Abrir menu principal

Super Liga Chinesa

Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)


Super Liga Chinesa
中国足球协会超级联赛
Chinese Super League
Flag of the People's Republic of China.svg
Dados gerais
Organização AFC
CFA
Edições 12 (incluindo 2004)
Outros nomes Campeonato Chinês de Futebol
CSL
Local de disputa  China
Número de equipes 16
Sistema Temporada, Pontos corridos
Divisões
China League One (2ª) • China League Two (3ª)
Soccerball current event.svg Edição atual
editar

A Super Liga Chinesa (em chinês: 中国足球协会超级联赛联). Em inglês Chinese Super League (CSL) é a primeira divisão do Campeonato Chinês de Futebol. Atualmente tem 16 equipas, os 3 primeiros qualificam-se para a Liga dos Campeões Asiática e os dois últimos são rebaixados para a segunda divisão do campeonato, a China League One.

A competição é a camada mais alta do futebol profissional na China. A liga foi criada para substituir a antiga Liga Jia-A, que foi extinta em 2003. Juntamente com a Super Liga, foram criadas as divisões inferiores, a segunda e terceira divisões (China League One e China League Two, respectivamente).

Fundada por 12 clubes chineses, o campeonato é organizado pela Confederação Asiática de Futebol (AFC), em conjunto com a Associação Chinesa de Futebol (CFA).

O título já foi ganho por seis equipes distintas: Shenzhen Jianlibao, Dalian Shide, Shandong Luneng, Changchun Yatai, Beijing Guoan e Guangzhou Evergrande. Este último é o maior vencedor do campeonato, com 7 títulos (2011, 2012, 2013, 2014, 2015, 2016 e 2017).

Índice

RegulamentoEditar

Ao contrário de muitos campeonatos europeus, a Super Liga Chinesa começa em fevereiro ou março (primavera na China) e termina em outubro ou novembro (início do inverno). Em cada temporada, todos jogam contra todos, em turno e returno. A equipe que somar o maior número de pontos é a campeã. São 30 rodadas ao final da temporada.

Os dois últimos colocados no final da temporada são rebaixados para a Liga China One (2ª divisão) e as duas melhores equipas da League One são promovidas.

Os três primeiros do campeonato, assim como o vencedor da Copa da China, qualificam-se para a Liga dos Campeões da AFC do próximo ano. Se o vencedor da Copa terminar nas três primeiras posições na liga, o quarto colocado será qualificado para a Champions Asiática.

Política de jogadores estrangeirosEditar

Jogadores profissionais de futebol na China recebem salários relativamente elevados quando comparados com outras ligas desportivas chinesas e ligas de futebol de outros países. Como resultado, muitos jogadores estrangeiros são contratados para jogar no campeonato. No entanto, existem regras que restringem o número de jogadores importados estritamente a cinco por equipe, incluindo uma exceção para um jogador asiático. Uma equipe pode usar no máximo quatro jogadores estrangeiros como titular por jogo. Esta regra serve para promover a melhora na qualidade dos jogadores nativos e se adequar com regras parecidas em outras ligas asiáticas.

Na temporada 2017, o regulamento sofreu grandes mudanças para os jogadores. Nesta edição, apenas três jogadores estrangeiros podem ser escalados como titulares, seja de qualquer nacionalidade. Diferente da edição anterior, onde podiam jogar 3 jogadores de qualquer nacionalidade e um jogador asiático. Outra regra implementada nesse edição foi a obrigatoriedade de escalar um jogador chinês sub-23 como titular. Foi estipulado também um teto limite para multas de contratações de jogadores, devido aos valores absurdos pagos pelos clubes para contratar estrangeiros em edições anteriores. O teto seria de € 5,8 milhões de euros, qualquer valor acima de disso, o clube contratante teria que pagar uma taxa de 100% em relação ao determinado valor gasto. [1]

HistóriaEditar

Em 1994, a Liga Jia-A se tornou a primeira liga de futebol profissional no país. Em 29 de outubro de 2000, Yan Shiduo, vice-presidente da Associação Chinesa de Futebol, idealizou sobre a criação de um novo sistema de liga profissional. Em 2002, a CFA tomou a decisão de estabelecer a Super Liga Chinesa, que começou em 2004.

