Samir Machado de Machado

Samir Machado de Machado (Porto Alegre, 1981) é um escritor, editor e designer gráfico brasileiro.

Machado formou-se em publicidade e propaganda pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul em 2003. Também cursou Criação Literária pela mesma instituição.[1] Fundou em 2007 a Não Editora, pela qual publicou a novela "O Professor de botânica" e o romance "Quatro Soldados". Organizou as coletâneas literárias Ficção de Polpa entre 2008 e 2012. Em 2016 publicou pela editora Rocco o romance "Homens Elegantes".[2] Em 2018, publicou '"Tupinilândia", pela editora Todavia.[3]

Machado venceu o Prêmio Açorianos de Literatura na categoria Capa em 2009, 2013 e 2014 com "Raiva nos Raios de Sol", "Monstros fora do Armário" e "Quero ser Reginaldo Pujol Filho", respectivamente, e na categoria Narrativa Longa em 2017, com "Homens Elegantes".[1][4][5]

Seu livro Homens elegantes recebeu o seguinte elogio de Raphael Montes [6]:

Obras publicadasEditar

  • 2008- O professor de botânica
  • 2013- Quatro soldados
  • 2016- Homens elegantes
  • 2018- Tupinilândia
  • 2019- Piratas à Vista

Referências

  1. a b «Delfos, doutorando e diplomado conquistam Prêmio Açorianos de Literatura - PUCRS - Portal». PUCRS - Portal. 27 de março de 2018 
  2. «Jornal Rascunho». rascunho.com.br. Consultado em 8 de outubro de 2018 
  3. «'Tupinilândia' imagina um parque faraônico na mata amazônica nos anos 1980 - Aliás - Estadão». Estadão 
  4. Alegre, Prefeitura Municipal de Porto. «Comunicação Social». www2.portoalegre.rs.gov.br. Consultado em 8 de outubro de 2018 
  5. «Conhecidos os vencedores do Prêmio Açorianos de Literatura 2013 - Sul 21». Sul 21. 10 de dezembro de 2013 
  6. «Cinco leituras para o carnaval». O Globo. 4 de dezembro de 2018