Em 2009, 58 países possuíam legislação que presta assistência médica universal.

Saúde universal geralmente se refere a um sistema de saúde pública que presta assistência médica e proteção financeira a todos os cidadãos de um determinado país. É organizado em torno de fornecer um pacote específico de benefícios para todos os membros de uma sociedade com o objetivo final de prover proteção ao risco financeiro, além de melhor acesso aos serviços de saúde.[1]

A assistência universal não tem um tamanho único e não implica cobertura para todas as pessoas para todos os tipos de problemas. A saúde universal podem ser determinados por três dimensões críticas: quem está coberto, quais serviços são cobertos e quanto do custo é coberto pelo sistema.[1] É descrito pela Organização Mundial de Saúde como uma situação em que os cidadãos podem acessar serviços de saúde sem incorrer em dificuldades financeiras.[2] Os Estados membros das Nações Unidas concordaram em trabalhar para a cobertura de saúde universal até 2030.[3]

Ver tambémEditar

Referências

  1. a b World Health Organization (22 de novembro de 2010). «The world health report: health systems financing: the path to universal coverage». Geneva: World Health Organization. ISBN 978-92-4-156402-1. Consultado em 11 de abril de 2012 
  2. «Universal health coverage (UHC)». Consultado em 30 de novembro de 2016 
  3. http://www.who.int/mediacentre/factsheets/fs395/en/
  Este artigo sobre Saúde é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.