Sin pecado concebido

Sin pecado concebido
Informação geral
Formato Telenovela
Duração 50 min. (aprox.)
Criador(es) Carlos Olmos
Enrique Serna
País de origem México
Idioma original espanhol
Produção
Diretor(es) Miguel Córcega
José Ángel Domínguez
Produtor(es) José Alberto Castro
Elenco Angélica Rivera
Carlos Ponce
Itatí Cantoral
Sergio Goyri
María Sorté
Joaquín Cordero
Juan Soler
Aurora Molina
Beatriz Aguirre
Magda Guzmán
Montserrat Olivier
Sebastián Rulli
Luis Roberto Guzmán
Ana Bertha Espín
Juan Peláez
ver mais
Tema de abertura «Concebido sin pecado» por (Carlos Ponce)
Exibição
Transmissão original 28 de maio de 2001 - 28 de setembro de 2001
Episódios 90

Sin pecado concebido é uma telenovela mexicana produzida por José Alberto Castro para Televisa, e exibida entre 28 de maio e 28 de setembro de 2001, substituindo El derecho de nacer e antecedendo El manantial.[1] A trama é original de Carlos Olmos e Enrique Serna[2].

Foi protagonizada por Angélica Rivera e Carlos Ponce e antagonizada por Itati Cantoral, Sergio Goyri, Luis Roberto Guzmán e Beatriz Aguirre, com as atuações especiais do primeiros atores María Sorté, Joaquín Cordero, Aurora Molina e grande elenco.

AntecedentesEditar

 Ver artigo principal: Telenovelas da Televisa

EnredoEditar

Adrián (Carlos Ponce) é um jovem bom e inocente não tem maldades em seu coração, e vive sua vida sem preocupações, ele é filho de Claudio (Orlando Carrió) e Amparo Martorel (María Sorté), os proprietários de uma fabrica de perfumes e da fazenda "La Encantada", lugar em que também vive Mariana (Angélica Rivera) uma jovem que de familia humilde que trabalha para a familia Martorel, Adrián e Mariana são grandes amigos e convivem muito bem, Amparo mulher rica e sem coração aceitou que Mariana ficasse em sua casa sob a proteção de sua familia por obrigação, mesmo assim ela a maltrata e despreza por conta dos seus preconceitos sociais.

No entanto, um terrível acontecimento faz com que Mariana seja forçada a sair de casa para entra em um internato, enquanto seus irmãos e o pai ficaram na fazenda. No convento ela conhece a Madre Ángeles (Aurora Molina) e a irmã Jovita, que juntamente com o padre Gonzalo (Joaquín Cordero), tornar-se seus conselheiro espiritual, já que ela pensa em se tornar uma freira.

Cinco anos mais tarde o pai de Mariana morre e ela tem que cuidar de seus irmãos, de modo que ela retorna para a fazenda onde ela encontra novamente o agora belo Adrián, que acaba de voltar para sua casa após obter o seu mestrado em Chicago. Ambos descobrem que seu amor de adolescência ainda está vivo. Mas agora ele está envolvida Raquel (Itatí Cantoral), uma mulher ambiciosa que é capaz de qualquer coisa para separar Mariana e Adrián, juntamente com Amparo. Os dois lutam contra tudo e contra todos, para ficarem juntos pelo amor que sentem concebido sem pecado.

ElencoEditar

Ator Personagem
Angélica Rivera Mariana Campos Ortiz de Martorel
Carlos Ponce Adrián Martorel Ibáñez
Itatí Cantoral Raquel Villavicencio Rojas de Martorel
Sergio Goyri Emiliano Martorel Ochoa
Maria Sorté Amparo Ibáñez de Martorel
Joaquín Cordero Padre Gonzalo
Montserrat Olivier Monserrat España
Juan Soler Octavio Allende
Magda Guzmán Eva Santana
Beatriz Aguirre Salud Rojas de Villavicencio
Sebastián Rulli Marco Vinicio Martorel Hernández
Aurora Molina Madre Ángeles
Pilar Pellicer Dolores 'Loló' De La Bárcena y De Teresa
Luis Roberto Guzmán Álvaro Godoy
Juan Peláez Anselmo Campos
Delia Casanova Hermana Jovita
Orlando Carrió Claudio Martorel Ochoa
Ana Bertha Espín Flor Gutiérrez de Martorel
Rosa María Bianchi Carmen Albán
Roberto Ballesteros Epigmenio Nava
Luis Gatica Gerardo Garduño
Andrea Torre Arcelia Guízar Albán
Juan Carlos Casasola Sergio Orozco
Ivonne Corona Ana Luisa de Campos
Gerardo Albarrán Raúl Platas
Mané Macedo Reyna
Rafael Amaya Cástulo Campos Ortiz
Alejandra Jurado Minerva
Fernando Robles Ixca
José Antonio Ferral Lupe
Sonia Linar Madre Violeta
Roberto Navarro Hugo Campos Ortiz
Regina Vázquez Gabriela Campos Ortiz
Consuelo Mendiola Maribel
David Ostrosky Diego Enrique Castellanos
Lourdes Canale Olga
Roger Cudney Dr. Reyes
José Antonio Estrada Efren
Norma Regina Brito Aurelia
Erika Marti Senora Laboratorios
José Luis Montemayor Julian
Norma Munguía Tomasa
Lucía Pailles Samantha
Enrique Palma Juiz Obregon
Estela Ruiz Paty
Yamil Sesin Melquiades
Luis Fernando Torres Efrencito Mendoza
Susan Vohn Larissa Kedroba

