Sociedade Brasileira de Química

Sociedade Brasileira de Química
História
Fundação
Quadro profissional
Tipo
Domínio de atividade
Sede social
País
Organização
Afiliação
Website

Sociedade Brasileira de Química (SBQ), instituição oficial brasileira destinada a cuidar dos assuntos de mérito da Química, nos seus vários aspectos, científico, espistemológico, metodológico, bem como pragmático, foi fundada em 1977, durante uma reunião anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência.
A SBQ, uma sociedade aberta à participação de profissionais em química e áreas afins, é dirigida por uma diretoria eleita a cada dois anos e um Conselho Consultivo. Tem atuado de forma expressiva no desenvolvimento e consolidação da comunidade química brasileira, e na divulgação da Química e de suas importantes relações, aplicações e conseqüências para o desenvolvimento do país e para a melhoria da qualidade de vida dos cidadãos. Congrega mais de 3.000 sócios e dispõe de 23 secretarias regionais espalhadas por todo o país, bem como 12 divisões científicas específicas, concernentes às principais áreas da Química.
Além da promoção de reuniões anuais dos congregados (RASBQ), bastante frutíferas, a SBQ tem promovido outros eventos anuais sobre áreas da Química, para os quais converge um expressivo número de participantes e de trabalhos apresentados. O impacto na comunidade química brasileira é evidenciado pela publicação das revistas Revista Virtual de Química, Química Nova, Journal of the Brazilian Chemical Society (JBCS) e Química nova na escola (especificamente dirigida a professores de Química nas escolas brasileiras), além de um boletim eletrônico semanal. Essas publicações divulgam parte substancial da produção da pesquisa brasileira em Química nos contextos nacional e internacional.

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre um(a) químico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.