Abrir menu principal

Superliga Brasileira de Voleibol Feminino de 1998–99

Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde maio de 2016). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

A Superliga Feminina de Vôlei 1998/1999 foi um torneio realizado a partir de 5 de Dezembro de 1998 até 18 de Abril de 1999 por doze equipes representando cinco estados.

Índice

ParticipantesEditar

  Petrobras/Força Olímpica, Brasília/DF
  Banestado/Londrina, Londrina/PR
  Leites Nestlé, Jundiaí/SP
  Petrobrás/Macaé, Macaé/RJ
  MRV/Minas, Belo Horizonte/MG
  BCN/Osasco, Osasco/SP
  Rexona (Paraná Vôlei Clube), Curitiba/PR
  Blue Life/Pinheiros, São Paulo/SP
  Recreativa, Ribeirão Preto/SP
  Mizuno/Uniban/São Bernardo, São Bernardo do Campo/SP
  São Caetano, São Caetano do Sul/SP
  Universidade de Guarulhos, Guarulhos/SP

RegulamentoEditar

  • Fase Classificatória:As 12 equipes disputaram partida todas contra todas, em sistema de turno e returno. Após disputada as 22 rodadas, as equipes campeãs do turno e do returno se classificaram automaticamente para a fase semifinal.Se uma equipe ganhasse os 2 turnos,a vaga ficaria com a segunda melhor equipe na classificação geral (turno e returno).
  • Playoffs:Os times que ficaram entre terceiro e sexto lugares foram divididos em dois grupos de duas equipes. No primeiro, jogaram o terceiro e o sexto colocados. Já o outro grupo teve o quarto e o quinto.Esses dois grupos foram disputados em sistema de play-offs.

Os campeões desses confrontos enfrentaram nas semifinais os dois primeiros colocados da fase de classificação. As séries semifinais, assim como a série final, aconteceram em melhor de cinco jogos.

CampeãoEditar

Superliga Brasileira Feminina 1998-99
 
São Bernardo
1º Título


ReferênciasEditar