ProduçãoEditar

  • Historia original e libreto: Carlos Olmos, Enrique Serna, Jesús Calzada
  • Tema: Sin pecado concebido
  • Letra e música: Carlos Ponce, Joel Someillán
  • Intérprete: Carlos Ponce
  • Música incidental: Chacho Gaytán, Roberto Roffiel
  • Escenografía: Isabel Cházaro, María Teresa Ortiz
  • Ambientação: Esperanza Carmona
  • Design de vestuario: Martha Leticia Rivera, Laura Villafaña, Enrique Rivas
  • Transformação literaria: Rocío Barrionuevo, Julián Robles
  • Edição literaria: Janely Lee
  • Edição: Juan Ordóñez, Héctor Flores, Alejandro Iglesias
  • Chefe de produção em estúdio: Raúl Reyes Uicab
  • Chefe de produção em locação: Marco Antonio Cano
  • Diretor de câmeras em locação: Bernardo Nájera
  • Diretor de cena en locação: José Ángel Domínguez
  • Diretores de câmeras: Alejandro Frutos, Ernesto Arreola
  • Diretores de cena: Juan Carlos Muñoz, Miguel Córcega
  • Coordenadora geral: Georgina Ramos
  • Produtores associados: Ernesto Hernández, Fausto Sáinz
  • Produtor executivo: José Alberto Castro

AudiênciaEditar

Em sua exibição original, a trama obteve 20.8 pontos de média, e foi considerada um fracasso.[3]

TransmissãoEditar

Em 28 de maio de 2001, segunda-feira, o El Canal de las Estrellas começou a exibir Sin pecado concebido em seu horário nobre, às 21 horas, substituindo El derecho de nacer. Seu último capítulo foi ao ar em 28 de setembro de 2001, tendo El manantial como substituta.

Exibição InternacionalEditar

  RCN Televisión
  Gamavisión
  Univision
  Telemicro
  Mega
  América Televisión
  Telefuturo
  TLNovelas
  POP TV
  Acasa TV
  Bolivisión

Prêmios e IndicaçõesEditar

Ano Premiações Categoria Nomeações Resultado
2002 Prêmio TVyNovelas Melhor Telenovela Indicado
Melhor Atriz Protagonista Angélica Rivera Indicada
Melhor Vilã Itati Cantoral Venceu
Melhor Vilão Sergio Goyri Indicado
Melhor Primeira Atriz Beatriz Aguirre Indicada
Melhor Atriz Coadjuvante Maria Sorté Indicada
Melhor Ator Coadjuvante Luis Roberto Guzmán Indicado
Melhor Revelação Feminina Andrea Torre Indicado
Prêmios Bravo[4] Melhor Primeira Atriz Beatriz Aguirre Venceu
Melhor Ator Revelação Luis Roberto Guzmán Venceu

Referências

  1. «José Alberto Castro "sin pecado"». El Universal. 30 de maio de 2001. Consultado em 28 de julho de 2017 
  2. «Carlos Olmos ahora Sin pecado concebido». El Universal. 30 de maio de 2001. Consultado em 28 de julho de 2017 
  3. «Ratings promedio telenovelas de TELEVISA en horario estelar!». Foro Azul Point. 3 de março de 2010. Consultado em 1 de agosto de 2015 
  4. Orizaba en la Red (Todo bien en la entrega de los "Premio Bravo")

Ligações externasEditar