Em comparação com a Liga Jia-A, a CSL é muito mais exigente com as equipes. A comissão da CFA e CSL impôs uma série de critérios mínimos para garantir um programa de desenvolvimento de jovens em todos os clubes, gestão profissional, administração e probidade financeira. As segunda e terceira divisão, China League One e China League Two, também foram remodeladas. Além da liga profissional regular, a CSL também tem um campeonato de divisões de base, a CSL sub-19, sub-17 e sub-15.

A CSL e a China League One tem como metas promover a alta qualidade e concorrência em alto nível; introduzir conceitos de gestão avançada para o mercado; fazer cumprir a entrega de normas mínimas de profissionalismo; incentivar o fluxo de treinadores e jogadores estrangeiros da mais alta qualidade; e, gradualmente, estabelecer o sistema europeu de inscrições de jogadores e transferências.

A primeira temporada da CSL começou em 2004, com 12 equipes na liga. A temporada inaugural foi atormentada com muita controvérsia, por parte dos organizadores e defensores do antigo campeonato, a Liga Jia-A. A partir de 1998, os escândalos, como manipulações de resultados e apostas clandestinas foram descobertos. Isto resultou em uma grande perda de interesse do público no esporte e grandes prejuízos financeiros.

A ideia original era ter um time rebaixado e dois promovidos para as temporadas de 2005, aumentando assim o número de equipes em 2006 para 14. Mas as decisões da CFA fez com que os rebaixamentos fossem cancelados nesses dois anos.

Para a temporada de 2005, a liga se expandiu para 14 equipes após o Wuhan Huanghelou e Zhuhai Zhongbang serem promovidos na China League One. A equipe de Zhuhai, tinha sido comprado pela Shanghai Zhongbang, gigante empresa imobiliária, e mudou-se para Xangai e, posteriormente foi renomeada para Shanghai Zobon.

Em 2006, o campeonato foi planejado para se expandir para 16 equipes, com os recém-promovidos Xiamen Lanshi e Changchun Yatai. No entanto, Sichuan Guancheng retirou sua equipe antes do início da temporada, deixando apenas 15 times na disputa, quando a temporada começou em 11 de março. O Shanghai Zobon foi rebatizado para Shanghai United.

Em 2007, o campeonato foi novamente planeado para ser expandido para 16 equipes, mas mais uma vez, encontrou-se um empecilho. O proprietário do Shanghai United, Zhu Jun, comprou uma parte importante no rival local, Shanghai Shenhua, e fundiu as duas equipes. Como resultado, o Shanghai Shenhua manteve o seu nome, já que era mais conhecido, enquanto o Shanghai United foi extinto.

Em 2008, a temporada começou com 16 clubes participantes, pela primeira vez, no entanto, o Wuhan Huanghelou protestaram contra punições feitas pela CFA após uma partida contra o Beijing Guoan, e anunciou a sua retirada imediata do campeonato, o que deixou o campeonato com 15 clubes quando foi encerrado.

Desde 2009, que o campeonato é disputado com 16 clubes participantes estáveis ​​em cada ano. Dois são rebaixados para a China League One, e dois promovidos da China League One.

Em 2010, a CSL foi assolada por um escândalo responsável pelo alto comando da Associação Chinesa de Futebol. O governo chinês tomou medidas de âmbito nacional contra o jogo de futebol, a manipulação de resultados e corrupção no esporte. Três ex-vice-presidentes da entidade foram presos, Xie Yalong, Nan Yong e Yang Yimin.

Em 2011, o movimento anti-corrupção tinha visivelmente melhorado a imagem da competição, com aumento de público. Clubes como o Guangzhou Evergrande e Shanghai Shenhua começaram a investir pesado em estrelas internacionais. Depois de comprar o ex-jogador do Fluminense, Darío Conca, em 2011, algumas contratações de destaque em 2012 incluem o meia Seydou Keita (ex-Barcelona) e os atacantes Didier Drogba e Nicolas Anelka, ambos ex-Chelsea, Frédéric Kanouté (ex-Sevilla), Yakubu Aiyegbeni (ex-Blackburn Rovers) e Lucas Barrios (ex-Borussia Dortmund).

