Abrir menu principal
Vista da igreja.

San Gregorio VII, chamada também de San Gregorio Settimo, é uma igreja titular de Roma localizada na Via del Cottolengo (Via Gregorio VII), no quartiere Aurelio, com entrada na Piazza Gregorio VII, 2[1]. É dedicada ao papa São Gregório VII. O atual cardeal-presbítero protetor do título de São Gregório VII é Baselios Cleemis, o arcebispo maior da Igreja Católica Siro-Malancar.

Índice

HistóriaEditar

 
Detalhe de um dos relevos na entrada.

Foi construída com base num projeto de Mario Paniconi e Giulio Pediconi em 1959 para servir à paróquia criada pelo papa Pio XII em 1952[2][3]. Em 1969, o papa Paulo VI a elevou a sede do título cardinalício de São Gregório VII.

DescriçãoEditar

 
Vista do interior.

Dos lados da entrada estão dois altos-relevos de Luigi Venturini representando o "Sonho de papa Inocêncio III" (à direita) e "Honório III concede a Regra dos Franciscanos", ambos referências a episódios da vida de São Francisco de Assis. Ao lado da estrutura principal está um alto campanário isolado, inspirado nos antigos campanários românicos da cidade.

O interior, de planta retangular (2310 m2, 66 x 35 m), é dominado pelo altar-mor, onde estão um grupo suspenso de esculturas de bronze, obra de Pericle Fazzini, que representa o "Crucifixo circundado por Anjos, a Madona e São Francisco", dez afrescos coloridos que circundam o presbitério, obra de Luigi Montanarini e uma pintura chamada "Madonna del Gelsomino".

O órgão de tubos, de 1983, é um Mascioni (opus 1058), de transmissão elétrica e dois teclados.

Referências

  1. «San Gregorio VII» (em italiano). InfoRoma 
  2. Rendina, C. (2000). Le Chiese di Roma (em italiano). Milano: Newton & Compton Editori. p. 159-160 
  3. «San Gregorio VII» (em italiano). Site oficial. Consultado em 6 de maio de 2015. Arquivado do original em 2 de novembro de 2010 

Ligações externasEditar