Slobodan Jovanović

Slobodan Jovanović (em sérvio cirílico: Слободан Јовановић; Novi Sad, Áustria-Hungria, 3 de dezembro de 1869 - Londres, Reino Unido, 12 de dezembro de 1958) foi um dos mais prolíficos juristas, historiadores, sociólogos, jornalistas e críticos literários da Sérvia. Se destacou com um estilo de escrita caracteristicamente claro e nítido mais tarde chamado de "estilo de Belgrado".

Slobodan Jovanović
Nascimento 3 de dezembro de 1869
Novi Sad (Áustria-Hungria)
Morte 12 de dezembro de 1958 (89 anos)
Londres (Reino Unido)
Residência Novi Sad
Cidadania Áustria-Hungria, Reino da Sérvia, Reino da Iugoslávia, Reino Unido, Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda
Etnia Sérvios
Progenitores
  • Vladimir Jovanović
Alma mater
Ocupação jurista, historiador, jornalista, professor universitário, escritor, diplomata, político, advogado, professor,
Prêmios
  • doutor honoris causa da Universidade de Zagreb
Empregador Faculdade de Direito da Universidade de Belgrado

Foi um liberal em seus pontos de vista social e político; e também foi, por quase meio século, um dos líderes da intelligentsia sérvia. Graduou-se direito em Genebra em 1890 e em 1905, foi professor da Faculdade de Direito da Universidade de Belgrado até 1941. Foi também primeiro-ministro iugoslavo no exílio em Londres, durante a Segunda Guerra Mundial.[1]

Referências