Silvio Guindane

ator brasileiro
(Redirecionado de Sílvio Guindane)
Silvio Guindane
Nascimento 19 de setembro de 1983 (36 anos)
Rio de Janeiro, RJ
Nacionalidade brasileiro
Ocupação Ator, diretor e dramaturgo
Atividade 1996–presente

Silvio Guindane (Rio de Janeiro, 19 de setembro de 1983) é um ator, diretor e dramaturgo brasileiro.[1] Atuou em filmes desde os treze anos de idade, tendo feito sua estreia em Como Nascem os Anjos, de 1996, que lhe rendeu vários prêmios, dentre eles um Kikito no Festival de Gramado e um Troféu Candango no Festival de Brasília.

BiografiaEditar

Atuou em filmes desde os treze anos de idade, tendo feito sua estreia em Como Nascem os Anjos, de 1996, que lhe rendeu vários prêmios, dentre eles um Kikito no Festival de Gramado e um Troféu Candango no Festival de Brasília.[2] Silvio se tornou dos atores mais presentes no cinema brasileiro, trabalhando com cineastas como Cacá Diegues (Orfeu, O Maior Amor do Mundo e Cinco Vezes Favela), Ricardo Elias (De passagem e Mare Nostrum), Sérgio Bianchi (Quanto Vale ou É por Quilo? e Jogo das decaptações), Sandra Werneck (Sonhos Roubados), Sérgio Rezende (Em Nome da Lei), dentre outros.[3]

Morou em Portugal por 3 anos. Participou de telenovelas na TV Globo e TV Record; fez diversas séries na extinta TVE (TV Brasil), incluindo A Turma do Pererê (de Ziraldo); participou de produções no Canal Futura e na Fundação Roberto Marinho, nos programas Escola Legal[2], Alô, Vídeo Escola, Energia, Escola do Rádio e Globo Ciência. Nos últimos anos, Silvio Guindane, se tornou um ator muito presente em projetos na televisão a cabo. No canal Multishow atuou em projetos de sucesso como a minissérie Acerto de contas.[4] Na FOX participou da série Um Contra Todos, de Breno Silveira.[4] Atualmente, Silvio Guindane é um dos protagonistas da série A Divisãono Globoplay.

Guindane, além de ser um ator de cinema e televisão, é um artista muito assíduo no teatro brasileiro. Ao longo de sua trajetória participou de várias peças teatrais como ator, dramaturgo e diretor. Em 2007 escreveu seu primeiro espetáculo, Após a Chuva, peça que foi dirigida pelo autor. Em 2011 escreveu seu segundo espetáculo, Quanto tempo da vida eu levo para ser feliz, peça que também foi dirigida por ele. Em 2015 criou e roteirizou a série de televisão Acerto de contas, dirigida por José Joffily. Em 2015 assinou a idealização e a curadoria do Projeto Plínio Marcos 80 anos, projeto realizado no SESI/SP. Em 2016 escreveu o musical Ceará Show, espetáculo dirigido por ele. Em 2018, escreveu e dirigiu o espetáculo Ele ainda está aqui. Em 2019, ele dirigiu a série O Dono Do Lar para o canal Multishow e também assinou a adaptação do filme "Perfume de Mulher" para o teatro ao lado de Pedro Brício e Walter Lima Jr. no espetáculo que ele também protagoniza.

CarreiraEditar

TelevisãoEditar

Ano Título Personagem Nota
1996 Escola Legal Rafa
1999 Andando nas Nuvens MC Cleyton Episódios: "17–18 de agosto"
2000 Aquarela do Brasil Dagô
2001 O Clone José Basílio
2002–04 A Turma do Pererê Saci Pererê
2005 Mano a Mano Robson da Silva (Robinho)
América Lucas Episódios: "21–22 de março"
2006 Linha Direta Justiça Walter Rosa dos Santos (Bigode) Episódio: "Gran Circus Norte-Americano"
Vidas Opostas Cecílio Cristal (Cicio)
2009 Os Buchas Murilo Maia
A Lei e o Crime Valdo
2010 A Turma do Pererê Professor Nogueira (voz)
Adorável Psicose Voz na cabeça de Natalia Episódio: "A Napolitana"
Open Bar Ubaldo (Babu)
2011 Vidas em Jogo Ivan Marcondes[1]
2012 Balacobaco José Maria Nunes (Zé Maria)
2013–2017; 2019- presente Vai que Cola Lacraia Jackson Temporadas 1, 3, 4-5, 2, 7-presente (participação especial)
2013 Noite de Arrepiar Matheus Paranhos Especial de fim de ano
2014 Acerto de Contas Dante[5]
Vitória Paulo Henrique Diniz (PH)
2015 Ferdinando Show Lacraia Episódio: "Lacraia e Elke Maravilha"[6]
2016 Conselho Tutelar Micão[7] Episódio: "6 de janeiro"
2016–
presente
1 Contra Todos Abelardo Ferreira (Mãe)
2017 Sem Volta Yordi Campos
2018 Orgulho e Paixão Januário de Souza[8]
3%[9] Elano Temporada 2
2019 A Divisão Mendonça
2019–
presente
Segunda Chamada Prof. Marco André Gomes

