Sven Bender

futebolista alemão

Sven Bender (Rosenheim, 27 de abril de 1989) é um ex-futebolista alemão que atuava como volante e zagueiro. É irmão gêmeo de Lars Bender. [1]

Sven Bender
Sven Bender
Sven Bender em 2018
Informações pessoais
Nome completo Sven Bender
Data de nasc. 27 de abril de 1989 (33 anos)
Local de nasc. Rosenheim, Alemanha Ocidental
Nacionalidade alemão
Altura 1,86 m
Destro
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição volante
Clubes de juventude
1993–1999
1999–2002
2002–2006
TSV Brannenburg
SpVgg Unterhaching
Munique 1860
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2006–2007
2006–2009
2009
2009–2017
2017–2021
Munique 1860 II
Munique 1860
Borussia Dortmund II
Borussia Dortmund
Bayer Leverkusen
0020 0000(3)
0070 0000(1)
0004 0000(0)
0224 0000(4)
0133 0000(6)
Seleção nacional
2005–2006
2007–2008
2009
2016
2011–2013
Alemanha Sub-17
Alemanha Sub-19
Alemanha Sub-20
Alemanha Olímpica
Alemanha
0010 0000(0)
0011 0000(1)
0003 0000(2)
0007 0000(0)
0006 0000(0)
Medalhas
Jogos Olímpicos
Prata Rio 2016 Futebol

CarreiraEditar

Início de carreiraEditar

Bender jogou de 1993 a 1999 na juvenil do TSV Brannenburg. De 1999 a 2002, ele fez parte das equipes juvenis do SpVgg Unterhaching. No verão de 2002, Bender mudou-se para o time juvenil de 1860 München.[2]

1860 MunichEditar

Ele começou sua carreira no futebol no sub-14 e jogou por todas as equipes juvenis do 1860 München em três anos. Em novembro de 2007, Bender estendeu seu contrato com o clube até 2011. Fez sua estreia no futebol profissional em 18 de dezembro de 2006, em um jogo em casa contra o FC Erzgebirge Aue, na 2ª Bundesliga. Em novembro de 2007, o prazo do contrato de Bender foi estendido até 2011, mas em 2009, o 1860 München precisou vender os irmãos Lars e Sven Bender, devido a problemas financeiros do clube. Sven mudou-se para o Borussia Dortmund e Lars para o Bayer Leverkusen. Ao todo, Bender atuou em 65 partidas e marcou 1 gol.[2]

Borussia DortmundEditar

Em 2009, Sven se juntou ao elenco do Borussia Dortmund, onde assinou um contrato com o clube até 2013.[3]

Em 27 de julho de 2013, Bender venceu a DFL-Supercup de 2013 com o Dortmund batendo o Bayern de Munique por 4–2.[4]

Em 21 de fevereiro de 2016, Bender assinou uma extensão de contrato até 2021.[5]

Bayer LeverkusenEditar

Em 13 de julho de 2017, Bender encerrou sua passagem de oito anos no Borussia Dortmund, assinando um contrato de quatro anos com o Bayer Leverkusen e passando a atuar junto com seu irmão.[6] Ambos os irmãos anunciaram aposentadoria do futebol após partida contra o Dortmund, no final da temporada 20/21.[7]

Seleção nacionalEditar

Pela seleção, Bender fez sua estreia em um amistoso contra a Austrália em março de 2011.[8]

Rio 2016Editar

Bender fez parte do elenco da Seleção Alemã de Futebol nas Olimpíadas de 2016, tendo recebido a medalha de prata.[9][10]

TítulosEditar

Borussia Dortmund
Seleção Alemã de Futebol

Referências

  1. UEFA
  2. a b «Sven Bender | Bayer 04 Leverkusen | Bundesliga | 2020/21 | Spielerprofil». kicker (em alemão). Consultado em 25 de maio de 2021 
  3. KGaA, Borussia Dortmund GmbH & Co. «Sven Bender bleibt bis 2021 beim BVB». www.bvb.de (em alemão). Consultado em 25 de maio de 2021 
  4. «Borussia Dortmund 4-2 FC Bayern Munich | 2013 DFL Supercup | Match report | - Bundesliga - official website». web.archive.org. 6 de novembro de 2013. Consultado em 25 de maio de 2021 
  5. Sport1.de. «Sven Bender verlängert bei Borussia Dortmund bis 2021». Sport1.de (em alemão). Consultado em 25 de maio de 2021 
  6. «Sven Bender swaps Borussia Dortmund for Bayer Leverkusen». bundesliga.com - the official Bundesliga website (em inglês). Consultado em 25 de maio de 2021 
  7. «Bender twins to retire at the end of the season». Bulinews (em inglês). Consultado em 25 de maio de 2021 
  8. «Germany v Australia Live Commentary & Result, 29/03/2011, Friendlies | Goal.com». www.goal.com. Consultado em 25 de maio de 2021 
  9. «Elenco ALE Rio 2016». Consultado em 20 de junho de 2016. Arquivado do original em 12 de julho de 2016 
  10. Moniz, Gustavo (22 de agosto de 2016). «É ouro! Brasil vence a Alemanha nos pênaltis e é campeão do futebol masculino na Olimpíada». EL PAÍS. Consultado em 25 de maio de 2021 

Ligações externasEditar