Steven Pressfield

Steven Pressfield (Port of Spain, Trinidade, setembro de 1943) é um escritor e autor de roteiros para cinema, americano. Seus livros retratam principalmente a ficção histórica militar em ambientes da antiguidade clássica.

Steven Pressfield
Steven Pressfield, Junho de 2011
Nascimento 1943 (78 anos)
Port of Spain, Trindade e Tobago
Nacionalidade trinitário-tobagense
norte-americano
Ocupação Escritor
Gênero literário Ficção histórica; Não-Ficção
Página oficial
stevenpressfield.com

BiografiaEditar

Pressfield serviu ao Corpo de Fuzileiros Navais dos Estados Unidos na década de 1960, e mais tarde se graduou na Universidade Duke.[1] Ele é judeu.[2]

Steven Pressfield apareceu como um dos historiadores do documentário do The History Channel em 2007, Last Stand of the 300.[carece de fontes?]

LiteraturaEditar

Suas obras de ficção histórica têm alto valor de pesquisa, mas, para dar andamento ao drama, Pressfield pode alterar alguns detalhes, como a seqüência dos eventos, ou fazer uso de termos contemporâneos e nomes de locais celebrados, com o objetivo, segundo ele, de tentar capturar o “espírito dos tempos”.

Para aumentar a imersão dos leitores aos tempos antigos, Pressfield tipicamente escreve seus livros a partir do ponto de vista dos personagens envolvidos. Em The Virtues of War (As Virtudes da Guerra), por exemplo, a história é contada a partir da perspectiva em primeira pessoa de Alexandre.

O épico Portões de Fogo é requisito na Academia Militar dos Estados Unidos e no Instituto Militar de Virgínia,[3] e de acordo com o L. A. Times, “alcançou status cult entre marines”.

ObrasEditar

Ficção históricaEditar

  • Gates of Fire (1998) no Brasil: Portas de Fogo (Objetiva, 2000 / Contexto, 2017)

Sobre a Batalha das Termópilas. Enquanto o exército persa invade a Grécia, os soldados vindos da Esparta e seus aliados tentam resistir-lhes na passagem das Termópilas. Foi o início dum terrível combate.

Sobre Alcibíades e a Guerra do Peloponeso. Atenas e Esparta, então no auge de suas potências, lutam entre elas pela hegemonia da Grécia. Um homem vai se destacar neste conflito impiedoso, Alcibíades. A sobrevivência de sua nação vai depender de sua conduta.

  • Last of the Amazons (2002) em Portugal: A Última Amazona (Ulisseia, 2003)

No qual Teseu, lendário rei de Atenas, segue viagem a navio para a Costa Norte do Mar Negro, povoada por uma raça de guerreiras femininas. Enquanto em Atenas os homens inventavam a civilização, a tribo das amazonas preferiu a liberdade das estepes. Porém, quando a rainha deste povo orgulhoso tomou a decisão de se casar com Teseu, rei de Atenas, o conflito tornou-se inevitável.

  • The Virtues of War (2004) em Portugal: As Virtudes da Guerra (Ulisseia, 2006)

Sobre Alexandre o Grande. Um nome que todo mundo conhece, um destino sem igual, uma vida feita para a guerra

Sobre as conquistas de Alexandre o Grande no Afeganistão. Enquanto as suas tropas há anos faziam campanhas, Alexandre o Grande continuou avançando na Ásia. Foi aqui, numa região terrível, que ele enfrentou seus inimigos mais tenazes: os afegãos.

Um relato fictício de uma patrulha do Grupo Britânico de Longo Alcance do Deserto, durante a Campanha Norte-Africana da Segunda Guerra Mundial

FicçãoEditar

Não-ficçãoEditar

  • The War of Art: Break Through the Blocks and Win Your Inner Creative Battles (2002) no Brasil: A Guerra da Arte - Supere os Bloqueios e Vença Suas Batalhas Interiores de Criatividade (Nova Fronteira, 2005)

Um livro que investiga a psicologia da criação das artes e como o "impedimento dos escritores" pode ser curado.

  • Do The Work (2011)
  • The Warrior Ethos (2011)
  • Turning Pro (2012)
  • The Authentic Swing: Notes from the Writing of First Novel (2013)
  • The Lion's Gate: On the Front Lines of the Six Day War (2014) no Brasil: A Porta Dos Leões - Nas Linhas de Frente da Guerra Dos Seis Dias (Contexto, 2017)
  • An American Jew: A Writer Confronts His Own Exile and Identity (2015)
  • Nobody Wants to Read Your Sh*t: Why That Is and What You Can Do About It (2016)

FilmografiaEditar

Como roteiristaEditar

Antes de publicar suas primeiras obras de ficção, Pressfield escreveu vários roteiros para Hollywood.

Estrelado por Steven Seagal e dirigido por Andrew Davis.

Obra de ficção científica, estrelando Emilio Estevez, Mick Jagger, e Anthony Hopkins.

Dirigido por Vic Armstrong, estrelando Dolph Lundgren e George Segal.

Adaptação cinematográficaEditar

 Ver artigo principal: The Legend of Bagger Vance

Baseado no livro homônimo, estrelando Matt Damon como o jogador profissional de golfe e Will Smith como seu guia espiritual.[4]

Referências

Ligações externasEditar