Sistema Buchholz

O Sistema Buchholz (também grafado Buchholtz) é a soma da pontuação de cada um dos oponentes enfrentados ao longo de uma competição.

A ideia é, em caso de empate, favorecer o competidor que tiver enfrentado os adversários mais fortes. Esse calculo é utilizado como critério de desempate em diversas competições, principalmente as realizadas no Sistema Suíço. O Buchholz possui muitas variantes como, por exemplo, o Median-Buchholz que também prevê a soma dos pontos dos oponentes enfrentados, mas descartando a melhor e a pior pontuação.[1]

Foi desenvolvido por Bruno Buchholz em 1932 para torneios no Sistema Suíço[2]. Originalmente, foi desenvolvido como um método auxiliar de pontuação, mas logo passou a ser usado como um sistema de desempate. Foi provavelmente utilizado pela primeira vez no torneio de Bitterfeld de 1932. Foi desenvolvido para substituir o sistema Neustadtl.[2]

Referências

  1. [1]Critérios de Desempate no Xadrez
  2. a b Hooper (1992), p.

BibliografiaEditar

  • HOOPER, David & WHYLD, Kenneth (1992). The Oxford Companion to Chess (em inglês) 2ª ed. Inglaterra: Oxford University Press. ISBN 0-19-866164-9 
  • GOLOMBEK, Harry (1977). Golombek's Encyclopedia of chess (em inglês) 1ª ed. New York: Trewin Copplestone Publishing. ISBN 0-517-53146-1 

Ligações externasEditar