Scirocco (contratorpedeiro)

O Scirocco foi um contratorpedeiro operado pela Marinha Real Italiana e a segunda embarcação da Classe Maestrale. Sua construção começou em setembro de 1931 no Cantiere navale di Riva Trigoso e foi lançado ao mar em abril de 1934, sendo comissionado na frota italiana em outubro do mesmo ano.[1] Era armado com uma bateria principal composta por quatro canhões de 120 milímetros e seis tubos de torpedo de 533 milímetros, tinha um deslocamento carregado de pouco mais de duas mil toneladas e alcançava uma velocidade máxima de 33 nós.[1][2]

Scirocco
 Itália
Operador Marinha Real Italiana
Fabricante Cantiere navale di Riva Trigoso
Homônimo Siroco
Batimento de quilha 29 de setembro de 1931
Lançamento 22 de abril de 1934
Comissionamento 21 de outubro de 1934
Indicativo visual SC
Destino Afundado durante tempestade
em 23 de março de 1942
Características gerais (como construído)
Tipo de navio Contratorpedeiro
Classe Maestrale
Deslocamento 2 243 t (carregado)
Maquinário 2 turbinas a vapor
3 caldeiras
Comprimento 106,7 m
Boca 10,15 m
Calado 4,3 m
Propulsão 2 hélices
- 44 880 cv (33 000 kW)
Velocidade 33 nós (61 km/h)
Autonomia 2 800 milhas náuticas a 18 nós
(5 200 km a 33 km/h)
Armamento 4 canhões de 120 mm
2 canhões de 40 mm
4 metralhadoras de 13,2 mm
6 tubos de torpedo de 533 mm
56 minas navais
Tripulação 190

O Scirocco teve um início de carreira tranquilo, mas ajudou na intervenção italiana na Guerra Civil Espanhola ao escoltar navios de transporte de voluntários. Na Segunda Guerra Mundial, participou de várias operações de escoltas de comboio para a Campanha Norte-Africana e também esteve presente na Batalha da Calábria em julho de 1940 e na Segunda Batalha de Sirte em março de 1942. A frota italiana foi pega por uma grande tempestade ao retornarem deste último confronto e o navio ficou para trás e acabou afundando na manhã de 23 de março. Houve dois sobreviventes.

Referências

  1. a b Brescia, Maurizio (2012). Mussolini's Navy: A Reference Guide to the Regia Marina 1930–45. Barnsley: Seaforth. p. 121. ISBN 1-84832-115-5 
  2. Fraccaroli, Aldo (1968). Italian Warships of World War II. Shepperton: Ian Allan. p. 55. ISBN 0-7110-0002-6 
  Este artigo sobre tópicos navais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.