Santa Albertina

município brasileiro situado na região noroeste do estado de São Paulo
Disambig grey.svg Nota: Se procura por outras definições de Santa Albertina, veja Santa Albertina (desambiguação).

Santa Albertina é um município brasileiro situado na região noroeste do estado de São Paulo. Localiza-se a uma latitude 20º01'55" sul e a uma longitude 50º43'40" oeste. A cidade tem uma população de 6.022 habitantes (IBGE/2020) e área de 272,692 km².[2]

Santa Albertina
  Município do Brasil  
Símbolos
Bandeira de Santa Albertina
Bandeira
Brasão de armas de Santa Albertina
Brasão de armas
Hino
Gentílico santa-albertinense
Localização
Localização de Santa Albertina em São Paulo
Localização de Santa Albertina em São Paulo
Mapa de Santa Albertina
Coordenadas 20° 01' 55" S 50° 43' 40" O
País Brasil
Unidade federativa São Paulo
Municípios limítrofes Paranapuã, Mesópolis, Aspásia, Santa Rita d'Oeste e Urânia
Distância até a capital 630 km[1]
História
Fundação 27 de abril de 1947 (73 anos)
Emancipação 18 de fevereiro de 1959 (62 anos)
Aniversário 24 de junho
Administração
Prefeito(a) Juninho Formigoni (DEM)
Características geográficas
Área total [2] 272,692 km²
População total (Estimativa Populacional IBGE/2020[2]) 6 022 hab.
Densidade 22,1 hab./km²
Clima subtropical (Cwa)
Altitude 420 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (PNUD/2000[3]) 0,784 alto
PIB (IBGE/2009[4]) R$ 56 413 mil
PIB per capita (IBGE/2017[2]) R$ 32 341,25

No ano de 2017 o IBGE classificou Santa Albertina como um dos 18 municípios integrantes da Região Geográfica Imediata de Jales e consequentemente parte da Região Geográfica Intermediária de São José do Rio Preto. [5]

HistóriaEditar

A origem do município de Santa Albertina encontra-se em um povoado fundado por Belizário de Almeida em 27 de abril de 1947, em terras doadas pela família Schimidt. Em 24 de junho de 1948, foi lançada a pedra fundamental e erguido um cruzeiro.

O nome Santa Albertina foi escolhido pelo doador das terras, Francisco Schimidt, em homenagem a sua mãe. O povoado cresceu e tornou-se distrito do município de Jales em 30 de dezembro de 1953, sendo elevado à categoria de município apenas seis anos mais tarde, em 18 de fevereiro de 1959.

GeografiaEditar

A área do município, segundo o IBGE, é de 272,8 km² e a sua altitude média é de 420 metros sobre o nível do mar.

DemografiaEditar

Dados do Censo - 2010[2]

Densidade demográfica (hab./km²): 20,98

Dados do Censo - 2000

(Fonte: IPEADATA)

HidrografiaEditar

RodoviasEditar

ComunicaçõesEditar

A cidade era atendida pela Telecomunicações de São Paulo (TELESP)[7], que construiu a central telefônica utilizada até os dias atuais. Em 1998 esta empresa foi privatizada e vendida para a Telefônica[8], sendo que em 2012 a empresa adotou a marca Vivo[9] para suas operações de telefonia fixa.

AdministraçãoEditar

  • Prefeito: Vanderci Noveli (Tuquinha) (2017/2020)
  • Vice-prefeito: Aparecido Cerezo Zago
  • Presidente da câmara: Evandro Paulino Pereira (2019/2020)
  • Vereadores Eleitos de Santa Albertina-SP.
  • Administração 2017 – 2020
    • Amauri Ambrosio Gonçalves (Graia)
    • Claudinei Vieira França (Dinei da Ambulância)
    • Edilson Isaias Machado (Gatinho)
    • Evandro Paulino Pereira
    • Genivaldo Quirino de Almeida (Gene)
    • João Messias dos Santos
    • Jose Antonio Barboza (Fiinho)
    • Luiz Carlos Facin
    • Onofre Antonio Lombardi Cagnin (Nariguim)

Referências

  1. «Distâncias entre a cidade de São Paulo e todas as cidades do interior paulista». Consultado em 28 de janeiro de 2011 
  2. a b c d e «Santa Albertina (IBGE)». IBGE.gov.br. Consultado em 6 de novembro de 2020 
  3. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  4. «Produto Interno Bruto dos Municípios 2005-2009» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 8 jan. 2012. Arquivado do original (PDF) em 5 de agosto de 2012 
  5. «Região Imediata e Intermediária». IBGE.gov.br. Consultado em 6 de novembro de 2020 
  6. «SIDRA IBGE - Tabela 608 - População residente, por situação do domicílio e sexo». IBGE. Consultado em 1 de setembro de 2011  horizontal tab character character in |título= at position 26 (ajuda)
  7. «Área de atuação da Telesp em São Paulo». Página Oficial da Telesp (arquivada) 
  8. «Nossa História». Telefônica / VIVO 
  9. GASPARIN, Gabriela (12 de abril de 2012). «Telefônica conclui troca da marca por Vivo». G1 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre municípios do estado de São Paulo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.