Savaspes Arcruni

Savaspes Arcruni foi um nobre armênio do século IV, ativo no reinado dos reis Tigranes VII (r. 339–350) e Ársaces II (r. 350–368).

Savaspes Arcruni
Etnia Armênio
Progenitores Pai: Vache I
Filho(s) Meruzanes I
Ocupação Nobre
Religião Catolicismo

VidaEditar

Era filho de Vache I.[1] Sob Tigranes, o mardapetes Hair matou vários nobres, inclusive os Arcrunis. Bassaces I e Artavasdes II salvam Savaspes, levando-o para junto deles em Taique, onde foi criado pelos Mamicônios e casado com uma filha de nome desconhecido de Bassaces ou uma irmã sua, também de nome incerto;[2][3] como único sobrevivente de sua família, certamente era pai de Meruzanes I. [4]

Segundo Fausto, no tempo de Ársaces II (r. 350–368) Savaspes estava na comitiva de Hair em sua viagem para Nísibis. Savaspes Arcruni se aproximou e contou uma história fictícia de que viu um urso branco a Hair, que se encantou e foi convencido a montar um corcel para procurar o animal. Entraram na floresta e esperaram e quando estavam nos arbustos, Savaspes ficou um pouco para trás e atingiu-o com uma flecha, supostamente matando-o.[5]

Referências

BibliografiaEditar

  • Grousset, René (1947). História da Armênia das origens à 1071. Paris: Payot 
  • Settipani, Christian (2006). Continuidade das elites em Bizâncio durante a idade das trevas. Os príncipes caucasianos do império dos séculos VI ao IX. Paris: de Boccard. ISBN 978-2-7018-0226-8