O ex-treinador da Seleção Japonesa, Takeshi Okada, assumiu as rédeas como o novo treinador do Hangzhou Greentown, assim como o ex-treinador da Seleção Argentina, Sergio Batista, substituiu Jean Tigana como treinador do Shanghai Shenhua e o ex-treinador da Seleção Italiana e da Juventus, Marcello Lippi, substituiu Lee Jang-Soo como treinador do Guangzhou Evergrande.

Equipes 2017Editar

Nome Nome chinês Cidade Estádio Capacidade 1ª Temporada Pos. 2016 Melhor Pos.
Beijing Guoan 北京国安 Pequim Workers Stadium 66,000 2004 Campeão (2009)
Changchun Yatai 长春亚泰联长春 Changchun, Jilin Development Area Stadium 25,000 2006 12º Campeão (2007)
Chongqing Lifan 重庆力帆联赛 Chongqing Chongqing Olympic SC 58,600 2004 12º (2004)
Guangzhou Evergrande 广州恒大淘宝长春 Guangzhou, Guangdong Tianhe Stadium 58,500 2008 Campeão Campeão (2011, 2012, 2013, 2014, 2015 e 2016)
Guangzhou R&F 广州富力长州富 Guangzhou, Guangdong Yuexiushan Stadium 30,000 2004 3º (2014)
Guizhou Hengfeng Zhicheng 贵州恒丰智诚 Guiyang, Guizhou Guiyang Olympic SC 53,000 2017 2º (2ª divisão)
Hebei China Fortune 河北华夏幸福 Qinhuangdao, Hebei Qinhuangdao Stadium 33,000 2016 7º (2016)
Henan Jianye 河南建业 Zhengzhou, Henan Zhengzhou Hanghai Stadium 29,800 2007 13º 3º (2009)
Jiangsu Suning 江苏国信舜天 Nanquim, Jiangsu Estádio Olímpico de Nanjing 62,000 2009 2º (2012 e 2016)
Liaoning Whowin 辽宁宏运 Shenyang, Liaoning Shenyang Stadium 55,000 2004 10º 3º (2011)
Shandong Luneng 山东鲁能泰山 Jinan, Shandong Luneng Big Stadium 56,800 2004 14º Campeão (2006, 2008 e 2010)
Shanghai Shenhua 上海绿地申花 Xangai Estádio Hongkou 35,000 2004 2º (2005, 2006 e 2008)
Shanghai SIPG 上海上港 Xangai Estádio de Shanghai 56,800 2013 2º (2015)
Tianjin Quanjian 天津权健 Tianjin, Hebei Haihe Educational Football Stadium 30,000 2017 1º (2ª divisão)
Tianjin Teda 天津泰达 Tianjin, Hebei Estádio Olímpico de Tianjin 54,700 2004 11º 2º (2010)
Yanbian Funde 延边富德 Yanji, Jilin Yanji Nationwide Fitness Centre Stadium 30,000 2016 9º (2016)

RecordistasEditar

Última atualização: 18 de setembro de 2018

Negrito jogadores ainda em atividade.

