc» 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre municípios do estado de Santa Catarina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.