Abrir menu principal
Slayyyter
Slayyyter.jpg
Nome completo Catherine Slater
Nascimento 17 de setembro de 1996 (23 anos)
Nacionalidade norte-americana
Ocupação Cantora, compositora
Período de atividade 2018 (2018)—presente
Carreira musical
Gênero(s)
Gravadora(s)

Catherine Slater (St. Louis, 17 de setembro de 1996), conhecida profissionalmente como Slayyyter, é uma cantora e compositora estadunidense de música pop baseada atualmente em St. Luis. O início de sua carreira se deu de forma independente através da plataforma Soundcloud. Inicialmente, atendia pelo nome artístico de Slater. Seu single "Mine" atingiu a posição 38 no iTunes pop chart.

Início da vida e carreiraEditar

Início da vidaEditar

Slayyyter é de Kirkwood, Missouri, um pequeno subúrbio em St. Louis, onde ela passou a maior parte de sua vida. Ela estudou seu ensino fundamental em escolas particulares, contudo, no ensino médio, seguiu em escolas públicas onde, pela primeira vez, foram lhe oferecidas boas aulas de música.[1]

2017–2018: Aproximação com a música e primeiros singles lançadosEditar

Slayyyter passou um ano na faculdade, estudando na Universidade do Missouri. A mesma considera esse momento como um "experimento caro", onde ela começou sua carreira como musicista, escrevendo "80s lo-fi pop", o qual editava e produzia sozinha, porém nunca levando a público. Mais tarde ela saiu do curso e se comprometeu totalmente com sua carreira musical. Sua colaboradora mais frequenta, Ayesha Erotica, é de Los Angeles. As duas artistas se conheceram por meio do Twitter, pelo qual Slayyyter a seguiu primeiro. A cantora dá os créditos aos seus fãs na rede social por tê-la apresentado Ayesha.[2] Ela inclusive pretende se mudar para LA pelos trabalhos com a produtora.[3]

O debut single "BFF", os singles "Ghost", "Candy", "Alone", "Hello Kitty" (com participação adicional do na co-produção do frequente colaborador Boy Sim), e "All I Want for XXXmas" também floresceram de colaborações entre as duas artistas.

Em 2018, Slayyter também lançou os singles "I'm High" (com produção de GhostHaus) e "Platform Shoes" (produzido por Boy Sim).

2019: Singles, "The Mini Tour", e a primeira mixtapeEditar

No dia 30 de janeiro de 2019, Slayyyter anunciou seu novo single "Mine" com um trecho de 14 segundos.[4] Tal tweet rendeu mais de 200 mil views na rede social, sendo que a canção foi lançada no Dia dos Namorados, em fevereiro. Além disso, em menos de 24 horas, a faixa atingiu a posição 38 no pop chart do iTunes nos Estados Unidos.[5][6]

No dia 11 de fevereiro, quatro dias antes do lançamento oficial do single "Mine", Slayyyter anunciou por meio de suas redes sociais uma mini tour inicialmente constituída de 5 shows no total, ao longo de Nova Iorque, Missouri e Califórnia.[7][8] 4 meses depois, no dia 24 de junho, Slayyyter embarcou em sua tour entitulada "The Mini Tour". Mais 6 shows ocorreram ao longo de Massachussetts, Califórnia, Missouri, Texas e Washington D.C. em julho. A tour teve sua conclusão no dia 27 de julho, em sua cidade natal, St. Louis.[9]

Além de "Mine", os singles "Daddy AF" e "Everytime" (cover da música de mesmo nome da cantora estadunidense Britney Spears) foram lançados em maio. Houve uma colaboração com a artista Donatachi na faixa "Crush on U" em Junho.

No dia 17 de setembro de 2019, Slayyyter lançou sua mixtape homônima no iTunes. A mixtape teve pico na posição 4 no Pop Chart do iTunes e pico de 14 no US iTunes Albums Chart.[10]

ArtisticidadeEditar

 
Britney Spears, uma das maiores influências da artista.

Influências de estilo e estéticaEditar

Seu estilo musical tem sido avaliado como semelhante ao de artistas como Britney Spears, Lindsay Lohan e Paris Hilton. A cantora traz elementos fortes da estética musical dos anos 2000 e uma forte inspiração nas princesas pop dessa época, porém numa versão, de certa forma, não censurada, vista em faixas como Candy e Daddy AF. Há similaridades na sonoridade de sua música, também, com a artista Charli XCX.