CampeõesEditar

Temporada Campeão Vice-campeão 3º Lugar
2004 Shenzhen Jianlibao Shandong Luneng Inter Shanghai
2005 Dalian Shide Shanghaï Shenhua Shandong Luneng
2006 Shandong Luneng Shanghaï Shenhua Beijing Guoan
2007 Changchun Yatai Beijing Guoan Shandong Luneng
2008 Shandong Luneng Shanghaï Shenhua Beijing Guoan
2009 Beijing Guoan Changchun Yatai Henan Construction
2010 Shandong Luneng Tianjin Teda Shanghaï Shenhua
2011 Guangzhou Evergrande Beijing Guoan Liaoning Whowin
2012 Guangzhou Evergrande Jiangsu Sainty Beijing Guoan
2013 Guangzhou Evergrande Shandong Luneng Beijing Guoan
2014 Guangzhou Evergrande Beijing Guoan Guangzhou R&F
2015 Guangzhou Evergrande Shanghai SIPG Shandong Luneng
2016 Guangzhou Evergrande Jiangsu Suning Shanghai SIPG
2017 Guangzhou Evergrande Shanghai SIPG Tianjin Quanjian
Maiores Campeões
Clube Títulos Vice-Campeão Temporadas Campeão Temporadas Vice-Campeão
Guangzhou Evergrande 7 0 2011, 2012, 2013, 2014, 2015, 2016 e 2017
Shandong Luneng 3 2 2006, 2008 e 2010 2004 e 2013
Beijing Guoan 1 3 2009 2007, 2011 e 2014
Changchun Yatai 1 1 2007 2009
Shenzhen Jianlibao 1 0 2004
Dalian Shide 1 0 2005
Shanghaï Shenhua 0 3 2005, 2006 e 2008
Tianjin Teda 0 1 2010
Jiangsu Suning 0 2 2012, 2016
Shanghai SIPG 0 2 2015, 2017

Técnicos Campeões

Treinador Clube Temporadas
  Marcello Lippi Guangzhou Evergrande 2012,2013,2014
  Luiz Felipe Scolari Guangzhou Evergrande 2015,2016,2017
  Ljubiša Tumbaković Shandong Luneng 2006,2008
  Zhu Guanghu Shenzhen FC 2004
  Vladimir Petrović Dalian Shide 2005
  Gao Hongbo Changchun Yatai 2007
  Hong Yuanshuo Beijing Guoan 2009
  Branko Ivanković Shandong Luneng 2010
  Lee Jang-Soo Guangzhou Evergrande 2011

PúblicoEditar

Público por TemporadaEditar

Temporada Total de Público Jogos Média Variação Maior Média Clube Nº de Equipes Rebaixados
2004 1,430,600 132 10,838 -63.4% 23,636 Shandong Luneng 12 -
2005 1,871,700 182 10,284 -5.4% 26,000 Shandong Luneng 14 -
2006 2,228,300 210 10,611 +3.2% 30,679 Shandong Luneng 15 1
2007 3,173,500 210 15,112 +42.4% 24,643 Shanxi Chanba 15 1
2008 3,065,280 228 13,444 -12.4% 26,501 Shandong Luneng 16 2
2009 3,854,115 240 16,059 +19.5% 36,805 Beijing Guoan 16 2
2010 3,499,304 240 14,581 -9.2% 33,342 Beijing Guoan 16 2
2011 4,236,322 240 17,651 +21.1% 45,666 Guangzhou Evergrande 16 2
2012 4,497,578 240 18,740 +6.2% 37,250 Guangzhou Evergrande 16 2
2013 4,456,977 240 18,571 -0.9% 40,428 Guangzhou Evergrande 16 2
2014 4,556,520 240 18,986 +2.2% 42,154 Guangzhou Evergrande 16 2
2015 5,326,304 240 22,193 +16.8% 45,889 Guangzhou Evergrande 16 2
2016 5,798,135 240 24,159 +8.8% 44,833 Guangzhou Evergrande 16 2
2017 5,703,871 240 23,766 -1.6% 45,587 Guangzhou Evergrande 16 2

PrêmiosEditar

MVPEditar

Este prêmio é concedido ao melhor jogador do campeonato. Oficialmente o nome do prêmio é "Most Valuable Player - MVP" (Jogador Mais Valioso)", mas popularmente é conhecido como o "Prêmio do Senhor Bola de Ouro"

Temporada Jogador Clube
2004   Zhao Junzhe Liaoning Whowin
2005   Branko Jelić Beijing Guoan
2006   Zheng Zhi Shandong Luneng
2007   Du Zhenyu Changchun Yatai
2008   Emil Martínez Shanghai Shenhua
2009   Samuel Caballero Changchun Yatai
2010   Duvier Riascos Shanghai Shenhua
2011   Muriqui Guangzhou Evergrande
2012   Cristian Dănălache Jiangsu Sainty
2013   Darío Conca Guangzhou Evergrande
2014   Elkeson Guangzhou Evergrande
2015   Ricardo Goulart Guangzhou Evergrande
2016   Ricardo Goulart Guangzhou Evergrande
2017   Eran Zahavi Guangzhou R&F

Chuteira de OuroEditar

Este prêmio é concedido ao artilheiro do campeonato no ano.