CinemaEditar

Ano Título Papel
1996 Como Nascem os Anjos Japa
1997 For All - O Trampolim da Vitória Severino
1999 Orfeu Maicol
Rota de Colisão Pingo
2000 Gurufim na Mangueira Mosquito
2002 Seja o que Deus Quiser! Pivete
2003 De Passagem Jeferson
Eu, ele mesmo & Adriana Junior
2004 A Cartomante Duda
2005 Quanto Vale ou É Por Quilo? Cândido
2006 O Passageiro - Segredos de Adulto
O Maior Amor do Mundo Dabé
2007 Podecrer! PP[10]
2009 Eu estou Bem cada Vez Melhor
2010 Bróder Pibe
5x Favela - Agora por nós mesmos Maicon
Sonhos Roubados Andreson
2011 Ponto Final Trocador
2012 Disparos Cabo Salgado
2013 Jogo das decapitações Rafael
2014 Isolados Augusto
Muitos Homens Num Só Paulo Barreto[11]
2015 Ponte Aérea Chicão [12]
Metanoia Cadu [13]
2016 A Bela América Lucas [14]
Em Nome da Lei Cebolinha [15]
32 Dentes Ciro [16]
É Fada! Vicente Fontes
2017 O Crime da Gávea Ismael
Vende-se esta Moto Punk
Como É Cruel Viver Assim Primo
2018 Mare Nostrum Roberto
2019 Simonal Marcos Mouran
Vai que Cola 2 – O Começo Lacraia
Boca de Ouro Caveirinha

TeatroEditar

Ano Título
2000 Indigo e Blues
2002 Capitães da Areia
2003 Tango, Bolero e cha cha cha
2004 Barrela
2005 Inimigos da Classe
2006 Biografia não Autorizada de uma Família
2009 Bacantes
2011 Gimba, o Presidente dos Valentes
2012–15 A Confissão
2015–16 Balada de um palhaço
2019 Perfume de Mulher

Parte TécnicaEditar

Ano Título Cargo Nota
2004 Dois idiotas sentados cada qual no seu barril [17] diretor peça teatral
2006 Tem Alguém na Linha? [17] diretor peça teatral
2007–10 Após da Chuva [17] diretor e autor peça teatral
2008 Dois Perdidos Numa Noite Suja [17] diretor peça teatral
Quem Matou Maria Helena? [17] diretor peça teatral
2009 Só morro se for de Diskman [17] diretor peça teatral
A Turma do Pererê diretor série
Alguém Entre Nós [18] diretor peça teatral
2010 A Prostituta Respeitosa [19] diretor peça teatral
2011 Quanto Tempo da Vida Eu Levo pra Ser Feliz [17] diretor e autor peça teatral
2013 Uma Lição Longe Demais [20] diretor peça teatral
2014 Acerto de Contas autor série
2016 Plinio – A História do Maldito Bendito [21] diretor peça teatral
Tu e eu (Adi Cudz) diretor videoclipe
Cinco Mulheres Por Um Fio [22] diretor peça teatral
Capitão do Mato (Ratel) diretor videoclipe
Ceará Show diretor e autor peça teatral
2018 Ele ainda está aqui diretor e autor peça teatral
2019 Perfume de Mulher autor peça teatral
O Dono do Lar diretor série
De Plantão diretor série

