Sínodo dos Bispos

Dicastério da Igreja Católica
Coat of arms Holy See.svg
Sínodo dos Bispos
 
Synodus Episcoporum


Ereção Canônica: 15 de setembro de 1965
Secretário Geral: Mario Grech
Secretário: Fabio Fabene
Emérito: Nikola Eterović
Jozef Cardeal Tomko, Lorenzo Cardeal Baldisseri
Santa Sé · Igreja Católica
Projeto Catolicismo · uso desta caixa

O Sínodo dos Bispos é uma instituição permanente do Colégio Episcopal da Igreja Católica. Foi o Papa Paulo VI quem o estabeleceu em 15 de setembro de 1965 em resposta ao desejo dos padres do Concílio Vaticano II de manter viva a experiência do Concílio. O documento com o qual o Sínodo foi instituído é a carta apostólica-Motu proprio Apostolica sollicitudo. É uma assembléia de representantes do episcopado católico que tem a tarefa de ajudar o Papa com seus conselhos no governo da Igreja universal.

É o órgão competente na preparação e implementação das Assembleias do Sínodo, bem como em outros assuntos que o Romano Pontífice desejará submeter a eles para o bem da Igreja universal.

Secretários GeraisEditar

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre catolicismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.