Temporada Artilheiro Clube Gols
2004   Kwame Ayew Inter Shanghai 17
2005   Branko Jelić Beijing Guoan 21
2006   Li Jinyu Shandong Luneng 26
2007   Li Jinyu Shandong Luneng 15
2008   Éber Luís Tianjin Teda 14
2009   Hernán Barcos
  Luis Ramírez
Shenzhen Asia / Shanghai Shenhua
Guangzhou Evergrande
17
2010   Duvier Riascos Shanghai Shenhua 20
2011   Muriqui Guangzhou Evergrande 16
2012   Cristian Dănălache Jiangsu Sainty 23
2013   Elkeson Guangzhou Evergrande 24
2014   Elkeson Guangzhou Evergrande 27
2015   Aloísio Shandong Luneng 21
2016   Ricardo Goulart Guangzhou Evergrande 19
2017   Eran Zahavi Guangzhou R&F 27

Há também um prêmio que é concedido ao maior artilheiro chinês da temporada, que foi introduzido pela primeira vez em 2011.

Temporada Artilheiro Clube Gols
2011   Yu Hanchao Liaoning Whowin 12
2012   Wang Yongpo Shandong Luneng 10
2013   Wu Lei Shanghai Dongya 15
2014   Wu Lei Shanghai Dongya 12
2015   Wu Lei Shanghai SIPG 14
2016   Wu Lei Shanghai SIPG 14
2017   Wu Lei Shanghai SIPG 20

Treinador do AnoEditar

Temporada Treinador Clube Conquista (s)
2004   Zhu Guanghu Shenzhen Jianlibao Campeão da CSL
2005   Vladimir Petrović Dalian Shide Campeão da CSL e FA Cup Chinesa
2006   Ljubiša Tumbaković Shandong Luneng Campeão da CSL e FA Cup Chinesa
2007   Gao Hongbo Changchun Yatai Campeão da CSL
2008   Ljubiša Tumbaković Shandong Luneng Campeão da CSL
2009   Tang Yaodong Henan Jianye 3º lugar na CSL
2010   Branko Ivanković Shandong Luneng Campeão da CSL
2011   Ma Lin Liaoning Whowin 3º lugar na CSL
2012   Dragan Okuka Jiangsu Sainty Vice-Campeão da CSL
2013   Marcello Lippi Guangzhou Evergrande Campeão da CSL
2014   Gregorio Manzano Beijing Guoan Vice-Campeão da CSL
2015   Luiz Felipe Scolari Guangzhou Evergrande Campeão da CSL e AFC Champions League
2016   Luiz Felipe Scolari Guangzhou Evergrande Campeão da CSL, FA Cup Chinesa e Supercopa Chinesa
2017   Fabio Cannavaro Tianjin Quanjian 3º colocado CSL

Revelação do AnoEditar

Este prêmio é entregue ao melhor jogador jovem da temporada.

Temporada Jogador Clube
2004   Chen Tao Shenyang Ginde
2005   Hao Junmin Tianjin Teda
2006   Wang Dalei Shanghai Liancheng
2007   Hao Junmin Tianjin Teda
2008   Huang Bowen Beijing Guoan
2009   Deng Zhuoxiang Jiangsu Sainty
2010   Zheng Zheng Shandong Luneng
2011   Song Wenjie Qingdao Jonoon
2012   Zhang Xizhe Beijing Guoan
2013   Jin Jingdao Shandong Luneng
2014   Liu Binbin Shandong Luneng
2015 Vago Vago
2016   Li Xiaoming Henan Jianye
2017   Hu Jinghang Henan Jianye

Goleiro do AnoEditar

Este prêmio é concedido ao melhor goleiro da temporada.

