Abrir menu principal
Disambig grey.svg Nota: Se procura pela seleção de rugby union, veja Seleção Galesa de Rugby Union.

A Seleção Galesa de Rugby League é a equipe que representa o País de Gales no rugby league mundial. Seus jogadores são apelidados de The Dragons.

País de Gales
Flag of Wales (1959–present).svg
Confederação Wales Rugby League
Apelido(s) The Dragons
Técnico Inglaterra John Kear
Primeiro jogo internacional
Flag of Wales (1807–1953).svg País de Gales 9 - 8 Flag of New Zealand.svg Nova Zelândia
(1 de janeiro de 1908)
Maior vitória
Flag of the United States.svg Estados Unidos 4 - 92 Flag of Wales (1959–present).svg País de Gales
(11 de junho de 1995)
Pior derrota
Flag of England.svg Inglaterra 74 - 0 Flag of Wales (1959–present).svg País de Gales
(10 de outubro de 2008)
Copa do Mundo
Aparições 5 (Primeira vez em 1975)
Melhor resultado Semifinal (1995 e 2000

No País de Gales, o league é um código de rugby menos popular que o rugby union (cuja seleção galesa é uma das maiores potências), como na maior parte do mundo: apenas na Austrália, na Papua-Nova Guiné e no norte da Inglaterra ele é o código preferido em relação ao union; na maior parte das Copas do Mundo de Rugby League, até a edição de 1989-92, os galeses juntaram-se aos demais britânicos e foram representados pela Grã-Bretanha.

HistóriaEditar

Embora menos popular localmente, o rugby league tem alguma difusão em Gales. A Copa do Mundo de Rugby League de 1975 inclusive teve participação da seleção galesa, e também da inglesa, ambas no lugar da Grã-Bretanha para competirem com a australiana, a francesa e a neozelandesa. O formato de 1975 não fez sucesso e a seleção da Grã-Bretanha foi retomada nos mundiais seguintes até a edição de 1989-92.

A partir da Copa de 1995, Gales e Inglaterra voltaram a ser representados por seleções separadas. A galesa vem competindo continuadamente com sua seleção própria desde então. Naquele mundial de 1995, a seleção contou com diversos ex-jogadores da seleção de rugby union: John Devereux, Paul Moriarty, Adrian Hadley inclusive haviam jogado a Copa do Mundo de Rugby Union de 1987, a primeira deste esporte. Richard Webster e Dai Young estiveram nela e também na de 1991. Scott Gibbs na de 1991 também. Devereux, Moriarty e Jonathan Davies, outro competidor de 1987, já haviam jogado a Copa do Mundo de Rugby League de 1989-92 pela Grã-Bretanha. O País de Gales havia atravessado na virada da década de 1980 para a de 1990 por momentos de greve e desemprego. Muitos jogadores de rugby union, que foi obrigatoriamente amador até 1995 passaram então ao league, que admitia o profissionalismo, mesmo com a mudança até então podendo acarretar no banimento perpétuo de praticar o union (o que também acabou em 1995).

Além das Copas do Mundo, Gales também participa ocasionalmente do Torneio Quatro Nações de Rugby League, competição anual que reúne Austrália, Inglaterra e Nova Zelândia (as mais fortes da modalidade) e um convidado, alternado nos anos pares com o campeão da Copa do Pacífico, nos anos ímpares, o vencedor da Copa da Europa (vencida por Gales em 2011), a contar com as demais seleções europeias.

A nível de clubes, Gales esporadicamente tem um representante na Super League, o campeonato inglês da modalidade, um dos dois únicos relevantes no mundo, ao lado do australiano. De 2009 a 2011, o clube galês na Super League foi o Celtic Crusaders.

Ver tambémEditar