Abrir menu principal

Wikipédia β

Siméon Denis Poisson

VidaEditar

Siméon Denis Poisson (pronúncia francesa (/si.me.ɔ̃ də.ni pwa.sɔ̃/) nasceu em Pithiviers, Loiret, filho do soldado Siméon Poisson.

Em 1798 entrou na École Polytechnique em Paris, como primeiro colocado de sua turma, atraindo imediatamente a atenção dos professores da escola, deixando-o livre para escolher o que estudar. Em 1800, menos de dois anos depois de seu ingresso, publicou duas memórias, uma sobre o método da eliminação de Étienne Bézout, e a outra sobre o número de integrais de uma equação em diferenças finitas. Esta última foi examinada por Sylvestre François Lacroix e Adrien-Marie Legendre, que recomendaram sua publicação no Recueil des savants étrangers, uma honra sem precedentes para um jovem de dezoito anos.[2]

Poisson desenvolveu o expoente de Poisson, usado na transformação adiabática de um gás. Este expoente é a razão entre a capacidade térmica molar de um gás a pressão constante e a capacidade térmica molar de um gás a volume constante. A lei de transformação adiabática de um gás diz que o produto entre a pressão de um gás e o seu volume elevado ao expoente de Poisson é constante.[3]

Referências

  1. Siméon Denis Poisson (em inglês) no Mathematics Genealogy Project
  2. Ioan James (2002). Remarkable Mathematicians: From Euler to Von Neumann. [S.l.]: Cambridge. 69 páginas. ISBN 978-0521-520942-2 GB 
  3. Sooyoung Chang (2011). Academic Genealogy of Mathematicians. [S.l.]: WorldScientific. 92 páginas. ISBN 978-981-4282-29-1 GB 

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar


Precedido por
George Biddell Airy
Medalha Copley
1832
com Michael Faraday
Sucedido por
Giovanni Plana


  Este artigo sobre um(a) matemático(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  Este artigo sobre um(a) físico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.