Abrir menu principal
Serafim Gonzalez
Nascimento 19 de maio de 1934
Sertãozinho,  São Paulo
Nacionalidade brasileiro
Morte 29 de abril de 2007 (72 anos)
Santos,  São Paulo
Atividade 1946 - 2007
Cônjuge Mara Hüsemann (1955-2007)

Serafim Gonzalez (Sertãozinho, 19 de maio de 1934Santos, 29 de abril de 2007) foi um ator e escultor brasileiro.

Filho de espanhóis, nasceu no interior de São Paulo e começou sua carreira em Santos, aos catorze anos. Pouco depois iria para São Paulo, onde trabalharia na então novíssima TV Tupi. Participa de várias novelas ao vivo. Nas décadas de 1970, também participa de peças de teatro e de pornochanchadas, como Convite ao Prazer (1980) e Me Deixa de Quatro (1981). No entanto, seu maior sucesso sempre foi na televisão, em novelas como as primeiras versões de Mulheres de Areia (1973 e 1993) (onde esculpiu as estátuas feitas, na trama, pelo personagem Tonho da Lua) e A Viagem, de (1975), no papel de Ismael, vivido por Jonas Bloch no remake de 1994.

Mais recentemente, participou de várias novelas produzidas pelo SBT, como Pícara Sonhadora (2001) e Chiquititas, em (2000).

Seu último trabalho de destaque foi o Seu Quiqui, da novela Belíssima (2005).

Sua última aparição na TV, no entanto, deu-se no SBT, em uma participação especial na novela Cristal em 2006.

Faleceu de insuficiência respiratória em 29 de abril de 2007 aos 72 anos de idade.

Era casado, desde 1955, com a ex-atriz Mara Hüsemann, com quem teve três filhos[1].

Trabalhos na TVEditar

Trabalhos no cinemaEditar

Referências

  1. Folha de S.Paulo, caderno Ilustrada
  2. «SBT ataca 'JN' e 'Porto' com a 'Pícara'». TVFolha. Folha de S. Paulo. 26 de agosto de 2001. Consultado em 4 de dezembro de 2011 
  3. «As Filhas do Fogo». Cinemateca Brasileira. Consultado em 16 de junho de 2018 

Ligações externasEditar