Abrir menu principal

Sandomierz (Sandomir) (pronúncia Ltspkr.png [san'domʲɛʂ]) é uma cidade no sudeste da Polônia com 25 646 habitantes (2006). Situada na voivodia de Santa Cruz (desde 1999), anteriormente na voivodia de Tarnobrzeg (1975-1998). É a capital do condado de Sandomierz (desde 1999). A cidade velha em Sandomierz é uma das mais conhecidas da Polônia.

Sandomierz
Sandomierz flaga.svg POL Sandomierz COA (do 2016).svg
Sandomierz Town Hall 20051004 1200.jpg
Voivodia Santa Cruz
Powiat Sandomierz
Administrador municipal Jerzy Borowski
Área 28,8 km²
População (2006) 25 646 habitantes
Densidade 890,4 hab/km²
Fundação 1227
Código telefônico 15
Matrículas de automóveis TSA
Website www.sandomierz.pl
Localização
Localização de Sandomierz na Polónia 50° 41' N 21° 45' E
Cidade da Polónia Flag of Poland.svg

HistóriaEditar

 
Praça da cidade velha em Sandomierz.

Sandomierz é uma das mais antigas e históricas cidades da Polônia. Achados arqueológicos, ao redor da cidade, indicam que seres humanos habitam a área desde o período neolítico. A cidade surgiu no início da Idade Média, devido a sua excelente localização na junção dos rios Vístula e San e no trajeto de importantes rotas de comércio.

A primeira menção conhecida da cidade data do início do século XII, quando o cronista Galo Anônimo classificou-a juntamente com as cidades de Cracóvia e Breslávia como uma das principais da Polônia. No testamento de Boleslau III, em que ele dividiu a Polônia entre seus filhos, Sandomierz foi designada como a capital de um dos principados resultantes.

Ao longo do século XIII a cidade sofreu saques e devastações com as invasões mongóis em 1241, 1259 e 1287. Os antigos prédios de madeira da cidade foram completamente destruídos. Em conseqüência, em 1286 a cidade foi efetivamente refundada por Lesco II, o Negro, quando recebeu os privilégios de cidade. O documento da fundação ainda está preservado nos arquivos da cidade.

Depois que as terras polonesas foram reunificadas no século XIV, os antigos principados formaram a voivodia de Sandomierz, incorporando grandes porções de terras do sudeste da Polônia. Nesse tempo Sandomierz tinha cerca de 3000 habitantes e era uma das maiores cidades da Polônia. No meio do século XIV a cidade foi novamente incendiada durante a invasão dos lituanos. Foi reconstruída no reinado de Casimiro III da Polônia. O traçado da cidade permanece praticamente o mesmo desde aqueles tempos até hoje.

Os trezentos anos que se seguiram, até o meio do século XVII, foram muito prósperos para a cidade. Os prédios históricos mais importantes foram construídos nesse período. Seus anos dourados terminaram em 1655 quando as forças suecas capturaram a cidade durante o Dilúvio, um período negro da história da Polônia. Depois de curta permanência na cidade, os suecos retiraram-se após explodirem o castelo e causarem sérios danos a outros edifícios. Nos próximos 100 anos a economia da Polônia sofreu um declínio, que também afetou a cidade. Um grande incêndio em 1757 e a primeira partição da Polônia em 1772, que passou Sandomierz para o domínio da Áustria, reduziram sua importância. Em conseqüência, Sandomierz perdeu o seu papel de capital administrativa.

Em 1809 a cidade sofreu danos durante as lutas entre as forças da Áustria e o Ducado de Varsóvia no período das Guerras Napoleônicas. Depois de 1815 ela foi anexada ao Império Russo (Polônia do Congresso). Nessa ocasião ele possuía 2640 habitantes.

A cidade mais uma vez sofreu sérios danos durante a Primeira Guerra Mundial. Em 1918 novamente ela fez parte da Polônia independente. No período de entre-guerras a cidade tornou-se a capital da Região Industrial Central, o principal esforço da Polônia para o desenvolvimento de suas indústrias estratégicas. Contudo, o projeto foi interrompido pelo início da Segunda Guerra Mundial e a cidade não se tornou um centro industrial. Em setembro de 1939, após a invasão alemã da Polônia, a cidade foi ocupada pela Alemanha e fez parte do Governo Geral. A população de judeus da cidade, constituída de cerca de 2.500 pessoas, pereceu durante o Holocausto, a maioria nos campos de extermínio de Bełżec e Treblinka. A cidade foi capturada pelo exército soviético em agosto de 1944.

Durante o período em que a cidade fez parte da comunista República Popular da Polónia o maior desenvolvimento industrial ocorreu em Sandomierz, preservando o seu aspecto de pequena cidade cheia de monumentos históricos e paisagens preservadas. Em 1999 a cidade tornou-se a capital de condado.

Atrações turísticasEditar

Ligações externasEditar