Abrir menu principal
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde junho de 2018). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Camera-photo.svg
Ajude a melhorar este artigo sobre Arquitetura ilustrando-o com uma imagem. Consulte Política de imagens e Como usar imagens.

O Solar dos Távoras é um solar construído no final do século XV ou princípio do século XVI, na freguesia de Souro Pires, concelho de Pinhel, classificado como imóvel de interesse público pelo Dec. nº 32 973, DG 175 de 18 Agosto 1943.

O seu nome advém do facto de estar ligado à família Távora, assim como a localidade de Souro Pires, cuja fundação é atribuída a Soeiro Peres de Távora.

As torres do solar tinham como função primitiva ser um elemento de defesa e de habitação, passando mais tarde a ser um sinal de importância e poder da família proprietária do solar.

Esta é uma das poucas Casas Senhoriais que nunca deixou a família, sendo frequentemente imemorizada por esse mesmo motivo.

Este imponente e notável edifício é considerado como o mais representativo das nobres casas do distrito da Guarda.

Ícone de esboço Este artigo sobre Património de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.