Abrir menu principal

Santa Helena de Goiás

Disambig grey.svg Nota: Para outras cidades contendo este nome, veja Santa Helena.
Santa Helena de Goiás
  Município do Brasil  
Símbolos
Hino
Lema Amor ao Trabalho
Apelido(s) "Shego"
Gentílico santa-helenense [1][2]
Localização
Localização de Santa Helena de Goiás em Goiás
Localização de Santa Helena de Goiás em Goiás
Santa Helena de Goiás está localizado em: Brasil
Santa Helena de Goiás
Localização de Santa Helena de Goiás no Brasil
Mapa de Santa Helena de Goiás
Coordenadas 17° 48' 50" S 50° 35' 49" O
País Brasil
Unidade federativa Goiás
Municípios limítrofes Rio Verde, Acreúna, Maurilândia, Santo Antônio da Barra e Turvelândia
Distância até a capital 200 km
História
Fundação 14 de outubro de 1943
Aniversário 20 de outubro de 1948.
Administração
Prefeito(a) João Alberto Rodrigues (PATRI, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [3] 1 127,855 km²
População total (Estimativa IBGE/2017[4]) 38 743 hab.
 • Posição GO: 30º
Densidade 34,35 hab./km²
Clima Tropical Temperado
Altitude 570 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (PNUD/2000 [5]) 0,747 alto
PIB (IBGE/2012[6]) R$ 720 749 mil
PIB per capita (IBGE/2012[6]) R$ 19 606,90

Santa Helena de Goiás é um município brasileiro do estado de Goiás. Possui uma área territorial de 1.128 km² e sua população estimada em 2017 era de 40.878 habitantes de acordo com o IBGE. Faz divisas com os municípios de Rio Verde, Acreúna e Maurilândia estando situada no sudoeste do estado a 200 km de Goiânia. Na cidade também está localizado o Seminário Menor São João Maria Vianney, destinado a formação sacerdotal da Diocese de Jataí.

Sua vida é marcada pela agropecuária, destacando inicialmente com o plantio de Arroz, Banana e Café nos anos de 1950/60.

O município tem como principais indústrias a Italac, e uma usina de álcool e açúcar (Usina Santa Helena), que é controlada pelo Grupo Naoum com sede em Anápolis, e a Monsanto do Brasil. Também está se instalando em Santa Helena com um pólo de confecções que produzirá diversos tipos de roupas para a Hering.

Santa Helena de Goiás já foi considerada a capital nacional do algodão, sendo que o maior contribuinte para este título foi a vinda de vários produtores da Alta Mogiana Paulista e Triângulo Mineiro e trabalhadores braçais nordestinos nas décadas de 60, 70 e 80. Vieram por encontrar solo fértil, sendo nossa cidade um dos ícones em desenvolvimento agrícola no estado, prova disso era a honrada 2ª economia do estado, perdendo apenas para a capital Goiânia, isso no auge do Algodão.

Hoje possui a Fundação-GO que pesquisa variedades de algodão em parceria com a Embrapa e uma empresa de transformação de caroço de algodão em torta muito útil à alimentação animal que é a Guanambi Rações.

Com a expansão dos plantações de cana-de-açúcar a cultura do algodão migrou radicalmente para o estado de Mato Grosso e para o oeste da Bahia, o que causou uma grande diminuição do capital circulante na cidade. Uma grande quantidade de trabalhadores dependentes da cultura do algodão tiveram seus empregos extintos e isso causou um aumento do desemprego e abertura de postos de trabalho informal na região. As antigas algodoeiras que saíram de funcionamento estão sendo reaproveitadas em novas construções, como por exemplo a vinícola Santa Helena, que funciona em uma algodoeira desativada.

Prova desta diversificação agrícola é a transformação de um colégio agrícola em uma futura unidade de pesquisa da Embrapa/Uva. Existe parceria de pequenos agricultores com empresas ligadas a produção de sucos, doces, compotas dando assim o plantio de Maracujá, Banana. Santa Helena conta hoje com um excelente hospital que é o Hospital de Urgencias da região sudoeste (HURSO), conta com 122 leitos sendo 10 de UTI adulto e 10 de UTI infantil, sendo direcionado para urgencias, nas áreas de traumatologia, ortopedia, cirurgia geral e neurocirurgia e exames de média e alta complexidade. Atendento 27 cidades da região sudoeste entre elas Rio Verde, Jatai, Mineiros,São Simao, Paranaiguara, Quirinopólis, Caçu, Maurilândia Acreúna, Serranopólis, Chapadão do Ceú e Santa Rita do Araguaia. A cidade conta também com uma unidade da universidade estadual de Goias com 4 cursos, sendo eles Administração, Sistemas de Informações, Matemática e Engenharia Agrícola. Secretaria de estado da saúde. unidade da UEG de Santa Helena. A cidade possui 4 emissoras de rádio que são: Rádio Ouro Branco FM 102,7 , Rádio Santelenense AM 1010, Rádio Nova Paz FM e Rádio Cultura, ambas 87,9 FM, além de contar com uma emissora de televisão: TV Rios Canal 17 afiliada TV Brasil.

Santa Helena Esporte ClubeEditar

A cidade é sede do Santa Helena EC, vice-campeão do Campeonato Goiano de 2010 e rebaixado à 2ª divisão estadual em 2011.

Referências

  1. http://www.santahelena.go.gov.br/historico Histórica de Santa Helena de Goiás
  2. Concede título de cidadania honorário Santa-helenense. Lei que concede título de cidadania honorário Santa-helenense
  3. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  4. https://cidades.ibge.gov.br/brasil/go/santa-helena-de-goias/panorama  Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  5. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  6. a b @Cidades (2012). «Produto Interno Bruto dos Municípios 2012». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Consultado em 28 de fevereiro de 2015 

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre municípios do estado de Goiás é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.