Temporada Jogador Clube
2012   Deng Xiaofei Jiangsu Sainty
2013   Zeng Cheng Guangzhou Evergrande
2014   Wang Dalei Shandong Luneng
2015   Zeng Cheng Guangzhou Evergrande
2016   Zeng Cheng Guangzhou Evergrande
2017   Yan Junling Shanghai SIPG

PatrocinadoresEditar

A liga assina um contrato de patrocínio de um ano com uma empresa, adulterando o nome oficial do campeonato. Os patrocinadores da CSL desde sua criação são:

Temporada Empresa Valor do Contrato Nome Oficial
2004   Siemens Mobile € 8 milhões Siemens Mobile Chinese Super League
2005 Sem patrocínio
2006   IPhox € 6 milhões IPhox Chinese Super League
2007   Kingway Beer € 5,2 milhões Kingway Beer Chinese Super League
2008 € 5,5 milhões
2009   Pirelli € 5 milhões Pirelli Chinese Super League
2010 € 5 milhões
2011   Wanda Plaza € 9,4 milhões Wanda Plaza Chinese Super League
2012 € 9,4 milhões
2013 € 9,4 milhões
2014   Ping An Insurance € 21,9 milhões China Ping'an Chinese Super League
2015 € 21,9 milhões
2016 € 21,9 milhões
2017 € 21,9 milhões
2018 € 25,1 milhões

Transmissão mundialEditar

Desde agosto de 2016, que o campeonato é transmitido para o mundo inteiro. Essas são empresas que transmitem a Liga ao redor do globo.

País Televisão
  China CCTV5, GSTV, Le Sports
  Hong Kong Le Sports HK
  Macau TDM HD
  Bósnia e Herzegovina
  Macedônia
  Montenegro
  Sérvia
SportKlub 2 Serbia
  Croácia Sportklub 2 Croatia
  Eslovênia Sportklub 2 Slovenia
  Reino Unido
  Irlanda
Sky Sports 3/HD
  Israel Sport 1
  Singapura Starhub SuperSports
  França
  Bélgica
  Suíça
  Luxemburgo
SFR Sport 2
  Albânia
  Andorra
  Áustria
  Bielorrússia
  Bulgária
  Chipre
  República Checa
  Dinamarca
  Estónia
  Finlândia
  Alemanha
  Grécia
  Hungria
  Itália
  Kosovo
  Letônia
  Liechtenstein
  Lituânia
  Moldávia
  Países Baixos
  Noruega
  Polónia
  Portugal
  Roménia
  Rússia
  San Marino
  Eslováquia
  Espanha
  Suécia
  Ucrânia
  Vaticano
Eurosport
  Estados Unidos
  Canadá
Le Sports US
  Turquia Fotomac
  Brasil ESPN Brasil
  Gana GTV
Subcontinente Indiano Star Sports
América Latina Claro Sports
Norte e Meio-Oeste Africano Dubai Sports 1
Sub-Saharan Africa Star Times
Sudeste Asiático Le Sports

Categorias inferioresEditar

A Super Liga Chinesa também existe nas categorias de base. Os campeões a seguir:

Temporada Campeão Sub-19 Campeão Sub-17 Campeão Sub-15
2004 Shanghai Shenhua Shandong Luneng Shandong Luneng
2005 Shandong Luneng Shandong Luneng Shandong Luneng
2006 Beijing Guoan Shandong Luneng Shandong Luneng
2007 Chongqing Lifan Shandong Luneng Shandong Luneng
2008 Beijing Guoan Changchun Yatai Shandong Luneng
2009 Shandong Luneng Changchun Yatai Wuhan FA
2010 Cancelado Shandong Luneng Shanghai Luckystar
2011 Beijing Guoan Shanghai FA Hubei FA
2012 Jiangsu FA Liaoning FA Guangzhou FA

Referências

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar