Abrir menu principal

Jesaia "Sjaak" Swart (Muiderberg , 3 de julho de 1938) é um ex -jogador de futebol neerlandês. Ele fazia parte do Ajax do início dos anos 70 que ganhou a Liga dos Campeões em 1971, 1972 e 1973.[1] Seu apelido é Mister Ajax. Sjaak Swart é o cavaleiro nacional da KNVB, nomeado pela Rainha Beatrix e cidadão honorário de Amsterdã. [2]

Sjaak Swart
Sjaak-swart-1336939869.jpg
Informações pessoais
Nome completo Jesaia Swart
Data de nasc. 3 de junho de 1938 (81 anos)
Local de nasc. Muiderberg, Países Baixos
Nacionalidade neerlandês
Altura 1,80 m
Apelido Mister Ajax
Informações profissionais
Número 8
Posição Extremo
Clubes de juventude
Países Baixos Ajax
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1956–1973 Países Baixos Ajax 00461 000(170)
Seleção nacional
1960–1972 Países Baixos 000031 0000(10)

Em 22 de janeiro de 2010, Swart (juntamente com Piet Keizer) foi nomeado membro honorário do Ajax. Durante anos, a possível nomeação de Swart como membro honorário do Ajax foi um tema de conversa dentro do clube. Além disso, a regra não escrita tinha de ser alterada para que (ex) jogadores pudessem se tornar um membro honorário.

Durante anos ele foi, junto com Bennie Muller, o rosto do Ajax. Depois de sua carreira no Ajax, Swart continuou a jogar futebol fanaticamente na seleção amadora do Ajax e ainda joga regularmente na equipe de ex-profissionais Lucky Ajax e outras equipes de ex-jogadores. Ele ainda joga cerca de 30 jogos por ano.

Índice

Carreira como JogadorEditar

AjaxEditar

Swart fez sua estréia na primeira equipe do Ajax em 16 de setembro de 1956, quando tinha apenas dezoito anos. Durante a sua temporada de estreia, o Ajax ganhou a primeira edição da Premier League. Swart chegou a 5 jogos da liga nessa temporada.

Na temporada seguinte, Swart fez seu primeiro gol pelo Ajax, foi no jogo da liga contra o NOAD em 6 de outubro de 1957. Mais de um mês depois, Swart, como o Ajax, fez sua estréia na Liga dos Campeões. Swart fez sua estréia durante a partida fora contra o Wismut da Alemanha.

Depois de sua estréia em 1956, Swart não conseguiu marcar gol pelo Ajax em casa por cerca de um ano e meio; ele só marcava em jogos fora de casa. Em 1 de janeiro de 1959, ele rompeu com essa tradição marcando na partida o JOS. No gol contra o FC Volendam (9-0), Swart fez o 100º gol do Ajax na temporada de 1959/60. O Ajax marcou mais de 100 golos em uma temporada pela primeira vez.

Swart leveu o Ajax ao seu primeiro título europeu em 1962. Ajax ganhou a Copa Intertoto em 26 de abril de 1962, derrotando o Feyenoord na final por 4-2. Swart testemunhou o surgimento do "Ajax dourado" no final dos anos 60. Apesar do clube ter perdido a Liga dos Campeões em 1969 em uma final contra o AC Milan (1-4), eles venceram em 1971, 1972 e 1973. De acordo com a história, Swart disse que, em 1972, ele decidiu a semifinal contra o Benfica (1-0) com um cabeceio: "Eu só tive que pular".

Swart jogou toda a sua carreira profissional no AFC Ajax. Ele é o jogador do Ajax com o maior número de jogos no time principal. Ele jogou 603 jogos oficiais para o clube de Amsterdã, incluindo 463 jogos na Eredivisie, geralmente com o seu número 8. Com 175 gols, ele é o terceiro na lista de jogadores com mais gols do Ajax, atrás apenas de Johan Cruijff e Piet van Reenen.

Em 19 de maio de 1973, ele jogou sua última partida oficial.

Países BaixosEditar

Ele fez sua estréia em 26 de junho de 1960, em uma partida contra o México. Ele começou jogando e foi substituido aos 56 minutos. O jogo acabou 3-1 para os mexicanos. 

Em seu terceiro jogo contra o Suriname, ele marcou seu primeiro gol para a seleção neerlandesa, o jogo acabou 4-3 para os neerlandeses.

Sua última partida internacional foi em 1972 contra a Checoslováquia(2-1), depois que ele não era convocado pela seleção por quase 4 anos.

Swart eventualmente jogou 31 partidas na Seleção Neerlandesa de Futebol e marcou dez vezes. O notável é que, apesar de ter ganho tantos prêmios com o Ajax, ele nunca ganhou um prêmio com os Países Baixos ou mesmo jogou um torneio oficial com a seleção. [3]

HomenagemEditar

Em 24 de setembro de 2005, uma ponte no distrito de Amsterdã, Park de Meer, recebeu o nome de Swart. É uma das doze pontes que têm nome de jogadores do Golden Ajax.

BiografiaEditar

Em 14 de dezembro de 2009, sua biografia, Mister Ajax - A eterna juventude de Sjaak Swart foi publicada por Raymond Bouwman.

TítulosEditar

ReferênciasEditar

  1. Quixano, Jordi (2 de novembro de 2014). «"Escribimos parte de la historia del fútbol"». EL PAÍS (em espanhol) 
  2. Buchheister, Hendrik (4 de outubro de 2013). «'Yid Army': Football Teams' 'Jewish' Identities Questioned». Spiegel Online 
  3. «Sjaak Swart - International Appearances». www.rsssf.com. Consultado em 24 de dezembro de 2017