Prêmios e indicaçõesEditar

Ano Prêmio Categoria Trabalho Resultado Ref
1996 Festival de Gramado Premio Especial do Júri Como Nascem os Anjos Venceu [2]
1996 Festival de Brasília Premio Especial do Júri Venceu [2]
1996 8° Festival de Natal Revelação Venceu [2]
1997 Troféu Filme de Ouro Fescine Bahia Melhor Ator Venceu
2008 Festival do Paraná de Cinema Melhor Ator Alucinados Venceu [23]
2009 Prêmio O Dia de TV Melhor Ator A Lei e o Crime Indicado
2013 Festival do Rio Menção Honrosa - Ator Coadjuvante Jogo das Decapitações Venceu [24]
2013 Prêmio Contigo! de TV Melhor Ator Coadjuvante Balacobaco Indicado [25]
2017 31º Troféu Carlos Câmara Melhor Autor Ceará Show: O Musical Venceu [26]
Melhor Direção Indicado
2018 Prêmio Brasil Musical Melhor Musical do Nordeste Ceará show; O musical Indicado
2019 Premio Platino de cinema Ibero- Americano Melhor Ator Um contra Todos Indicado
Troféu APCA Melhor Ator de Televisão A Divisão Indicado [27]
2020 Premio Arcanjo de Cultura - Cinema Ator, diretor e roteirista Indicado

Referências

  1. a b sítio R7 (10 de Novembro de 2011). «Silvio Guindane revela mistérios sobre a morte de Ivan». Consultado em 1 de Julho de 2012. Arquivado do original em 15 de dezembro de 2011 
  2. a b c d e «Guindado ao Sucesso». Folha São Paulo. Consultado em 20 de julho de 2017 
  3. «A carreira do ator Silvio Guindane começou praticamente junto da Retomada, fase atual do cinema brasileiro, iniciada em 1995». Globo Filmes. Consultado em 20 de julho de 2017 
  4. a b «Ator Silvio Guindane viverá presidiário travesti em série». Comércio do Jahu. Consultado em 20 de julho de 2017 
  5. «Sílvio Guindane é Dante em 'Acerto de Contas': veja cenas inéditas da minissérie». Acerto de Contas - MULTISHOW. Consultado em 12 de julho de 2014 
  6. Lacraia (Silvio Guindane) e Elke Maravilha - Ferdinando Show
  7. Ator Silvio Guindane viverá presidiário travesti em série
  8. Produção (8 de novembro de 2017). «Silvio Guindane retorna a Rede Globo na novela "Orgulho e Paixão"». noticiasdetv. Consultado em 3 de fevereiro de 2018 
  9. «Maria Flor, Fernanda Vasconcellos e Silvio Guindane farão '3%'». Kogut. Consultado em 12 de julho de 2017 
  10. «Confira quem são os atores principais de Podecrer! e conheça um pouco mais sobre seus personagens». UOL. Editora Escola. Consultado em 5 de março de 2013. Arquivado do original em 6 de março de 2014 
  11. Crítica - Muitos Homens Num Só | Cinema na Rede
  12. Regina Rito (15 de janeiro de 2015). «'Império': Téo Pereira investiga segredo de Maria Marta». O Dia. Consultado em 27 de abril de 2015. Veja o subtítulo Ponte Aérea 
  13. CGospel » Após exibição nos cinemas, Metanoia é lançado em DVD[ligação inativa]
  14. «A Bela América estrelado por Silvio Guindane». Consultado em 14 de junho de 2016. Arquivado do original em 11 de agosto de 2016 
  15. Em Nome da Lei - Globo Filmes
  16. Com Silvio Guindane, o curta de drama com leves toques de comédia 32 Dentes
  17. a b c d e f g "Peças com Silvio Guindane Arquivado em 10 de agosto de 2016, no Wayback Machine.".
  18. Silvio Guindane também dirigiu no teatro várias peças, como: "Alguém entre nós"
  19. A prostituta respeitosa :: Teatro e Dança :: Guia Rio Show :: O Globo
  20. Silvio Guindane e Malu Valle falam sobre 'Uma Lição Longe Demais'
  21. Espetáculo que conta a história do dramaturgo paulista Plinio Marcos tem texto de Maurício Arruda Mendonça e direção de Silvio Guindane.
  22. Cinco Mulheres é dirigido por Silvio Guindane
  23. «"O Grão", de Petrus Cariry, leva prêmio de melhor filme no Festival do Paraná de Cinema». Gazeta do Povo. Consultado em 20 de julho de 2017 
  24. «De menor e O lobo atrás da porta vencem o Redentor». Festival do Rio. Consultado em 20 de julho de 2017 
  25. «Novelas da Record faturam três prêmios internacionais, inclusive de Melhor Novela». Portal R7. 19 de novembro de 2013. Consultado em 19 de novembro de 2013 
  26. «Ceará Show: O Musical é destaque no 31º Troféu Carlos Câmara». CNews. Consultado em 20 de julho de 2017 
  27. «APCA divulga os indicados aos melhores da Televisão em 2019». Huff Post Brasil. 14 de novembro de 2019. Consultado em 14 de novembro de 2019