Abrir menu principal

São Roque do Canaã

município no Estado do Espírito Santo

São Roque do Canaã é um município brasileiro do estado do Espírito Santo. Localiza-se a uma latitude 19º44'20" sul e a uma longitude 40º39'25" oeste, estando a uma altitude de 120 metros. Sua população estimada em 2017 era de 12.579 habitantes. Possui uma área de 342,54 km². Tem como principal fonte de renda o café, gado, cana-de-açúcar, hortifrutigranjeiros, tomate, goiaba, banana e também as cerâmicas e alambiques produtores de aguardente que se destacam na zona rural da região.

Município de São Roque do Canaã
"São Roque"
"SRC"
Bandeira indisponível
Brasão indisponível
Bandeira indisponível Brasão indisponível
Hino
Aniversário 25 de junho
Fundação 1 de janeiro de 1997 (22 anos)
Gentílico são roquense
Padroeiro(a) São Roque
CEP 29665-000 a 29669-999[1]
Prefeito(a) Rubens Casotti (PMDB)
(2017 – 2020)
Localização
Localização de São Roque do Canaã
Localização de São Roque do Canaã no Espírito Santo
São Roque do Canaã está localizado em: Brasil
São Roque do Canaã
Localização de São Roque do Canaã no Brasil
19° 44' 20" S 40° 39' 25" O19° 44' 20" S 40° 39' 25" O
Unidade federativa Espírito Santo
Mesorregião Central Espírito-santense IBGE/2008[2]
Microrregião Santa Teresa IBGE/2008[2]
Municípios limítrofes Colatina, Itaguaçu, João Neiva e Santa Teresa
Distância até a capital 120 km
Características geográficas
Área 342,395 km² [3]
População 11 287 hab. Censo IBGE/2010[4]
Densidade 32,96 hab./km²
Altitude 120 m
Clima Tropical SRC
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,7 alto PNUD/2010[5]
PIB R$ 88 483,911 mil IBGE/2008[6]
PIB per capita R$ 8 203,59 IBGE/2008[6]
Página oficial
Prefeitura www.saoroquedocanaa.es.gov.br
Câmara www.camarasrc.es.gov.br

Índice

HistóriaEditar

Os primeiros colonizadores foram famílias de imigrantes italianos que desceram o vale do Canaã no século XIX, entre 1837 e 1880, fundando um povoado às margens do Rio Santa Maria do rio Doce. Devido a aspectos de sua cultura, celebraram o nome do povoado de São Roque, santo protetor das doenças devido uma forte peste que assolou a região além do fato dos imigrantes serem da região norte da Itália, onde o culto ao santo protetor das doenças era bastante difundido naquele tempo. Em 1883 criaram um oratório, onde se encontra erguida hoje, a Igreja Matriz. A paróquia no entanto, somente foi criada, oficialmente, no dia 16/08/1953.

O povoado de São Roque, passa a ser distrito de Santa Teresa através da lei estadual nº 137/81, assinada em 02-09-1982. Em 25/06/1995, é feita a consulta plebiscitária conforme determina o Decreto Legislativo nº 02/95. Em 15/12/1995, através da lei estadual nº 5147 publicada no Diário Oficial de 18/12/1995, é criado então, o município de São Roque do Canaã.

O nome São Roque do Canaã foi adotado, em homenagem ao Vale do Canaã e, para diferenciar-se de outras cidades que possuem o nome de São Roque. Pela lei municipal nº 016/97, ficou instituído o dia 16/08 como feriado municipal do dia do Padroeiro São Roque.

Os aspectos geográficos importantes são: a Pedreira de São Bento, Cachoeira do Mellotti, São Pedro e outras, além de possuir várias grutas. Quanto ao aspecto sócio cultural, o povo de São Roque do Canaã é tipicamente motivado pela fé e pelas tradições cristãs, notadamente a igreja católica. Na praça da Igreja Matriz foram realizados espetáculos do Teatro Popular Sacro denominados: vida, paixão e morte de Jesus Cristo, durante quase trinta anos, contando com a presença de artistas renomados nacionalmente.

A principal atividade econômica do município é a agricultura, com o cultivo do café, de hortifrutigranjeiros e o cultivo de cana-de-açúcar, matéria prima necessária à fabricação de aguardente. A indústria é dividida em vários setores: indústria de pisos e revestimentos cerâmicos, olarias, esquadrias de madeira e a fabricação de aguardente com cerca de 30 alambiques na região, são atividades secundárias porém, de grande expressão econômica. Há ainda pequenas fábricas de produtos caseiros, confecções e oficinas diversas. Possui significativa população de descendentes de italianos, alemães e poloneses.

A data magna do município é 25/06 que se destaca como o dia da promulgação da lei estadual nº 5147/95 que trata da emancipação política e administrativa do município. Possui 3 distritos: centro, Santa Júlia e São Jacinto.

Formação AdministrativaEditar

Distrito criado com a denominação de São Roque, pela lei estadual nº 137, de 02/09/1982, subordinado ao município de Santa Teresa.

Em divisão territorial datada de 18/08/1988, o distrito de São Roque figura no município de Santa Teresa.

Elevado à categoria de município com a denominação de São Roque do Canaã, pela lei estadual nº 5147, de 18-12-1995, desmembrado de Santa Teresa. Sede no antigo distrito de São Roque, atual São Roque do Canaã. Constituído de 3 distritos: São Roque do Canaã, Santa Julia e São Jacinto. Ambos desmembrado de Santa Teresa. Instalado em 01/01/1997.

Em divisão territorial datada de 15/07/1997, o município é constituído de 3 distritos: São Roque do Canaã, Santa Julia e São Jacinto.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2005.

Alteração toponímica distrital

São Roque para São Roque do Canaã alterado, pela lei estadual nº 5147, de 18/12/1995.

Fonte: IBGE

Meio AmbienteEditar

Ocupando uma area de 328Km², num relevo caracterizado por montanhas e vales onde destaca-se inúmeras pedreiras ladeadas pela Mata Atlântica, a altitude do município varia de 80m nas partes mais baixas e 1.143m nas partes mais elevadas.. O clima é quente e tropical, especialmente nos meses de setembro a maio. Média anual de 23º C.

São DalmácioEditar

É uma pequena comunidade situada no município. São Dalmácio pertencia ao município de Santa Teresa até dezembro de 1995, quando ocorreu a emancipação de São Roque do Canaã e então passou a pertencer a esse.

Ver tambémEditar

Referências

  1. Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. «Busca Faixa CEP». Consultado em 1 de fevereiro de 2019 
  2. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  3. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  4. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  5. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 31 de agosto de 2013 
  6. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 

Ligações externasEditar