Sinal de Alerta

telenovela brasileira produzida e exibida pela Rede Globo

Sinal de Alerta é uma telenovela brasileira, produzida e exibida pela Rede Globo de 31 de julho de 1978 a 26 de janeiro de 1979, às 22 horas, substituindo O Pulo do Gato.[1] Foi a 26ª "novela das dez" exibida pela emissora.

Sinal de Alerta
Informação geral
Formato Telenovela
Criador(es) Dias Gomes
País de origem  Brasil
Idioma original (em português)
Produção
Diretor(es) Walter Avancini
Jardel Mello
Paulo Ubiratan
Elenco Paulo Gracindo
Jardel Filho
Vera Fischer
Yoná Magalhães
Carlos Eduardo Dolabella
Renata Sorrah
Eduardo Conde
Bete Mendes
Isabel Ribeiro
Milton Gonçalves
ver mais
Exibição
Emissora original Brasil Rede Globo
Transmissão original 31 de julho de 1978 - 26 de janeiro de 1979
Episódios 116
Cronologia
O Pulo do Gato
Eu Prometo

Escrita por Dias Gomes, auxiliado por Walter George Durst nos 30 capítulos finais, foi dirigida por Walter Avancini, Jardel Mello e Paulo Ubiratan e teve 116 capítulos.

Contou com Paulo Gracindo, Yoná Magalhães, Vera Fischer, Jardel Filho, Isabel Ribeiro e Carlos Eduardo Dolabella nos papéis principais.

SinopseEditar

Tião Borges enriquece de forma rápida e torna-se conhecido. Separado há cinco anos de Talita, ele quer se divorciar, mas ela não aceita. Quer se casar com a jovem Sulamita Montenegro, criada sob rígidos padrões morais e que, por isso, mantém com ele um noivado seguido de perto.

ProduçãoEditar

A telenovela foi lançada com uma expectativa de reascender a audiência do horário, visto que as tramas anteriores não foram bem nesse quesito[2].

As expectativas foram por água a baixo pois telenovela não chamou a atenção do público. Para piorar a situação, o horário eleitoral exibido entre setembro e novembro de 1978 fez com que a Globo exibisse a novela às 23:00, o que fez a queda de público ser bem maior[2]. Com o fim da propaganda eleitoral gratuita, a novela voltou para seu horário original e apresentou 10 capítulo apenas de resumos para manter o público a par dos acontecimentos. Também não adiantou, pois a rejeição à novela ainda prevalecia[2].

Numa última tentativa de salvar a novela, a Globo convocou Walter George Durst para auxiliar Dias Gomes. Ele colaborou nos 30 últimos capítulos da novela. Diante de mais um desastre no horário, a Globo decidiu cancelar a produção de novelas às 22:00[2]. Uma reprise de Gabriela foi colocada como substituta e após o fim desta foram exibidas séries produzidas pela própria Globo. O horário só seria reaberto para novelas em 1983, com Eu Prometo[2].

ElencoEditar

Ator/Atriz Personagem
Paulo Gracindo Tião Borges
Yoná Magalhães Talita Bastos
Vera Fischer Sulamita Montenegro
Jardel Filho Rudi Caravaglia
Ruth de Souza Adelaide
Milton Gonçalves Rafa
Renata Sorrah Selma
Bete Mendes Vera Bastos
Carlos Eduardo Dolabella Chico Tibiriçá
Isabel Ribeiro Consuelo
Eduardo Conde Nilo Bastos
Elza Gomes Henriqueta
José Augusto Branco Lúcio Braga
Ruy Rezende Fumaça
Ana Ariel Constança
Paulo Gonçalves Nicanor
Vanda Lacerda Melinda Montenegro
Germano Filho Seu Loyola
Dorinha Duval Ofélia
Nelson Caruso Norival
Mara Rúbia Tia Cotinha
Carmem Silva Tia Coló
Augusto Olímpio Rato
Dary Reis Azevedo
Betina Vianny Justina
Clementino Kelé Sansão
Sônia Regina Martinha
Jorge Botelho Bruno
Tamara Taxman Geórgia
Manfredo Colassanti Giuseppe
Macedo Neto Ademar Amaral
Norah Fontes Joana
Murilo Néri Tonico
Leila Cravo Deise
Luiz Armando Queiroz Duda
Tony Ferreira padre Mauro
Dulce Conforto Lia
Fernando Eiras Mário
Angelina Muniz Rita
Neila Tavares Roberta
Samir de Montemor Rocha
Antônio Ganzarolli Teodoro
Nena Ainhoren Júlia

Trilha SonoraEditar

NacionalEditar

  1. "Medo de Amar Nº 2" - Simone
  2. "Panorama Ecológico" - Erasmo Carlos
  3. "Rita Baiana" - Zezé Motta
  4. "Anoiteceu" - Francis Hime
  5. "Lero Lero" - Edu Lobo
  6. "Salve o Verde" - Quarteto Em Cy
  7. "Tiro Cruzado" - Sérgio Mendes
  8. "O Silêncio é de Ouro" - Sá & Guarabyra
  9. "Dos Cruzes" - Ney Matogrosso
  10. "Os Outros Que Se Danem Football Club" - Nelson Gonçalves
  11. "Nós, Os Grandes Artistas" - Marilia Medalia
  12. "Cais" - Nana Caymmi

InternacionalEditar

  1. "A Distant Time" - Freya Crane
  2. "Boogie Oogie Oogie" - Black Symphony
  3. "Love Me Again" - Rita Coolidge
  4. "Love's In You, Love's In Me" - Giorgio & Chris
  5. "Lay Down Sally" - Eric Clapton
  6. "Times Are Changing" - Daniel Gerard
  7. "Ti Sento" - Nicola Di Bari
  8. "Fool (If You Think It's Over)" - Chris Rea
  9. "Still The Same" - Bob Seger
  10. "Shadow Dancing" - Andy Gibb
  11. "Goodbye Girl" - David Gates
  12. "Midnight Sun" - Shaun Cassidy
  13. "The Loneliest Man On The Moon" - David Castle
  14. "Lei Era" - Willy Morales

Referências

  1. «Sinal de alerta». Teledramaturgia. Consultado em 19 de dezembro de 2015 
  2. a b c d e «Rejeitada pelo público, novela com Vera Fischer enterrou horário da Globo». TV História. 16 de novembro de 2021. Consultado em 24 de novembro de 2021 

Ligações externasEditar