Visualmente, tanto como por meio de suas redes sociais, Slayyyter traz um sentimento vivido nos primeiros anos das redes sociais na internet, por volta do mesmo período. Selfies tiradas pela mesma são, no geral, feitas numa webcam, remetendo ao MySpace. Slayyyter tenta trazer para uma nova geração trends antigos, que não tendo durado por muito tempo nos anos 2000, são considerados glamourosos e cool atualmente.[11] [12] Na escola de suas capas, ela colabora frequentemente com o artista Glitchmood.[2]

Slayyyter cita novamente Britney Spears como uma grande influência, assim como Timbaland, Nelly Furtado, Lady Gaga, Justin Timberlake, Madonna, Heidi Montag, Janet Jackson e Whitney Houston, sendo os artistas que ela mais ouviu ao crescer. [13][14]

Vida pessoalEditar

Slayyyter é abertamente bissexual. Ela já falou sobre sua orientação sexual com a revista Gay Times em março de 2019:

Sendo honesta, eu meio que sempre soube que gostava de garotas quando criança, mas também não pensava que estava tudo bem pra mim... Talvez um pouco depois do ensino médio que eu percebi, "Certo, eu definitivamente gosto de garotos e garotas, não tenho mais vergonha disso". Agora que tenho 22 anos, eu finalmente sinto que estou num ponto onde não preciso mais esconder minha bissexualidade. Eu estou pronto pra aceitá-la e ser eu mesma. Me sinto bem.[15]

DiscografiaEditar

MixtapesEditar

  • Slayyyter (2019)[16]

SinglesEditar

Como artista principalEditar

Título Ano Álbum
"BFF"
(featuring Ayesha Erotica)
2018 Slayyyter
"Ghost" Non-album singles
"I'm High"
"Platform Shoes"
"Candy" Slayyyter
"Hello Kitty" Non-album single
"Alone" Slayyyter
"All I Want for Xxxmas"
(featuring Ayesha Erotica)
Non-album single
"Mine" 2019 Slayyyter
"Daddy AF"
"Everytime" Non-album single
"Crush On U"
(with Donatachi)
Taste - EP
"Cha Ching" Slayyyter

Como artista secundáriaEditar

Título Ano Álbum
"Faded"
(Boy Sim featuring Slayyyter)
2018 Pink Noise
"Dial Tone"
(That Kid featuring Ayesha Erotica and Slayyyter)
Non-album singles
"Final Girl"
(Graveyardguy featuring Slayyyter)
"Diamond In The Dark"
(Liz featuring Slayyyter)
2019 ASA
"Click (No Boys Remix)"

(Charli XCX featuring Kim Petras & Slayyyter)

Referências

  1. «Exclusive: Slayyyter is Music's Internet Princess». V Magazine. April 12, 2016. Consultado em February 15, 2019  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  2. a b «Slayyyter really is the future of pop music». The FADER (em inglês). Consultado em November 2, 2018  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  3. Irvin, Jack; Irvin, Jack (February 15, 2019). «The Internet is a Pop Star's Game, and Slayyyter is Winning». Rolling Stone (em quiniaruanda). Consultado em February 16, 2019  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  4. slayyyter (29 de janeiro de 2019). «pic.twitter.com/ha2DJoNu5U». @slayyyter. Consultado em 7 de outubro de 2019 
  5. Maicki, Salvatore (February 15, 2019). «Slayyyter seizes her Valentine on new single "Mine"». The FADER. Consultado em February 15, 2019  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  6. «iTunes Pop Charts». iTunes Chart. February 8, 2019. Consultado em February 15, 2019  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  7. slayyyter (2019T10:19). «I'M GOING ON A MINI TOUR!! MY DEBUT SHOWS!! TICKETS GO ON SALE FRIDAY!! FT PERFORMANCES BY @robokidmusic AND @b0ysim !! COME PARTY!!pic.twitter.com/jGG2wN2zc4». @slayyyter (em inglês). Consultado em 7 de outubro de 2019  Verifique data em: |data= (ajuda)
  8. slayyyter (2019T10:28). «SLAYYYTER - THE MINI TOUR 25TH JUNE - BROOKLYN, NY 26TH JUNE - CHICAGO, IL 27TH JUNE - SAN FRANCISCO, CA 29TH JUNE  - LOS ANGELES, CApic.twitter.com/H5QIkAchPo». @slayyyter (em inglês). Consultado em 7 de outubro de 2019  line feed character character in |titulo= at position 26 (ajuda); Verifique data em: |data= (ajuda)
  9. «Slayyyter Live: A Star in the Making». PAPER (em inglês). 26 de junho de 2019. Consultado em 20 de setembro de 2019 
  10. «Slayyyter's Mixtape Is a Sticky-Sweet Stan Symphony». PAPER (em inglês). 17 de setembro de 2019. Consultado em 7 de outubro de 2019 
  11. «The Second Coming of 2000s Pop Is Here, and Her Name Is Slayyyter». Study Breaks (em inglês). 19 de junho de 2019. Consultado em 7 de outubro de 2019 
  12. «Slayyyter Is 2018 Pop, Inspired By 2007 Britney, Lindsay, and Paris». PAPER (em inglês). October 15, 2018. Consultado em November 2, 2018  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  13. «Slayyyter Premieres Full Version of Meme-Inspiring 'Mine': Listen». Billboard. Consultado em February 15, 2019  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  14. «Slayyyter Wants to Be the Next Main Pop Girl». MuuMuse. February 14, 2019. Consultado em February 15, 2019  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  15. Damshenas, Sam (March 19, 2019). «Slayyyter is the sexually liberated bisexual popstar you need to stan». Gay Times. Consultado em September 17, 2019  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  16. slayyyter (August 29, 2019). «𝙎𝙇𝘼𝙔𝙔𝙔𝙏𝙀𝙍 - The Mixtape ☆ coming 9/17 (my birthday) :}» (Tweet). Consultado em August 30, 2019 – via Twitter  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)