Siriusgnathus

Siriusgnathus é um cinodonte traversodonte do final do Triássico, na Supersequência Santa Maria, no Brasil. Inclui ao menos uma espécie, a Siriusgnathus niemeyerorum.

Como ler uma infocaixa de taxonomiaSiriusgnathus
Ocorrência: Carniano
~232–222 Ma
Siriusgnathus niemeyerorum
Siriusgnathus niemeyerorum
Estado de conservação
Extinta
Extinta
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Synapsida
Ordem: Therapsida
Família: Traversodontidae
Espécie: S. niemeyerorum

Teria um corpo robusto, comprido e com alguns indícios de pelos, em um estágio de transição entre os répteis e os mamíferos.[1]

O nome tem duas explicações. Foi inspirado na estrela Sirius, da constelação de Cão Maior, referente ao nome do grupo, cinodonte, que significa "dentes de cão". A segunda explicação é em referência ao personagem Sirius Black, da saga Harry Potter, que no enredo se transforma espontaneamente em um cão preto.[2]

Referências

  1. Ane Elise Branco, Pavanatto; Flávio Augusto, Pretto; Kerber, Leonardo; Rodrigo Temp, Müller; Átila Augusto, Stock Da-Rosa; Dias-da-Silva, Sérgio (16 de agosto de 2018). «A new Upper Triassic cynodont-bearing fossiliferous site from southern Brazil, with taphonomic remarks and description of a new traversodontid taxon». Nova York: Elsevier. Journal of South American Earth Sciences. Consultado em 29 de agosto de 2018 
  2. «Nova espécie de cinodonte é descoberta no RS». Gaúcha ZH. Consultado em 29 de agosto de 2018